Novas receitas

Receita de Smoothie Verde para queima de gordura Cynthia Sass

Receita de Smoothie Verde para queima de gordura Cynthia Sass

Um smoothie verde é a maneira perfeita de começar o dia

Por fim, um smoothie verde que vai fazer você amar e desejar frutas e vegetais. Comece colocando seu melhor pé em frente e experimente esta receita para o café da manhã.

Esta receita é cortesia de Cynthia Sass.

Ingredientes

  • 1 pequena pera anjou verde muito madura
  • 2 colheres de sopa de pimentão verde picado
  • 1/4 xícara de pepino descascado picado
  • 1 xícara de folhas soltas de espinafre
  • 1/4 de abacate maduro
  • 1 xícara de leite de amêndoa e baunilha
  • 1 colher de proteína de ervilha sem açúcar em pó puro
  • 1 colher de sopa de raiz de gengibre fresco ralada
  • 1 colher de sopa de suco de limão espremido na hora

7 coisas que você deve saber sobre o Matcha

& # 151 - introdução: Tenho ouvido muitas perguntas sobre matcha ultimamente. Ouvi dizer que matcha shots eram a "bebida certa" na New York Fashion Week, e muitos amantes de café dedicados estão trocando java por matcha. Se você está curioso sobre esta bebida da moda, aqui estão sete coisas que você deve saber.

lista rápida: 1categoria: 7 coisas que você deve saber sobre Matchatitle: é uma forma especial de teaurl verde: texto:

Matcha significa literalmente "chá em pó". Quando você pede o chá verde tradicional, os componentes das folhas são infundidos na água quente e, em seguida, as folhas são descartadas. Com matcha, você está bebendo as folhas reais, que foram finamente pulverizadas e transformadas em uma solução, tradicionalmente misturando cerca de uma colher de chá de matcha em pó com uma terceira xícara de água quente (aquecida a menos do que uma fervura), que é então batido com uma escova de bambu até espumar.

Ao contrário do chá verde tradicional, a preparação do matcha envolve cobrir as plantas de chá com panos de sombra antes de serem colhidas. Isso desencadeia o crescimento de folhas com melhor sabor e textura, que são selecionadas manualmente, brevemente cozidas no vapor para interromper a fermentação, depois secas e envelhecidas em armazenamento refrigerado, o que aprofunda o sabor. As folhas secas são então trituradas até formar um pó fino.

lista rápida: 2categoria: 7 coisas que você deve saber sobre o Matchatitle: Oferece benefícios à saúdeurl: text: Como o matcha é feito de chá de alta qualidade e as folhas inteiras são ingeridas, é uma fonte mais potente de nutrientes do que o chá verde embebido. Além de fornecer pequenas quantidades de vitaminas e minerais, matcha é rico em antioxidantes chamados polifenóis, que têm sido associados à proteção contra doenças cardíacas e câncer, bem como melhor regulação do açúcar no sangue, redução da pressão arterial e antienvelhecimento. Outro polifenol em matcha chamado EGCG foi mostrado em pesquisas para aumentar o metabolismo e retardar ou interromper o crescimento das células cancerosas.

lista rápida: 3categoria: 7 coisas que você deve saber sobre Matchatitle: Contém caffeineurl: text:

Como você está consumindo folhas inteiras em matcha, pode obter três vezes mais cafeína do que uma xícara de chá infundido, mais ou menos a quantidade de uma xícara de café. Os aficionados por matcha dizem que, em comparação com o burburinho da cafeína do café, matcha cria uma “calma alerta” devido a uma substância natural que contém chamada l-teanina, que induz relaxamento sem sonolência. Ainda assim, acredito que é melhor eliminar todas as formas de cafeína (incluindo matcha) pelo menos seis horas antes de deitar, para garantir uma boa noite de sono.

lista rápida: 4categoria: 7 coisas que você deve saber sobre o Matchatitle: Tradicionalmente, envolve meditaçãourl: texto: A preparação do matcha é o foco das cerimônias do chá japonesas e há muito tempo é associado ao Zen. Este é provavelmente um dos motivos pelos quais está se tornando tão popular, à medida que a meditação está se tornando cada vez mais comum. Como estou impressionado com a pesquisa sobre os benefícios da meditação mindfulness para a saúde e perda de peso, incluí um capítulo inteiro sobre essa prática em meu novo livro Slim Down Now e gravei um vídeo de meditação guiada de cinco minutos em meu site (clique na palavra mindful, canto superior direito para visualizar).

Acredito que se preparar e bebericar matcha se tornar uma forma de você desacelerar e estar no momento, seus benefícios se estenderão muito além dos antioxidantes que ela fornece, porque a meditação, em qualquer forma, tem uma miríade de recompensas. Foi demonstrado que reduz o cortisol (um hormônio do estresse conhecido por impulsionar o apetite e aumentar a gordura da barriga), diminuir a inflamação (um gatilho conhecido de envelhecimento prematuro e doenças), restringir a alimentação impulsiva, diminuir a pressão arterial e aumentar a autoestima e a compaixão.

lista rápida: 5categoria: 7 coisas que você deve saber sobre o Matchatitle: Os pós podem ser adoçados e a qualidade variaurl: text: O sabor é de matcha é forte. Algumas pessoas o descrevem como grama ou semelhante ao espinafre, e tem um sabor umami. Por isso, pode ser adoçado para melhorar sua palatabilidade. Um cliente ficou emocionado ao me dizer que estava bebendo matcha, mas em vez do pó matcha tradicional, ele estava bebendo uma mistura em pó. O primeiro ingrediente era o açúcar e também continha leite em pó, então era essencialmente como chocolate quente - mas com cacau trocado por matcha - algo que eu não recomendaria. Os especialistas em chá também alertam que, com o matcha, a qualidade é fundamental e tem um custo. Em outras palavras, matcha puro, fresco e de alta qualidade é caro. Um preço baixo pode ser uma bandeira vermelha para um produto de baixa qualidade.

lista rápida: 6categoria: 7 coisas que você deve saber sobre Matchatitle: A contaminação por chumbo é uma preocupaçãourl: texto:

Mesmo os chás verdes cultivados organicamente mostraram conter chumbo, que é absorvido pela planta do meio ambiente, particularmente o chá cultivado na China. Quando o chá verde tradicional é embebido, cerca de 90% do chumbo permanece na folha, que é descartada. Com matcha, como a folha inteira é consumida, você vai ingerir mais chumbo. Um grupo independente, o ConsumerLab.com, que testou chás, estima que uma xícara de matcha pode conter até 30 vezes mais chumbo do que uma xícara de chá verde. Portanto, eles recomendam beber no máximo uma xícara por dia, e não servir para crianças.

lista rápida: 7categoria: 7 coisas que você deve saber sobre o Matchatitle: Pode ser incorporado a refeiçõesurl: texto:

Matcha faz sucesso com os chefs, não apenas como bebida, mas como ingrediente de pratos doces e salgados. Se você pesquisar receitas de matcha no Google, encontrará de tudo, desde muffins de matcha, brownies e pudins, a sopa matcha, salteados e até matcha guacamole! Adoro experimentá-lo e, em um post anterior, escrevi sobre os benefícios potenciais dos alimentos umami para a perda de peso (O surpreendente sabor dos alimentos que podem ajudar você a perder quilos). Mas, devido a preocupações com o chumbo, recomendo evitar "matcha madness". Mesmo com superalimentos, você pode obter muito de uma coisa boa. Portanto, procure matcha puro, orgânico e de qualidade e saboreie-o com moderação.


7 coisas que você deve saber sobre o Matcha

& # 151 - introdução: Tenho ouvido muitas perguntas sobre matcha ultimamente. Ouvi dizer que matcha shots eram a "bebida certa" na New York Fashion Week, e muitos amantes de café dedicados estão trocando java por matcha. Se você está curioso sobre esta bebida da moda, aqui estão sete coisas que você deve saber.

lista rápida: 1categoria: 7 coisas que você deve saber sobre o Matchatitle: é uma forma especial de teaurl verde: texto:

Matcha significa literalmente "chá em pó". Quando você pede o chá verde tradicional, os componentes das folhas são infundidos na água quente e, em seguida, as folhas são descartadas. Com o matcha, você está bebendo as folhas reais, que foram finamente pulverizadas e transformadas em uma solução, tradicionalmente misturando cerca de uma colher de chá de matcha em pó com uma terceira xícara de água quente (aquecida a menos do que uma fervura), que é então batido com uma escova de bambu até espumar.

Ao contrário do chá verde tradicional, a preparação do matcha envolve cobrir as plantas de chá com panos de sombra antes de serem colhidas. Isso desencadeia o crescimento de folhas com melhor sabor e textura, que são selecionadas manualmente, brevemente cozidas no vapor para interromper a fermentação, depois secas e envelhecidas em armazenamento refrigerado, o que aprofunda o sabor. As folhas secas são então trituradas até formar um pó fino.

lista rápida: 2categoria: 7 coisas que você deve saber sobre o Matchatitle: Oferece benefícios à saúdeurl: text: Como o matcha é feito de chá de alta qualidade e as folhas inteiras são ingeridas, é uma fonte mais potente de nutrientes do que o chá verde embebido. Além de fornecer pequenas quantidades de vitaminas e minerais, matcha é rico em antioxidantes chamados polifenóis, que têm sido associados à proteção contra doenças cardíacas e câncer, bem como melhor regulação do açúcar no sangue, redução da pressão arterial e antienvelhecimento. Outro polifenol em matcha chamado EGCG foi mostrado em pesquisas para aumentar o metabolismo e retardar ou interromper o crescimento das células cancerosas.

lista rápida: 3categoria: 7 coisas que você deve saber sobre Matchatitle: Contém caffeineurl: text:

Como você está consumindo folhas inteiras em matcha, pode obter três vezes mais cafeína do que uma xícara de chá infundido, mais ou menos a quantidade de uma xícara de café. Os aficionados por matcha dizem que, em comparação com o burburinho da cafeína do café, matcha cria uma “calma alerta” devido a uma substância natural que contém chamada l-teanina, que induz relaxamento sem sonolência. Ainda assim, acredito que é melhor eliminar todas as formas de cafeína (incluindo matcha) pelo menos seis horas antes de deitar, para garantir uma boa noite de sono.

lista rápida: 4categoria: 7 coisas que você deve saber sobre o Matchatitle: Tradicionalmente, envolve meditaçãourl: texto: A preparação do matcha é o foco das cerimônias do chá japonesas e há muito tempo é associado ao Zen. Este é provavelmente um dos motivos pelos quais está se tornando tão popular, à medida que a meditação está se tornando cada vez mais comum. Como estou impressionado com a pesquisa sobre os benefícios da meditação mindfulness para a saúde e perda de peso, incluí um capítulo inteiro sobre essa prática em meu novo livro Slim Down Now e gravei um vídeo de meditação guiada de cinco minutos em meu site (clique na palavra mindful, canto superior direito para visualizar).

Acredito que se preparar e bebericar matcha se tornar uma forma de você desacelerar e estar no momento, seus benefícios se estenderão muito além dos antioxidantes que ela fornece, porque a meditação, em qualquer forma, tem uma miríade de recompensas. Foi demonstrado que reduz o cortisol (um hormônio do estresse conhecido por impulsionar o apetite e aumentar a gordura da barriga), diminuir a inflamação (um gatilho conhecido de envelhecimento prematuro e doenças), restringir a alimentação impulsiva, diminuir a pressão arterial e aumentar a autoestima e a compaixão.

lista rápida: 5categoria: 7 coisas que você deve saber sobre o Matchatitle: Os pós podem ser adoçados e a qualidade variaurl: text: O sabor é de matcha é forte. Algumas pessoas o descrevem como grama ou semelhante ao espinafre, e tem um sabor umami. Por isso, pode ser adoçado para melhorar sua palatabilidade. Um cliente ficou emocionado ao me dizer que estava bebendo matcha, mas em vez do pó matcha tradicional, ele estava bebendo uma mistura em pó. O primeiro ingrediente era o açúcar e também continha leite em pó, então era essencialmente como chocolate quente - mas com cacau trocado por matcha - algo que eu não recomendaria. Os especialistas em chá também alertam que, com o matcha, a qualidade é fundamental e tem um custo. Em outras palavras, matcha puro, fresco e de alta qualidade é caro. Um preço baixo pode ser uma bandeira vermelha para um produto de baixa qualidade.

lista rápida: 6categoria: 7 coisas que você deve saber sobre Matchatitle: A contaminação por chumbo é uma preocupaçãourl: texto:

Mesmo os chás verdes cultivados organicamente mostraram conter chumbo, que é absorvido pela planta do meio ambiente, particularmente o chá cultivado na China. Quando o chá verde tradicional é embebido, cerca de 90% do chumbo permanece na folha, que é descartada. Com matcha, como a folha inteira é consumida, você vai ingerir mais chumbo. Um grupo independente, o ConsumerLab.com, que testou chás, estima que uma xícara de matcha pode conter até 30 vezes mais chumbo do que uma xícara de chá verde. Portanto, eles recomendam beber no máximo uma xícara por dia, e não servir para crianças.

lista rápida: 7categoria: 7 coisas que você deve saber sobre o Matchatitle: Pode ser incorporado ao mealurl: texto:

Matcha faz sucesso com os chefs, não apenas como bebida, mas como ingrediente de pratos doces e salgados. Se você pesquisar receitas de matcha no Google, encontrará de tudo, desde muffins de matcha, brownies e pudins, a sopa matcha, salteados e até matcha guacamole! Adoro experimentá-lo e, em um post anterior, escrevi sobre os benefícios potenciais dos alimentos umami para a perda de peso (O surpreendente sabor dos alimentos que podem ajudá-lo a perder quilos). Mas, devido a preocupações com o chumbo, recomendo evitar "matcha madness". Mesmo com superalimentos, você pode obter muito de uma coisa boa. Portanto, procure matcha puro, orgânico e de qualidade e saboreie-o com moderação.


7 coisas que você deve saber sobre o Matcha

& # 151 - introdução: Tenho ouvido muitas perguntas sobre matcha ultimamente. Ouvi dizer que matcha shots eram a "bebida certa" na New York Fashion Week, e muitos amantes de café dedicados estão trocando java por matcha. Se você está curioso sobre esta bebida da moda, aqui estão sete coisas que você deve saber.

lista rápida: 1categoria: 7 coisas que você deve saber sobre Matchatitle: é uma forma especial de teaurl verde: texto:

Matcha significa literalmente "chá em pó". Quando você pede o chá verde tradicional, os componentes das folhas são infundidos na água quente e, em seguida, as folhas são descartadas. Com matcha, você está bebendo as folhas reais, que foram finamente pulverizadas e transformadas em uma solução, tradicionalmente misturando cerca de uma colher de chá de matcha em pó com uma terceira xícara de água quente (aquecida a menos do que uma fervura), que é então batido com uma escova de bambu até espumar.

Ao contrário do chá verde tradicional, a preparação do matcha envolve cobrir as plantas de chá com panos de sombra antes de serem colhidas. Isso desencadeia o crescimento de folhas com melhor sabor e textura, que são selecionadas manualmente, brevemente cozidas no vapor para interromper a fermentação, depois secas e envelhecidas em armazenamento refrigerado, o que aprofunda o sabor. As folhas secas são então trituradas até formar um pó fino.

lista rápida: 2categoria: 7 coisas que você deve saber sobre o Matchatitle: Oferece benefícios à saúdeurl: text: Como o matcha é feito de chá de alta qualidade e as folhas inteiras são ingeridas, é uma fonte mais potente de nutrientes do que o chá verde embebido. Além de fornecer pequenas quantidades de vitaminas e minerais, matcha é rico em antioxidantes chamados polifenóis, que têm sido associados à proteção contra doenças cardíacas e câncer, bem como melhor regulação do açúcar no sangue, redução da pressão arterial e antienvelhecimento. Outro polifenol em matcha chamado EGCG foi mostrado em pesquisas para aumentar o metabolismo e retardar ou interromper o crescimento das células cancerosas.

lista rápida: 3categoria: 7 coisas que você deve saber sobre Matchatitle: Contém caffeineurl: text:

Como você está consumindo folhas inteiras em matcha, pode obter três vezes mais cafeína do que uma xícara de chá infundido, mais ou menos a quantidade de uma xícara de café. Os aficionados por matcha dizem que, em comparação com o burburinho da cafeína do café, matcha cria uma “calma alerta” devido a uma substância natural que contém chamada l-teanina, que induz relaxamento sem sonolência. Ainda assim, acredito que é melhor eliminar todas as formas de cafeína (incluindo matcha) pelo menos seis horas antes de deitar, para garantir uma boa noite de sono.

lista rápida: 4categoria: 7 coisas que você deve saber sobre o Matchatitle: Tradicionalmente, envolve meditaçãourl: texto: A preparação do matcha é o foco das cerimônias do chá japonesas e há muito tempo é associado ao Zen. Este é provavelmente um dos motivos pelos quais está se tornando tão popular, à medida que a meditação está se tornando cada vez mais comum. Como estou impressionado com a pesquisa sobre os benefícios da meditação mindfulness para a saúde e perda de peso, incluí um capítulo inteiro sobre essa prática em meu novo livro Slim Down Now e gravei um vídeo de meditação guiada de cinco minutos em meu site (clique na palavra mindful, canto superior direito para visualizar).

Acredito que se preparar e bebericar matcha se tornar uma forma de você desacelerar e estar no momento, seus benefícios se estenderão muito além dos antioxidantes que ela fornece, porque a meditação, em qualquer forma, tem uma miríade de recompensas. Foi demonstrado que reduz o cortisol (um hormônio do estresse conhecido por impulsionar o apetite e aumentar a gordura da barriga), diminuir a inflamação (um gatilho conhecido de envelhecimento prematuro e doenças), restringir a alimentação impulsiva, diminuir a pressão arterial e aumentar a autoestima e a compaixão.

lista rápida: 5categoria: 7 coisas que você deve saber sobre o Matchatitle: Os pós podem ser adoçados e a qualidade variaurl: text: O sabor é de matcha é forte. Algumas pessoas o descrevem como grama ou semelhante ao espinafre, e tem um sabor umami. Por isso, pode ser adoçado para melhorar sua palatabilidade. Um cliente ficou emocionado ao me dizer que estava bebendo matcha, mas em vez do pó matcha tradicional, ele estava bebendo uma mistura em pó. O primeiro ingrediente era o açúcar e também continha leite em pó, então era essencialmente como chocolate quente - mas com cacau trocado por matcha - algo que eu não recomendaria. Os especialistas em chá também alertam que, com o matcha, a qualidade é fundamental e tem um custo. Em outras palavras, matcha puro, fresco e de alta qualidade é caro. Um preço baixo pode ser uma bandeira vermelha para um produto de baixa qualidade.

lista rápida: 6categoria: 7 coisas que você deve saber sobre Matchatitle: A contaminação por chumbo é uma preocupaçãourl: texto:

Demonstrou-se que até mesmo chás verdes cultivados organicamente contêm chumbo, que é absorvido pela planta do meio ambiente, especialmente o chá cultivado na China. Quando o chá verde tradicional é embebido, cerca de 90% do chumbo permanece na folha, que é descartada. Com matcha, como a folha inteira é consumida, você vai ingerir mais chumbo. Um grupo independente, o ConsumerLab.com, que testou chás, estima que uma xícara de matcha pode conter até 30 vezes mais chumbo do que uma xícara de chá verde. Portanto, eles recomendam beber no máximo uma xícara por dia, e não servir para crianças.

lista rápida: 7categoria: 7 coisas que você deve saber sobre o Matchatitle: pode ser incorporado a refeiçõesurl: texto:

Matcha faz sucesso com os chefs, não apenas como bebida, mas como ingrediente de pratos doces e salgados. Se você pesquisar receitas de matcha no Google, encontrará de tudo, desde muffins de matcha, brownies e pudins, a sopa matcha, salteados e até matcha guacamole! Adoro experimentá-lo e, em um post anterior, escrevi sobre os benefícios potenciais dos alimentos umami para a perda de peso (O surpreendente sabor dos alimentos que podem ajudar você a perder quilos). Mas, devido a preocupações com o chumbo, recomendo evitar "matcha madness". Mesmo com superalimentos, você pode obter muito de uma coisa boa. Portanto, procure matcha puro, orgânico e de qualidade e saboreie-o com moderação.


7 coisas que você deve saber sobre o Matcha

& # 151 - introdução: Tenho ouvido muitas perguntas sobre matcha ultimamente. Ouvi dizer que matcha shots eram a "bebida certa" na New York Fashion Week, e muitos amantes de café dedicados estão trocando java por matcha. Se você está curioso sobre esta bebida da moda, aqui estão sete coisas que você deve saber.

lista rápida: 1categoria: 7 coisas que você deve saber sobre Matchatitle: é uma forma especial de teaurl verde: texto:

Matcha significa literalmente "chá em pó". Quando você pede o chá verde tradicional, os componentes das folhas são infundidos na água quente e, em seguida, as folhas são descartadas. Com matcha, você está bebendo as folhas reais, que foram finamente pulverizadas e transformadas em uma solução, tradicionalmente misturando cerca de uma colher de chá de matcha em pó com uma terceira xícara de água quente (aquecida a menos do que uma fervura), que é então batido com uma escova de bambu até espumar.

Ao contrário do chá verde tradicional, a preparação do matcha envolve cobrir as plantas de chá com panos de sombra antes de serem colhidas. Isso desencadeia o crescimento de folhas com melhor sabor e textura, que são selecionadas manualmente, brevemente cozidas no vapor para interromper a fermentação, depois secas e envelhecidas em armazenamento refrigerado, o que aprofunda o sabor. As folhas secas são então trituradas até formar um pó fino.

lista rápida: 2categoria: 7 coisas que você deve saber sobre o Matchatitle: Oferece benefícios à saúdeurl: text: Como o matcha é feito de chá de alta qualidade e as folhas inteiras são ingeridas, é uma fonte mais potente de nutrientes do que o chá verde embebido. Além de fornecer pequenas quantidades de vitaminas e minerais, matcha é rico em antioxidantes chamados polifenóis, que têm sido associados à proteção contra doenças cardíacas e câncer, bem como melhor regulação do açúcar no sangue, redução da pressão arterial e antienvelhecimento. Outro polifenol em matcha chamado EGCG foi mostrado em pesquisas para aumentar o metabolismo e retardar ou interromper o crescimento das células cancerosas.

lista rápida: 3categoria: 7 coisas que você deve saber sobre Matchatitle: Contém caffeineurl: text:

Como você está consumindo folhas inteiras em matcha, pode obter três vezes mais cafeína do que uma xícara de chá infundido, mais ou menos a quantidade de uma xícara de café. Os aficionados por matcha dizem que, em comparação com o burburinho da cafeína do café, matcha cria uma “calma alerta” devido a uma substância natural que contém chamada l-teanina, que induz relaxamento sem sonolência. Ainda assim, acredito que é melhor eliminar todas as formas de cafeína (incluindo matcha) pelo menos seis horas antes de deitar, para garantir uma boa noite de sono.

lista rápida: 4categoria: 7 coisas que você deve saber sobre o Matchatitle: Tradicionalmente, envolve meditaçãourl: texto: A preparação do matcha é o foco das cerimônias do chá japonesas e há muito tempo é associado ao Zen. Este é provavelmente um dos motivos pelos quais está se tornando tão popular, à medida que a meditação está se tornando cada vez mais comum. Como estou impressionado com a pesquisa sobre os benefícios da meditação mindfulness para a saúde e perda de peso, incluí um capítulo inteiro sobre essa prática em meu novo livro Slim Down Now e gravei um vídeo de meditação guiada de cinco minutos em meu site (clique na palavra mindful, canto superior direito para visualizar).

Acredito que se preparar e bebericar matcha se tornar uma maneira de você desacelerar e estar no momento, seus benefícios se estenderão muito além dos antioxidantes que ela fornece, porque a meditação, em qualquer forma, tem uma miríade de recompensas. Foi demonstrado que reduz o cortisol (um hormônio do estresse conhecido por impulsionar o apetite e aumentar a gordura da barriga), diminuir a inflamação (um gatilho conhecido de envelhecimento prematuro e doenças), restringir a alimentação impulsiva, diminuir a pressão arterial e aumentar a autoestima e a compaixão.

lista rápida: 5categoria: 7 coisas que você deve saber sobre o Matchatitle: Os pós podem ser adoçados e a qualidade variaurl: text: O sabor é de matcha é forte. Algumas pessoas o descrevem como grama ou semelhante ao espinafre e tem um sabor umami. Por isso, pode ser adoçado para melhorar sua palatabilidade. Um cliente ficou emocionado ao me dizer que estava bebendo matcha, mas em vez do pó matcha tradicional, ele estava bebendo uma mistura em pó. O primeiro ingrediente era o açúcar e também continha leite em pó, então era essencialmente como chocolate quente - mas com cacau trocado por matcha - algo que eu não recomendaria. Os especialistas em chá também alertam que, com o matcha, a qualidade é fundamental e tem um custo. Em outras palavras, matcha puro, fresco e de alta qualidade é caro. Um preço baixo pode ser uma bandeira vermelha para um produto de baixa qualidade.

lista rápida: 6categoria: 7 coisas que você deve saber sobre Matchatitle: A contaminação por chumbo é uma preocupaçãourl: texto:

Mesmo os chás verdes cultivados organicamente mostraram conter chumbo, que é absorvido pela planta do meio ambiente, particularmente o chá cultivado na China. Quando o chá verde tradicional é embebido, cerca de 90% do chumbo permanece na folha, que é descartado. Com matcha, como a folha inteira é consumida, você vai ingerir mais chumbo. Um grupo independente, o ConsumerLab.com, que testou chás, estima que uma xícara de matcha pode conter até 30 vezes mais chumbo do que uma xícara de chá verde. Portanto, eles recomendam beber no máximo uma xícara por dia, e não servir para crianças.

lista rápida: 7categoria: 7 coisas que você deve saber sobre o Matchatitle: pode ser incorporado a refeiçõesurl: texto:

Matcha faz sucesso com os chefs, não apenas como bebida, mas como ingrediente de pratos doces e salgados. Se você pesquisar receitas de matcha no Google, encontrará de tudo, desde muffins de matcha, brownies e pudins, a sopa matcha, salteados e até mesmo matcha guacamole! Adoro experimentá-lo e, em um post anterior, escrevi sobre os benefícios potenciais dos alimentos umami para a perda de peso (O surpreendente sabor dos alimentos que podem ajudá-lo a perder quilos). Mas, devido a preocupações com o chumbo, recomendo evitar "matcha madness". Mesmo com superalimentos, você pode obter muito de uma coisa boa. Portanto, procure matcha puro, orgânico e de qualidade e saboreie-o com moderação.


7 coisas que você deve saber sobre o Matcha

& # 151 - introdução: Tenho ouvido muitas perguntas sobre matcha ultimamente. Ouvi dizer que matcha shots eram a "bebida certa" na New York Fashion Week, e muitos amantes de café dedicados estão trocando java por matcha. Se você está curioso sobre esta bebida da moda, aqui estão sete coisas que você deve saber.

lista rápida: 1categoria: 7 coisas que você deve saber sobre Matchatitle: é uma forma especial de teaurl verde: texto:

Matcha significa literalmente "chá em pó". Quando você pede o chá verde tradicional, os componentes das folhas são infundidos na água quente e, em seguida, as folhas são descartadas. Com o matcha, você está bebendo as folhas reais, que foram finamente pulverizadas e transformadas em uma solução, tradicionalmente misturando cerca de uma colher de chá de matcha em pó com uma terceira xícara de água quente (aquecida a menos do que uma fervura), que é então batido com uma escova de bambu até espumar.

Ao contrário do chá verde tradicional, a preparação do matcha envolve cobrir as plantas de chá com panos de sombra antes de serem colhidas. Isso desencadeia o crescimento de folhas com melhor sabor e textura, que são selecionadas manualmente, brevemente cozidas no vapor para interromper a fermentação, depois secas e envelhecidas em armazenamento refrigerado, o que aprofunda o sabor. As folhas secas são então trituradas até formar um pó fino.

lista rápida: 2categoria: 7 coisas que você deve saber sobre o Matchatitle: Ele oferece benefícios à saúdeurl: text: Como o matcha é feito de chá de alta qualidade e as folhas inteiras são ingeridas, é uma fonte mais potente de nutrientes do que o chá verde embebido. Além de fornecer pequenas quantidades de vitaminas e minerais, matcha é rico em antioxidantes chamados polifenóis, que têm sido associados à proteção contra doenças cardíacas e câncer, bem como melhor regulação do açúcar no sangue, redução da pressão arterial e antienvelhecimento. Outro polifenol em matcha chamado EGCG foi mostrado em pesquisas para aumentar o metabolismo e retardar ou interromper o crescimento das células cancerosas.

lista rápida: 3categoria: 7 coisas que você deve saber sobre Matchatitle: Contém caffeineurl: text:

Como você está consumindo folhas inteiras em matcha, pode obter três vezes mais cafeína do que uma xícara de chá infundido, mais ou menos a quantidade de uma xícara de café. Os aficionados por matcha dizem que, em comparação com o burburinho da cafeína do café, matcha cria uma “calma alerta” devido a uma substância natural que contém chamada l-teanina, que induz relaxamento sem sonolência. Ainda assim, acredito que é melhor eliminar todas as formas de cafeína (incluindo matcha) pelo menos seis horas antes de deitar, para garantir uma boa noite de sono.

lista rápida: 4categoria: 7 coisas que você deve saber sobre o Matchatitle: Tradicionalmente, envolve meditaçãourl: texto: A preparação do matcha é o foco das cerimônias do chá japonesas e há muito tempo é associado ao Zen. Este é provavelmente um dos motivos pelos quais está se tornando tão popular, à medida que a meditação está se tornando cada vez mais comum. Como estou impressionado com a pesquisa sobre os benefícios da meditação mindfulness para a saúde e perda de peso, incluí um capítulo inteiro sobre essa prática em meu novo livro Slim Down Now e gravei um vídeo de meditação guiada de cinco minutos em meu site (clique na palavra mindful, canto superior direito para visualizar).

Acredito que se preparar e bebericar matcha se tornar uma forma de você desacelerar e estar no momento, seus benefícios se estenderão muito além dos antioxidantes que ela fornece, porque a meditação, em qualquer forma, tem uma miríade de recompensas. Foi demonstrado que reduz o cortisol (um hormônio do estresse conhecido por impulsionar o apetite e aumentar a gordura da barriga), diminuir a inflamação (um gatilho conhecido de envelhecimento prematuro e doenças), restringir a alimentação impulsiva, diminuir a pressão arterial e aumentar a autoestima e a compaixão.

lista rápida: 5categoria: 7 coisas que você deve saber sobre o Matchatitle: Os pós podem ser adoçados e a qualidade variaurl: text: O sabor é de matcha é forte. Algumas pessoas o descrevem como grama ou semelhante ao espinafre e tem um sabor umami. Por isso, pode ser adoçado para melhorar sua palatabilidade. Um cliente ficou emocionado ao me dizer que estava bebendo matcha, mas em vez do pó matcha tradicional, ele estava bebendo uma mistura em pó. O primeiro ingrediente era o açúcar e também continha leite em pó, então era essencialmente como chocolate quente - mas com cacau trocado por matcha - algo que eu não recomendaria. Os especialistas em chá também alertam que, com o matcha, a qualidade é fundamental e tem um custo. Em outras palavras, matcha puro, fresco e de alta qualidade é caro. Um preço baixo pode ser uma bandeira vermelha para um produto de baixa qualidade.

lista rápida: 6categoria: 7 coisas que você deve saber sobre Matchatitle: A contaminação por chumbo é uma preocupaçãourl: texto:

Mesmo os chás verdes cultivados organicamente mostraram conter chumbo, que é absorvido pela planta do meio ambiente, particularmente o chá cultivado na China. Quando o chá verde tradicional é embebido, cerca de 90% do chumbo permanece na folha, que é descartada. Com matcha, como a folha inteira é consumida, você vai ingerir mais chumbo. Um grupo independente, o ConsumerLab.com, que testou chás, estima que uma xícara de matcha pode conter até 30 vezes mais chumbo do que uma xícara de chá verde. Portanto, eles recomendam beber no máximo uma xícara por dia, e não servir para crianças.

lista rápida: 7categoria: 7 coisas que você deve saber sobre o Matchatitle: Pode ser incorporado ao mealurl: texto:

Matcha faz sucesso com os chefs, não apenas como bebida, mas como ingrediente de pratos doces e salgados. Se você pesquisar receitas de matcha no Google, encontrará de tudo, desde muffins de matcha, brownies e pudins, a sopa matcha, salteados e até matcha guacamole! Adoro experimentá-lo e, em um post anterior, escrevi sobre os benefícios potenciais dos alimentos umami para a perda de peso (O surpreendente sabor dos alimentos que podem ajudar você a perder quilos). Mas, devido a preocupações com o chumbo, recomendo evitar "matcha madness". Mesmo com superalimentos, você pode obter muito de uma coisa boa. Portanto, procure matcha puro, orgânico e de qualidade e saboreie-o com moderação.


7 coisas que você deve saber sobre o Matcha

& # 151 - introdução: Tenho ouvido muitas perguntas sobre matcha ultimamente. Ouvi dizer que matcha shots eram a "bebida certa" na New York Fashion Week, e muitos amantes de café dedicados estão trocando java por matcha. Se você está curioso sobre esta bebida da moda, aqui estão sete coisas que você deve saber.

quicklist: 1category: 7 Things You Should Know About Matchatitle: It’s a special form of green teaurl:text:

Matcha literally means “powdered tea.” When you order traditional green tea, components from the leaves get infused into the hot water, then the leaves are discarded. With matcha, you’re drinking the actual leaves, which have been finely powdered and made into a solution, traditionally by mixing about a teaspoon of matcha powder with a third cup of hot water (heated to less than a boil), which is then whisked with a bamboo brush until it froths.

Unlike traditional green tea, matcha preparation involves covering the tea plants with shade cloths before they’re harvested. This triggers the growth of leaves with better flavor and texture, which are hand selected, steamed briefly to stop fermentation, then dried and aged in cold storage, which deepens the flavor. The dried leaves are then stone-ground into a fine powder.

quicklist: 2category: 7 Things You Should Know About Matchatitle: It offers health benefitsurl:text:Because matcha is made from high-quality tea, and the whole leaves are ingested, it’s a more potent source of nutrients than steeped green tea. In addition to providing small amounts of vitamins and minerals, matcha is rich in antioxidants called polyphenols, which have been tied to protection against heart disease and cancer, as well as better blood sugar regulation, blood pressure reduction, and anti-aging. Another polyphenol in matcha called EGCG has been shown in research to boost metabolism, and slow or halt the growth of cancer cells.

quicklist: 3category: 7 Things You Should Know About Matchatitle: It contains caffeineurl:text:

Because you’re consuming whole leaves in matcha, you may get three times as much caffeine than a cup of steeped tea, about the amount in a cup of brewed coffee. Matcha aficionados say that compared to the caffeine buzz from coffee, matcha creates an “alert calm” due to a natural substance it contains called l-theanine, which induces relaxation without drowsiness. Still, I do believe it’s best to nix all forms of caffeine (including matcha) at least six hours before bedtime, to ensure a good night’s sleep.

quicklist: 4category: 7 Things You Should Know About Matchatitle: It traditionally involves meditationurl:text:The preparation of matcha is the focus of Japanese tea ceremonies, and it has long been association with Zen. This is likely one reason it’s becoming so popular, as meditation is becoming more and more mainstream. Because I’m blown away by the research on the health and weight loss benefits of mindfulness meditation, I included an entire chapter about this practice in my new book Slim Down Now, and recorded a five-minute guided meditation video on my website (click on the word mindful, top right to view).

I believe that if preparing and sipping matcha becomes a way for you to slow down, and be in the moment, its benefits will extend far beyond the antioxidants it provides, because meditation, in any form, has a myriad of rewards. It’s been shown to reduce cortisol (a stress hormone known to drive appetite and increase belly fat), lower inflammation (a known trigger of premature aging and disease), curb impulsive eating, lower blood pressure, and boost self-esteem and compassion.

quicklist: 5category: 7 Things You Should Know About Matchatitle: The powders may be sweetened, and the quality variesurl:text:The taste is of matcha is strong. Some people describe it as grass or spinach-like, and it has an umami taste. Because of this it may be sweetened to improve its palatability. One client was thrilled to tell me that he was drinking matcha, but instead of traditional matcha powder, he was drinking a powdered mix. The first ingredient was sugar, and it also contained powdered milk, so it was essentially like hot chocolate—but with cocoa swapped for matcha—something I wouldn’t recommend. Tea experts also warn that with matcha quality is key, and it comes at a cost. In other words, high quality, fresh, pure matcha is expensive. A low price tag can be a red flag for a poor quality product.

quicklist: 6category: 7 Things You Should Know About Matchatitle: Lead contamination is a concernurl:text:

Even organically grown green teas have been shown to contain lead, which is absorbed by the plant from the environment, particularly tea grown in China. When traditional green tea is steeped, about 90% of the lead stays in the leaf, which is discarded. With matcha, since the whole leaf is consumed, you will ingest more lead. One independent group, ConsumerLab.com, which tested teas, estimates that a cup of matcha may contain as much as 30 times more lead than a cup of green tea. Therefore, they recommend drinking no more than one cup daily, and not serving it to children.

quicklist: 7category: 7 Things You Should Know About Matchatitle: It can be incorporated into mealsurl:text:

Matcha is hot with chefs, not just as a beverage, but as an ingredient in both sweet and savory dishes. If you Google matcha recipes, you’ll find everything from matcha muffins, brownies and puddings, to matcha soup, stir frys, and even matcha guacamole! I love experimenting with it, and in a previous post I wrote about the potential weight loss benefits of umami foods (The Surprising Food Flavor That Can Help You Shed Pounds). But due to concerns about lead, I recommend avoiding “matcha madness.” Even with superfoods, you can get too much of a good thing. So look for pure, organic, quality matcha, and enjoy it in moderation.


7 Things You Should Know About Matcha

— -- intro: I’ve been getting asked about matcha a whole lot lately. I heard that matcha shots were the “it beverage” at New York Fashion Week, and many dedicated coffee lovers are ditching java in favor of matcha. If you’re curious about this trendy beverage, here are seven things you should know.

quicklist: 1category: 7 Things You Should Know About Matchatitle: It’s a special form of green teaurl:text:

Matcha literally means “powdered tea.” When you order traditional green tea, components from the leaves get infused into the hot water, then the leaves are discarded. With matcha, you’re drinking the actual leaves, which have been finely powdered and made into a solution, traditionally by mixing about a teaspoon of matcha powder with a third cup of hot water (heated to less than a boil), which is then whisked with a bamboo brush until it froths.

Unlike traditional green tea, matcha preparation involves covering the tea plants with shade cloths before they’re harvested. This triggers the growth of leaves with better flavor and texture, which are hand selected, steamed briefly to stop fermentation, then dried and aged in cold storage, which deepens the flavor. The dried leaves are then stone-ground into a fine powder.

quicklist: 2category: 7 Things You Should Know About Matchatitle: It offers health benefitsurl:text:Because matcha is made from high-quality tea, and the whole leaves are ingested, it’s a more potent source of nutrients than steeped green tea. In addition to providing small amounts of vitamins and minerals, matcha is rich in antioxidants called polyphenols, which have been tied to protection against heart disease and cancer, as well as better blood sugar regulation, blood pressure reduction, and anti-aging. Another polyphenol in matcha called EGCG has been shown in research to boost metabolism, and slow or halt the growth of cancer cells.

quicklist: 3category: 7 Things You Should Know About Matchatitle: It contains caffeineurl:text:

Because you’re consuming whole leaves in matcha, you may get three times as much caffeine than a cup of steeped tea, about the amount in a cup of brewed coffee. Matcha aficionados say that compared to the caffeine buzz from coffee, matcha creates an “alert calm” due to a natural substance it contains called l-theanine, which induces relaxation without drowsiness. Still, I do believe it’s best to nix all forms of caffeine (including matcha) at least six hours before bedtime, to ensure a good night’s sleep.

quicklist: 4category: 7 Things You Should Know About Matchatitle: It traditionally involves meditationurl:text:The preparation of matcha is the focus of Japanese tea ceremonies, and it has long been association with Zen. This is likely one reason it’s becoming so popular, as meditation is becoming more and more mainstream. Because I’m blown away by the research on the health and weight loss benefits of mindfulness meditation, I included an entire chapter about this practice in my new book Slim Down Now, and recorded a five-minute guided meditation video on my website (click on the word mindful, top right to view).

I believe that if preparing and sipping matcha becomes a way for you to slow down, and be in the moment, its benefits will extend far beyond the antioxidants it provides, because meditation, in any form, has a myriad of rewards. It’s been shown to reduce cortisol (a stress hormone known to drive appetite and increase belly fat), lower inflammation (a known trigger of premature aging and disease), curb impulsive eating, lower blood pressure, and boost self-esteem and compassion.

quicklist: 5category: 7 Things You Should Know About Matchatitle: The powders may be sweetened, and the quality variesurl:text:The taste is of matcha is strong. Some people describe it as grass or spinach-like, and it has an umami taste. Because of this it may be sweetened to improve its palatability. One client was thrilled to tell me that he was drinking matcha, but instead of traditional matcha powder, he was drinking a powdered mix. The first ingredient was sugar, and it also contained powdered milk, so it was essentially like hot chocolate—but with cocoa swapped for matcha—something I wouldn’t recommend. Tea experts also warn that with matcha quality is key, and it comes at a cost. In other words, high quality, fresh, pure matcha is expensive. A low price tag can be a red flag for a poor quality product.

quicklist: 6category: 7 Things You Should Know About Matchatitle: Lead contamination is a concernurl:text:

Even organically grown green teas have been shown to contain lead, which is absorbed by the plant from the environment, particularly tea grown in China. When traditional green tea is steeped, about 90% of the lead stays in the leaf, which is discarded. With matcha, since the whole leaf is consumed, you will ingest more lead. One independent group, ConsumerLab.com, which tested teas, estimates that a cup of matcha may contain as much as 30 times more lead than a cup of green tea. Therefore, they recommend drinking no more than one cup daily, and not serving it to children.

quicklist: 7category: 7 Things You Should Know About Matchatitle: It can be incorporated into mealsurl:text:

Matcha is hot with chefs, not just as a beverage, but as an ingredient in both sweet and savory dishes. If you Google matcha recipes, you’ll find everything from matcha muffins, brownies and puddings, to matcha soup, stir frys, and even matcha guacamole! I love experimenting with it, and in a previous post I wrote about the potential weight loss benefits of umami foods (The Surprising Food Flavor That Can Help You Shed Pounds). But due to concerns about lead, I recommend avoiding “matcha madness.” Even with superfoods, you can get too much of a good thing. So look for pure, organic, quality matcha, and enjoy it in moderation.


7 Things You Should Know About Matcha

— -- intro: I’ve been getting asked about matcha a whole lot lately. I heard that matcha shots were the “it beverage” at New York Fashion Week, and many dedicated coffee lovers are ditching java in favor of matcha. If you’re curious about this trendy beverage, here are seven things you should know.

quicklist: 1category: 7 Things You Should Know About Matchatitle: It’s a special form of green teaurl:text:

Matcha literally means “powdered tea.” When you order traditional green tea, components from the leaves get infused into the hot water, then the leaves are discarded. With matcha, you’re drinking the actual leaves, which have been finely powdered and made into a solution, traditionally by mixing about a teaspoon of matcha powder with a third cup of hot water (heated to less than a boil), which is then whisked with a bamboo brush until it froths.

Unlike traditional green tea, matcha preparation involves covering the tea plants with shade cloths before they’re harvested. This triggers the growth of leaves with better flavor and texture, which are hand selected, steamed briefly to stop fermentation, then dried and aged in cold storage, which deepens the flavor. The dried leaves are then stone-ground into a fine powder.

quicklist: 2category: 7 Things You Should Know About Matchatitle: It offers health benefitsurl:text:Because matcha is made from high-quality tea, and the whole leaves are ingested, it’s a more potent source of nutrients than steeped green tea. In addition to providing small amounts of vitamins and minerals, matcha is rich in antioxidants called polyphenols, which have been tied to protection against heart disease and cancer, as well as better blood sugar regulation, blood pressure reduction, and anti-aging. Another polyphenol in matcha called EGCG has been shown in research to boost metabolism, and slow or halt the growth of cancer cells.

quicklist: 3category: 7 Things You Should Know About Matchatitle: It contains caffeineurl:text:

Because you’re consuming whole leaves in matcha, you may get three times as much caffeine than a cup of steeped tea, about the amount in a cup of brewed coffee. Matcha aficionados say that compared to the caffeine buzz from coffee, matcha creates an “alert calm” due to a natural substance it contains called l-theanine, which induces relaxation without drowsiness. Still, I do believe it’s best to nix all forms of caffeine (including matcha) at least six hours before bedtime, to ensure a good night’s sleep.

quicklist: 4category: 7 Things You Should Know About Matchatitle: It traditionally involves meditationurl:text:The preparation of matcha is the focus of Japanese tea ceremonies, and it has long been association with Zen. This is likely one reason it’s becoming so popular, as meditation is becoming more and more mainstream. Because I’m blown away by the research on the health and weight loss benefits of mindfulness meditation, I included an entire chapter about this practice in my new book Slim Down Now, and recorded a five-minute guided meditation video on my website (click on the word mindful, top right to view).

I believe that if preparing and sipping matcha becomes a way for you to slow down, and be in the moment, its benefits will extend far beyond the antioxidants it provides, because meditation, in any form, has a myriad of rewards. It’s been shown to reduce cortisol (a stress hormone known to drive appetite and increase belly fat), lower inflammation (a known trigger of premature aging and disease), curb impulsive eating, lower blood pressure, and boost self-esteem and compassion.

quicklist: 5category: 7 Things You Should Know About Matchatitle: The powders may be sweetened, and the quality variesurl:text:The taste is of matcha is strong. Some people describe it as grass or spinach-like, and it has an umami taste. Because of this it may be sweetened to improve its palatability. One client was thrilled to tell me that he was drinking matcha, but instead of traditional matcha powder, he was drinking a powdered mix. The first ingredient was sugar, and it also contained powdered milk, so it was essentially like hot chocolate—but with cocoa swapped for matcha—something I wouldn’t recommend. Tea experts also warn that with matcha quality is key, and it comes at a cost. In other words, high quality, fresh, pure matcha is expensive. A low price tag can be a red flag for a poor quality product.

quicklist: 6category: 7 Things You Should Know About Matchatitle: Lead contamination is a concernurl:text:

Even organically grown green teas have been shown to contain lead, which is absorbed by the plant from the environment, particularly tea grown in China. When traditional green tea is steeped, about 90% of the lead stays in the leaf, which is discarded. With matcha, since the whole leaf is consumed, you will ingest more lead. One independent group, ConsumerLab.com, which tested teas, estimates that a cup of matcha may contain as much as 30 times more lead than a cup of green tea. Therefore, they recommend drinking no more than one cup daily, and not serving it to children.

quicklist: 7category: 7 Things You Should Know About Matchatitle: It can be incorporated into mealsurl:text:

Matcha is hot with chefs, not just as a beverage, but as an ingredient in both sweet and savory dishes. If you Google matcha recipes, you’ll find everything from matcha muffins, brownies and puddings, to matcha soup, stir frys, and even matcha guacamole! I love experimenting with it, and in a previous post I wrote about the potential weight loss benefits of umami foods (The Surprising Food Flavor That Can Help You Shed Pounds). But due to concerns about lead, I recommend avoiding “matcha madness.” Even with superfoods, you can get too much of a good thing. So look for pure, organic, quality matcha, and enjoy it in moderation.


7 Things You Should Know About Matcha

— -- intro: I’ve been getting asked about matcha a whole lot lately. I heard that matcha shots were the “it beverage” at New York Fashion Week, and many dedicated coffee lovers are ditching java in favor of matcha. If you’re curious about this trendy beverage, here are seven things you should know.

quicklist: 1category: 7 Things You Should Know About Matchatitle: It’s a special form of green teaurl:text:

Matcha literally means “powdered tea.” When you order traditional green tea, components from the leaves get infused into the hot water, then the leaves are discarded. With matcha, you’re drinking the actual leaves, which have been finely powdered and made into a solution, traditionally by mixing about a teaspoon of matcha powder with a third cup of hot water (heated to less than a boil), which is then whisked with a bamboo brush until it froths.

Unlike traditional green tea, matcha preparation involves covering the tea plants with shade cloths before they’re harvested. This triggers the growth of leaves with better flavor and texture, which are hand selected, steamed briefly to stop fermentation, then dried and aged in cold storage, which deepens the flavor. The dried leaves are then stone-ground into a fine powder.

quicklist: 2category: 7 Things You Should Know About Matchatitle: It offers health benefitsurl:text:Because matcha is made from high-quality tea, and the whole leaves are ingested, it’s a more potent source of nutrients than steeped green tea. In addition to providing small amounts of vitamins and minerals, matcha is rich in antioxidants called polyphenols, which have been tied to protection against heart disease and cancer, as well as better blood sugar regulation, blood pressure reduction, and anti-aging. Another polyphenol in matcha called EGCG has been shown in research to boost metabolism, and slow or halt the growth of cancer cells.

quicklist: 3category: 7 Things You Should Know About Matchatitle: It contains caffeineurl:text:

Because you’re consuming whole leaves in matcha, you may get three times as much caffeine than a cup of steeped tea, about the amount in a cup of brewed coffee. Matcha aficionados say that compared to the caffeine buzz from coffee, matcha creates an “alert calm” due to a natural substance it contains called l-theanine, which induces relaxation without drowsiness. Still, I do believe it’s best to nix all forms of caffeine (including matcha) at least six hours before bedtime, to ensure a good night’s sleep.

quicklist: 4category: 7 Things You Should Know About Matchatitle: It traditionally involves meditationurl:text:The preparation of matcha is the focus of Japanese tea ceremonies, and it has long been association with Zen. This is likely one reason it’s becoming so popular, as meditation is becoming more and more mainstream. Because I’m blown away by the research on the health and weight loss benefits of mindfulness meditation, I included an entire chapter about this practice in my new book Slim Down Now, and recorded a five-minute guided meditation video on my website (click on the word mindful, top right to view).

I believe that if preparing and sipping matcha becomes a way for you to slow down, and be in the moment, its benefits will extend far beyond the antioxidants it provides, because meditation, in any form, has a myriad of rewards. It’s been shown to reduce cortisol (a stress hormone known to drive appetite and increase belly fat), lower inflammation (a known trigger of premature aging and disease), curb impulsive eating, lower blood pressure, and boost self-esteem and compassion.

quicklist: 5category: 7 Things You Should Know About Matchatitle: The powders may be sweetened, and the quality variesurl:text:The taste is of matcha is strong. Some people describe it as grass or spinach-like, and it has an umami taste. Because of this it may be sweetened to improve its palatability. One client was thrilled to tell me that he was drinking matcha, but instead of traditional matcha powder, he was drinking a powdered mix. The first ingredient was sugar, and it also contained powdered milk, so it was essentially like hot chocolate—but with cocoa swapped for matcha—something I wouldn’t recommend. Tea experts also warn that with matcha quality is key, and it comes at a cost. In other words, high quality, fresh, pure matcha is expensive. A low price tag can be a red flag for a poor quality product.

quicklist: 6category: 7 Things You Should Know About Matchatitle: Lead contamination is a concernurl:text:

Even organically grown green teas have been shown to contain lead, which is absorbed by the plant from the environment, particularly tea grown in China. When traditional green tea is steeped, about 90% of the lead stays in the leaf, which is discarded. With matcha, since the whole leaf is consumed, you will ingest more lead. One independent group, ConsumerLab.com, which tested teas, estimates that a cup of matcha may contain as much as 30 times more lead than a cup of green tea. Therefore, they recommend drinking no more than one cup daily, and not serving it to children.

quicklist: 7category: 7 Things You Should Know About Matchatitle: It can be incorporated into mealsurl:text:

Matcha is hot with chefs, not just as a beverage, but as an ingredient in both sweet and savory dishes. If you Google matcha recipes, you’ll find everything from matcha muffins, brownies and puddings, to matcha soup, stir frys, and even matcha guacamole! I love experimenting with it, and in a previous post I wrote about the potential weight loss benefits of umami foods (The Surprising Food Flavor That Can Help You Shed Pounds). But due to concerns about lead, I recommend avoiding “matcha madness.” Even with superfoods, you can get too much of a good thing. So look for pure, organic, quality matcha, and enjoy it in moderation.


7 Things You Should Know About Matcha

— -- intro: I’ve been getting asked about matcha a whole lot lately. I heard that matcha shots were the “it beverage” at New York Fashion Week, and many dedicated coffee lovers are ditching java in favor of matcha. If you’re curious about this trendy beverage, here are seven things you should know.

quicklist: 1category: 7 Things You Should Know About Matchatitle: It’s a special form of green teaurl:text:

Matcha literally means “powdered tea.” When you order traditional green tea, components from the leaves get infused into the hot water, then the leaves are discarded. With matcha, you’re drinking the actual leaves, which have been finely powdered and made into a solution, traditionally by mixing about a teaspoon of matcha powder with a third cup of hot water (heated to less than a boil), which is then whisked with a bamboo brush until it froths.

Unlike traditional green tea, matcha preparation involves covering the tea plants with shade cloths before they’re harvested. This triggers the growth of leaves with better flavor and texture, which are hand selected, steamed briefly to stop fermentation, then dried and aged in cold storage, which deepens the flavor. The dried leaves are then stone-ground into a fine powder.

quicklist: 2category: 7 Things You Should Know About Matchatitle: It offers health benefitsurl:text:Because matcha is made from high-quality tea, and the whole leaves are ingested, it’s a more potent source of nutrients than steeped green tea. In addition to providing small amounts of vitamins and minerals, matcha is rich in antioxidants called polyphenols, which have been tied to protection against heart disease and cancer, as well as better blood sugar regulation, blood pressure reduction, and anti-aging. Another polyphenol in matcha called EGCG has been shown in research to boost metabolism, and slow or halt the growth of cancer cells.

quicklist: 3category: 7 Things You Should Know About Matchatitle: It contains caffeineurl:text:

Because you’re consuming whole leaves in matcha, you may get three times as much caffeine than a cup of steeped tea, about the amount in a cup of brewed coffee. Matcha aficionados say that compared to the caffeine buzz from coffee, matcha creates an “alert calm” due to a natural substance it contains called l-theanine, which induces relaxation without drowsiness. Still, I do believe it’s best to nix all forms of caffeine (including matcha) at least six hours before bedtime, to ensure a good night’s sleep.

quicklist: 4category: 7 Things You Should Know About Matchatitle: It traditionally involves meditationurl:text:The preparation of matcha is the focus of Japanese tea ceremonies, and it has long been association with Zen. This is likely one reason it’s becoming so popular, as meditation is becoming more and more mainstream. Because I’m blown away by the research on the health and weight loss benefits of mindfulness meditation, I included an entire chapter about this practice in my new book Slim Down Now, and recorded a five-minute guided meditation video on my website (click on the word mindful, top right to view).

I believe that if preparing and sipping matcha becomes a way for you to slow down, and be in the moment, its benefits will extend far beyond the antioxidants it provides, because meditation, in any form, has a myriad of rewards. It’s been shown to reduce cortisol (a stress hormone known to drive appetite and increase belly fat), lower inflammation (a known trigger of premature aging and disease), curb impulsive eating, lower blood pressure, and boost self-esteem and compassion.

quicklist: 5category: 7 Things You Should Know About Matchatitle: The powders may be sweetened, and the quality variesurl:text:The taste is of matcha is strong. Some people describe it as grass or spinach-like, and it has an umami taste. Because of this it may be sweetened to improve its palatability. One client was thrilled to tell me that he was drinking matcha, but instead of traditional matcha powder, he was drinking a powdered mix. The first ingredient was sugar, and it also contained powdered milk, so it was essentially like hot chocolate—but with cocoa swapped for matcha—something I wouldn’t recommend. Tea experts also warn that with matcha quality is key, and it comes at a cost. In other words, high quality, fresh, pure matcha is expensive. A low price tag can be a red flag for a poor quality product.

quicklist: 6category: 7 Things You Should Know About Matchatitle: Lead contamination is a concernurl:text:

Even organically grown green teas have been shown to contain lead, which is absorbed by the plant from the environment, particularly tea grown in China. When traditional green tea is steeped, about 90% of the lead stays in the leaf, which is discarded. With matcha, since the whole leaf is consumed, you will ingest more lead. One independent group, ConsumerLab.com, which tested teas, estimates that a cup of matcha may contain as much as 30 times more lead than a cup of green tea. Therefore, they recommend drinking no more than one cup daily, and not serving it to children.

quicklist: 7category: 7 Things You Should Know About Matchatitle: It can be incorporated into mealsurl:text:

Matcha is hot with chefs, not just as a beverage, but as an ingredient in both sweet and savory dishes. If you Google matcha recipes, you’ll find everything from matcha muffins, brownies and puddings, to matcha soup, stir frys, and even matcha guacamole! I love experimenting with it, and in a previous post I wrote about the potential weight loss benefits of umami foods (The Surprising Food Flavor That Can Help You Shed Pounds). But due to concerns about lead, I recommend avoiding “matcha madness.” Even with superfoods, you can get too much of a good thing. So look for pure, organic, quality matcha, and enjoy it in moderation.


Assista o vídeo: TOP 05 - SMOOTHIES. Mamãe Vida Saudável #28 (Outubro 2021).