Novas receitas

The Jarlsberger

The Jarlsberger

Ingredientes

  • 4 fatias de queijo Jarlsberg, queijo defumado Lite ou Hickory
  • 1 quilo de carne moída
  • maionese, mostarda ou ketchup a gosto
  • 4 pães de hambúrguer
  • 4 folhas grandes de alface
  • 8 fatias de pickeles
  • 4 pedaços de cebola roxa, cortados
  • sal a gosto
  • pimenta a gosto
  • 2 claras de ovo

Instruções

Misture delicadamente a carne com clara de ovo, sal e pimenta e forme 4 hambúrgueres. Grelhe os hambúrgueres por cerca de 4–5 minutos de cada lado. Durante os minutos finais do cozimento, coloque uma fatia de queijo Jarlsberg sobre os hambúrgueres até derreter.

Aqueça os pães na grelha, levemente, depois espalhe a maionese, a mostarda e / ou o ketchup sobre os pães. Adicione folhas de alface, fatias de tomate, cebola roxa e picles. Sirva e aproveite.


Food It Yourself!

Tenho um fraco por biscoitos. Gosto especialmente de biscoitos de queijo, aqueles pequenos e quadrados. Você sabe o que quero dizer. Mesmo que sejam muito ricos em sódio e amido, ocasionalmente compro uma caixa. No entanto, o Sr. Food It Yourself está indo muito bem no momento, controlando sua glicose com uma dieta controlada de carboidratos. Eu realmente queria alguns biscoitos de queijo esta semana, mas eu não queria trazer um lanche super tentador e com carboidratos refinados para dentro de casa. Sabotar seu cônjuge não é uma atitude gentil.

Como de costume, a internet veio em seu socorro. Eu encontrei esta receita realmente ótima do King Arthur Baking para biscoitos feitos de farinha de amêndoa. Se você rolar até o final da receita, verá que é uma opção de queijo. Sim, tenho um bloco de queijo cheddar que pode ser triturado perfeitamente na geladeira, mas também temos um queijo em pó realmente saboroso que o Sr. Food It Yourself comprou. Como você pode ver, não havia desculpa para não tentar minha mão em biscoitos de queijo de farinha de amêndoa.

Uma palavra sobre a farinha de amêndoa - como outras farinhas que não são farinha de trigo, a farinha de amêndoa se comporta de maneira diferente nas receitas da farinha de trigo. Esta marca em particular tem uma dica útil no verso. Você vai precisar de mais farinha de amêndoa por unidade de líquido do que farinha de trigo.

Além disso, a farinha de amêndoa carece de glúten, a proteína que mantém os ingredientes cozidos à base de trigo juntos. Se você estiver convertendo uma receita de trigo em amêndoa, precisará adicionar algum tipo de pasta. Sua melhor aposta é usar receitas que foram formuladas para o tipo de farinha que você está usando.

Finalmente, a chave para uma dieta saudável é a moderação. Consumir em excesso biscoitos feitos de farinha de amêndoa seria tão ruim quanto consumir em excesso os carboidratos refinados em biscoitos feitos comercialmente. Para a maioria de nós, qualquer alimento pode ser transformado em um padrão alimentar saudável e duradouro. A chave é entender como um determinado alimento se adapta às suas necessidades nutricionais diárias. Qualquer biscoito vai consumir parte de suas calorias. Esses biscoitos usam menos carboidratos.

Medir e misturar os ingredientes levou menos de cinco minutos, então eu consideraria essa receita rápida e fácil, com certeza. O queijo em pó estava mais seco do que queijo fresco ralado, então tive que adicionar um ovo extra. As galinhas têm posto muito ultimamente, então fiquei feliz em usar outra.

Usar papel manteiga tornou muito mais fácil desenrolar a massa quebradiça. Eu estava preocupada que as bordas irregulares iriam queimar durante o cozimento, então usei a folha de pergaminho de baixo para dobrar a borda irregular. Em seguida, continuei enrolando a massa bem fina.

Eu provavelmente poderia ter enrolado a massa com um pouco mais de precisão, mas as bordas irregulares mantêm um aspecto rústico e artesanal. Essa é minha história. Eu estou aderindo também. Para o forno pré-aquecido!

Após o tempo de cozimento prescrito, os biscoitos estavam marrons, mas não crocantes o suficiente. Eu os separei, virei-os e fiz uma única camada na minha assadeira. Coloquei no forno por mais alguns minutos. Então, desliguei o forno, abri a porta e deixei o forno esfriar com os biscoitos dentro. Usei essa técnica para deixar outras coisas crocantes sem dourar demais. Funcionou muito bem com esses biscoitos também.

Eu estava preocupada que a farinha de amêndoa fosse arenosa e arenosa, mas a textura não é muito diferente daqueles petiscos de caixa vermelha de queijo quadrado. Mr. Food It Yourself e eu concordamos que eles eram apenas um pouco & # 8220 mais tostados & # 8221 do que gostaríamos. Da próxima vez, vou enrolar a massa mais fina e abaixar um pouco a temperatura do forno ou assá-los sem o ventilador de convecção funcionando. No geral, eu chamo isso de uma missão bem-sucedida de assar lanches.

Eu gostava de fazer esses biscoitos. Tenho certeza de que o Sr. Food It Yourself e eu vamos gostar de comê-los também. A modificação da dieta pode ser um desafio. No entanto, colocar suas habilidades DIYet em uso pode torná-lo um desafio divertido. Quais são as melhores receitas de dieta modificada que você já experimentou? Quais são os piores? Compartilhe nos comentários!


O plano de jantar Forking Skinny (Semana 19)

Estes planos de jantar são baseados em uma família de 4 pessoas e incluem o plano de refeições e a lista de compras para sua conveniência.

Também criei a lista de compras com a noção de que você tem temperos básicos e utensílios básicos para a despensa / cozinha à mão. Portanto, verifique as receitas e a lista de compras para ter certeza de que tem tudo o que precisa.

Abaixo você encontrará a lista de compras e o plano de alimentação semanal.

Clique na imagem para fazer o download / imprimir!

Aqui está uma lista de links para as receitas do plano de refeições desta semana.

Sinta-se à vontade para visualizá-los / imprimi-los conforme necessário.

Plano de Jantar Skinny Fork (Semana 19)

Lista de compras:

Skinny Turkey Sriracha Meatballs (Crock Pot):
1 (12 onças) garrafa Stubb's Texas Sriracha Anytime Sauce
1 libra Lean Ground Turquia
1/2 C. Cebola branca finamente cortada
1/4 C. Pão ralado simples de trigo integral
1/4 C. Coentro, picado
1 clara de ovo grande
1 cebola verde
2-3 dentes de alho
1 Colher de Sopa. Gengibre Fresco Picado
1/2 colher de sopa Tempero de carne de porco / frango Stubb (tempero seco para churrasco)
Arroz
Seleta de legumes cozida a vapor

Sopa Pesto e Tortellini de Frango:
1 cebola amarela pequena (1 C.)
8 C. Caldo de galinha com sódio reduzido
Skinny Pesto ou Light Store Pre-Made Pesto (AJUSTE A LISTA DE COMPRAS DE ACORDO)
1 Casca de Queijo Italiano (Opcional, mas deliciosa!)
18 onças. Tortellini de queijo de trigo integral
8 onças. Peito de Frango Desossado e Sem Pele
2 C. Espinafre Fresco
Queijo Italiano Ralado Fresco (Parmesão / Grana Padano.)
Saladas

Frigideira Ratatouille sem glúten:
1 cenoura média
1/2 cebola branca média
1/2 Abóbora Bolota Média
1 (14,5 onças) pode reduzir o sódio de feijão vermelho
1 abobrinha média
1 tomate médio
1 Pouch Rustic Ratatoullie Sauce (usei 'Haks Paks One Pot Cooking Sauce'.)
1 C. Massa cozida de milho e quinua sem glúten (usei Sam Mills.)

Jarlsberger saudável:
1 libra Carne Moída Extra Magra
2/3 C. Cenoura desfiada
2 claras de ovo grandes
1/4 C. Molho de churrasco totalmente natural
1/4 C. Migalhas de pão de trigo integral
1 Colher de Sopa. Cebola roxa picada
1 dente de alho
1 colher de chá. Todos os temperos naturais para churrasco
5 fatias de queijo Jarlsberg® Lite
5 folhas de alface
1/2 tomate
10 fatias de picles
1/2 cebola vermelha


Queijo de castor venezuelano?

O queijo castor venezuelano existe? Como você ordenha um castor, afinal? A Venezuela ainda tenho castores?

MAIS ALIMENTOS!

Mais alimentos

Se você nunca viu ou ouviu falar do infame esboço de “Queijaria” de Flying Circus de Monty Python, como você sobreviveu tanto tempo?

É assim: há um esboço hilário no vídeo logo abaixo ↓. Mas no mais verdadeiro de Monty Python tradição, também há pelo menos um ovo de Páscoa escondido em sua torrente de palavras: John Cleese pergunta se a loja de queijos tem algum queijo de castor venezuelano.

Eu estou pelo menos a uma distância de sinal de fumaça de sanidade, então quando eu percebi o pedido de queijo de castor venezuelano, eu torci e revirei os olhos. Que bobo!

Desculpe! Em vez disso, posso dizer “absurdo”? Certo, ótimo. Obrigado!

Que absurdo. Quem se daria ao trabalho de pesquisar se existe queijo de castor?

Eu me coloco à mercê do tribunal a primeira vez que vi “Cheese Shop” foi quase 20 anos antes de a Internet existir.

Ok, então abaixo deste parágrafo você pode desfrutar de “Queijaria,” e abaixo daquela foto à direita você pode infligir uma grande pilha de teoria da conspiração sobre si mesmo sobre a existência ou não do queijo de castor venezuelano, e abaixo do vídeo à direita abaixo deste parágrafo você pode ver a lista de todos os queijos mencionados em “Queijaria”. Bom apetite!

  • Todos os queijos!
  • Red Leicester
  • Tilsit
  • Caerphilly
  • Bel Paese
  • Red Windsor
  • Stilton
  • Gruyère
  • Emmental
  • Jarlsberger norueguês
  • Liptauer
  • Lancashire
  • Stilton Branco
  • Dinamarquês azul
  • Gloucester duplo
  • Cheshire
  • Dorset Blue Vinney
  • Brie
  • Roquefort
  • Pont-l’Eveque
  • Port Salut
  • Savoyard
  • Saint-Paulin
  • Carré-de-L’Est
  • Boursin
  • Bresse Bleu
  • Perle de Champagne
  • Camembert
  • Gouda
  • Edam
  • Caithness
  • Fumado austríaco
  • Sage Darby Japonês
  • Wensleydale
  • Feta
  • Gorgonzola
  • Parmesão
  • Mozzarella
  • Pippo crème
  • Fimboe dinamarquês
  • Leite de Ovelha Tcheca
  • Queijo de Castor Venezuelano
  • Cheddar
  • Ilchester
  • Limburger

Casa Copyright & copy 2015, LiveDog Productions.
Se tiver uma ereção com duração de mais de 4 horas, parabéns! Não autoclave. Mantenha-se afastado de chamas vivas. Pode causar fome e salivação excessiva. Acenda o fusível e vá embora. Lavar as mãos. Botão de apertar . Esfregue as mãos sob o ar do braço. Não insira no pênis. Você deve ser tão alto assim para entrar no passeio. O motorista não leva dinheiro. Este produto foi encontrado para causar câncer em ratos de laboratório. Recomenda-se o uso de óculos de proteção e traje para materiais perigosos. Não provoque o Happy Fun Ball. Não dobre, grampeie, fixe ou mutile. Mantenha fora do alcance das crianças. Risco de sufocamento. Não lave o cabelo ou roupas no banheiro. Sem camisa, sem sapatos, sem problemas. Pode provocar sonolência. O álcool pode intensificar a diversão. Nunca trabalhe com um motorista de empilhadeira chamado Klaus. Não se destina ao uso em rodovias. Motorista de acrobacias em curso fechado. Não tente. Não se esqueça de alimentar seu Trunk Monkey. Os objetos no espelho podem estar mais próximos do que parecem. Evite a Califórnia: tudo na Califórnia causa câncer.


O plano de jantar Forking Skinny (Semana 8)

Esses planos de jantar são baseados em uma família de 4 pessoas e incluem o plano de refeições e a lista de compras para sua conveniência.

Também criei a lista de compras com a noção de que você tem temperos básicos e utensílios básicos para a despensa / cozinha à mão. Portanto, verifique novamente as receitas e a lista de compras para ter certeza de que tem tudo o que precisa.

Abaixo você encontrará a lista de compras e o plano de alimentação semanal.

Clique na imagem para fazer o download / imprimir!

Aqui está uma lista de links para as receitas do plano de refeições desta semana.

Sinta-se à vontade para visualizá-los / imprimi-los conforme necessário.

Plano de Jantar Skinny Fork (Semana 8)

Lista de compras:

Skinny Turkey Sriracha Meatballs (Crock Pot):
1 (12 onças) garrafa Stubb's Texas Sriracha Anytime Sauce
1 libra Lean Ground Turquia
1/2 C. Cebola branca finamente cortada
1/4 C. Pão ralado simples de trigo integral
1/4 C. Coentro, picado
1 clara de ovo grande
1 cebola verde
2-3 dentes de alho
1 Colher de Sopa. Gengibre Fresco Picado
1/2 colher de sopa Tempero de carne de porco / frango Stubb (tempero seco para churrasco)
Arroz
Seleta de legumes cozida a vapor

Sopa Pesto e Tortellini de Frango:
1 cebola amarela pequena (1 C.)
8 C. Caldo de galinha com sódio reduzido
Skinny Pesto ou Light Store Pre-Made Pesto (AJUSTE A LISTA DE COMPRAS DE ACORDO)
1 Casca de Queijo Italiano (Opcional, mas deliciosa!)
18 onças. Tortellini de queijo de trigo integral
8 onças Peito de Frango Desossado e Sem Pele
2 C. Espinafre Fresco
Queijo Italiano Ralado Fresco (Parmesão / Grana Padano.)
Saladas

Jarlsberger saudável:
1 libra Carne Moída Extra Magra
2/3 C. Cenoura desfiada
2 claras de ovo grandes
1/4 C. Molho de churrasco totalmente natural
1/4 C. Migalhas de pão de trigo integral
1 Colher de Sopa. Cebola roxa picada
1 dente de alho
1 colher de chá. Todos os temperos naturais para churrasco
5 fatias de queijo Jarlsberg® Lite
5 folhas de alface
1/2 tomate
10 fatias de picles
1/2 cebola vermelha

Cobbler de tomate:
1 cebola vermelha grande
2 dentes de alho
1/4 C. Vinho Tinto Seco (usei um Merlot.)
1/4 C. Farinha de trigo integral branco
4 litros de tomate cereja
1 1/2 C. Farinha de trigo integral branco
1 1/2 Tsp. Fermento em pó
1 colher de chá. Secas salsa
1/2 Tsp. Alecrim Desidratado e Triturado
1/2 Tsp. Pó de alho
1/8 Tsp. Pó de cebola
1/4 C. Manteiga leve
1/3 C. Gordura reduzida com queijo cheddar picado
2/3 C. Leite sem gordura


como comer queijo brie & # 8211 NFL Green

The Cheese Shop Sketch (existe algum outro título?)

Mousebender: Bom Dia. Eu estava sentado na biblioteca pública na Thurmon Street agora mesmo, folheando & # 8216Rogue Herries & # 8217 de Horace Walpole, quando de repente me deparei com fome.

Wensleydale: Com fome, senhor?

Mousebender: Esurient.

Mousebender: (amplo Yorkshire) Eee, eu tava toda com fome, tipo!

Wensleydale: Oh, com fome.

Mousebender: (sotaque normal) Em poucas palavras. Então pensei comigo mesmo, & # 8216 um pouco de coalhada fermentada resolverá o problema & # 8217. Portanto, reduzi minhas atividades de Walpolling, avancei e me infiltrei em seu local de fornecimento para negociar a venda de alguns comestíveis extravagantes. (estala os lábios)

Wensleydale: Volte novamente?

Mousebender: (amplo sotaque do norte) Eu quero comprar um pouco de queijo.

Wensleydale: Oh, pensei que você estava reclamando da música!

Mousebender: (voz normal) Deus me livre. Sou aquele que se deleita em todas as manifestações da musa terpsicoriana.

Mousebender: Gosto de uma boa dança & # 8211 você & # 8217é forçado a fazer.

Viking (amplo sotaque do Norte): Qualquer forma.

Wensleydale: Quem disse isso?

Mousebender: (voz normal) Agora meu bom homem, um pouco de queijo, por favor.

Wensleydale: Sim, certamente, senhor. O que você gostaria?

Mousebender: Bem, que tal um pouco de Red Leicester.

Wensleydale: Acho que acabamos de sair de Red Leicester, senhor.

Mousebender: Oh, deixa pra lá. Como você está no Tilsit?

Wensleydale: Nunca no final da semana, senhor. Sempre compre tudo fresco na segunda-feira.

Mousebender: Tish tish. Não importa. Bem, quatro onças de Caerphilly, então, por favor, robusto yeoman.

Wensleydale: Bem, está em ordem há duas semanas, senhor, eu esperava por isso esta manhã.

Mousebender: Sim, não é o meu dia, é? Er, Bel Paese?

Mousebender: Red Windsor?

Wensleydale: Normalmente, senhor, sim, mas hoje a van quebrou.

Mousebender: Ah. Stilton?

Mousebender: Gruyère? Emmental?

Mousebender: Qualquer Jarlsberger norueguês?

Mousebender: Liptauer?

Mousebender: Lancashire?

Mousebender: Stilton branco?

Mousebender: Danish Blue?

Mousebender: Gloucester duplo?

Mousebender: Cheshire?

Mousebender: Qualquer Dorset Blue Vinney?

Mousebender: Brie, Roquefort, Pont-l & # 8217Évêque, Port Salut, Savoyard, Saint-Paulin, Carré-de-L & # 8217Est, Boursin, Bresse-Bleu, Perle de Champagne, Camembert?

Wensleydale: Ah! Temos um pouco de Camembert, senhor.

Mousebender: Você faz! Excelente.

Wensleydale: Está um pouco líquido, senhor.

Mousebender: Oh, eu gosto disso escorrendo.

Wensleydale: Bem, na verdade, está muito líquido, senhor.

Mousebender: Não importa. Não importa. Entregue le fromage de la Belle France qui s & # 8217apelle Camembert, s & # 8217il vous plaît.

Wensleydale: Acho que está mais rápido do que gostaria, senhor.

Mousebender: (sorrindo sombriamente) Eu não me importo com o quão excrementalmente escorrendo. Entregue-o a toda velocidade.

Wensleydale: Sim senhor. (se curva abaixo do contador e reaparece) Oh & # 8230

Wensleydale: O gato o comeu.

Mousebender: Caithness?

Mousebender: Austríaco fumado?

Mousebender: Sage Darby?

Mousebender: Você tem um pouco de queijo, não é?

Wensleydale: Certamente senhor. É uma loja de queijos, senhor. Nós & # 8217temos & # 8230

Mousebender: Não, não, não, não me diga. Estou ansioso para adivinhar.

Wensleydale: É justo.

Mousebender: Wensleydale:.

Mousebender: Esplêndido. Bem, eu terei um pouco disso então, por favor.

Wensleydale: Oh, Lamento, senhor, pensei que se referia a mim, Sr.

Mousebender: Gorgonzola?

Mousebender: Parmesão?

Mousebender: Mozzarella?

Mousebender: Pippo Crème?

Mousebender: Qualquer Fynbo dinamarquês?

Mousebender: Ovelha checoslovaca e queijo de leite # 8217s?

Mousebender: Queijo de castor venezuelano?

Wensleydale: Hoje não senhor, não.
(pausa)

Mousebender: Bem, vamos manter as coisas simples, que tal o Cheddar?

Wensleydale: Bem, receio que não recebamos muitos pedidos por causa desses

Você nem quer saber quanto queijo comemos.

Fato: Certa vez, Sudha fez um seminário de pós-graduação em psicolinguística chamado & quotCheese & quot, no qual aprenderam sobre vários tipos de queijo. Não tenho certeza se houve alguma psicolinguística realmente envolvida, mas com certeza gostaria que meu programa conduzisse a algo chamado, digamos, & quotCatalogar e queijo & quot.

Com o objetivo de nada menos do que reestruturar totalmente as dietas dos americanos, Eat, Drink and Be Healthy pode muito bem cumprir seu objetivo. O Dr. Walter C. Willett teve um começo estrondoso ao desmontar totalmente um dos maiores ícones da saúde hoje: a Pirâmide Alimentar do USDA que todos nós aprendemos na escola primária. Ele culpa muitas das recomendações da pirâmide & # 8217s & # 82116 a 11 porções de carboidratos, todas as gorduras usadas com moderação & # 8211 por grande parte da atual onda de obesidade. A princípio, isso pode ser diferente de qualquer livro de dieta, mas Willett também faz uma observação crucial e raramente mencionada sobre esse ícone: & # 8220O que se deve ter em mente sobre a Pirâmide do USDA é que ela vem do Departamento de Agricultura, a agência responsável para promover a agricultura americana, não das agências estabelecidas para monitorar e proteger nossa saúde. & # 8221 Não é de admirar que produtos lácteos e grãos cultivados nos Estados Unidos, como trigo e milho, figurem com tanto destaque nas recomendações do USDA & # 8217s.
A pirâmide simples da própria Willett & # 8217 tem vários benefícios em relação ao formato tradicional. Suas informações estão atualizadas e você não encontrará recomendações de grupos de interesses especiais. Suas idéias não são nada radicais & # 8211 se comermos mais vegetais e carboidratos complexos (não, as batatas não são complexas), enfatizarmos as gorduras saudáveis ​​e desfrutarmos de pequenas quantidades de uma tremenda variedade de alimentos, seremos mais saudáveis. Você também encontrará algumas surpresas, como dúvidas sobre os benefícios gerais da soja (a menos que você esteja disposto a comer meio quilo e meio de tofu por dia) e que nozes, com seu teor de gordura & # 8220bom & # 8221 , são um lanche excelente. Baseando-se em pesquisas ao invés de anedotas, este é um guia nutricional solidamente escrito que mostrará a história real por trás de como os alimentos são digeridos, desde o índice glicêmico de carboidratos até a sabedoria de adicionar um multivitamínico à sua dieta. Willett combina pesquisa com linguagem prática e um tom prático que transforma os estudos acadêmicos em sugestões de vida facilmente compreensíveis. & # 8211Jill Lightner


7 pensamentos sobre & ldquo Sneeps & rdquo

receita? Eu amo camarão e grãos de amendoim e estou sempre procurando por sugestões para isso & # 8230

e eu preciso pedir alguns grãos da Anson Mills ou algo assim

Desculpe, criei um link caso mais alguém esteja confuso. Também preciso fazer um novo pedido na Anson Mills.

Eu apenas corei pastinaga com centros amadeirados & # 8211 tipicamente o que & # 8217s deixou é doce e saboroso, não importa quantos anos eles tenham.

Eu também, jarlsberger, mas por alguma razão, o pensamento de que eu poderia ou não encontrar um caroço amadeirado em minha pastinaga me enche de pavor existencial.

espere, então, as coisas que comprei na minha caixa cooperativa de fazendeiros orgânicos que tinham uma teia intragável de mastigação amadeirada, que eu pensei que eram nabos, eram na verdade pastinacas? ou & # 8230não?

As pastinaga parecem cenouras. Os nabos têm a forma de rabanetes grandes. Isso ajuda?


Jarlsberg no paraíso: cheeseburger recheado com spam

Quer transformar seus hambúrgueres regulares em uma explosão no paraíso? Este Spam Stuffed Pork & # 8220Jarlsburger & # 8221 com Papaya Mango Slaw vai fazer seu paladar pensar que está na praia! Esta é uma postagem patrocinada pela Jarlsberg EUA.

Quando Jarlsberg EUA me abordou para criar uma receita para um & # 8220hambúrguer no paraíso& # 8220, aproveitei imediatamente a oportunidade. Não apenas adoro o queijo Jarlsberg, mas também somos amantes de hambúrgueres e este foi o nosso caminho. Agora, você deve estar pensando? Por que um hambúrguer no paraíso? A Well Jarlsberg USA está atualmente realizando uma promoção chamada & # 8220Jarlsberg in Paradise & # 8221, onde você pode concorrer a uma jangada Jarlsberger, seja pelo FB ou por mensagens de texto. Uma balsa está sendo distribuída por semana até o Dia do Trabalho! Certifique-se de passar pela página do Facebook e entrar hoje. Agora, vamos falar um pouco mais sobre este hambúrguer.

Cheeseburger de porco recheado com spam: carne de porco moída na hora temperada com cebola doce caramelizada é o que compõe este hambúrguer. E com um centro surpreendente de Spam, ele certamente trará sabor ao seu hambúrguer comum. O spam é comumente consumido no Havaí, o paraíso que serviu de inspiração para este hambúrguer.

Papaya Mango Slaw: se você consegue colocar as mãos em mangas e mamões frescos, faça esta salada! Um toque de coentro fresco ilumina as frutas e equilibra a doçura. Sirva este mamão no hambúrguer ou até mesmo como salada.

Ketchup de abacaxi: um condimento tão rápido e fácil que combina tão bem com este cheeseburger. Imagine as possibilidades! Gostamos de usar ketchups orgânicos, sem xarope de milho com alto teor de frutose, que você pode misturar com sua fruta de verão favorita, a nossa sendo o abacaxi.


Hooting Yard no ar: o jesuíta mundialmente famoso e salpicado de comida

O mundialmente famoso jesuíta salpicado de comida foi um dos mais amados e mais bem-sucedidos atos de variedades dos anos entre guerras. Acredita-se que ele apareceu em todos os balneários do país, os grandiosos e os dilapidados, dentro e fora da estação, e sempre recebendo aplausos arrebatadores. A chave para seu apelo era a pura simplicidade. As cortinas se abriam e ali, no palco, mundialmente famoso e salpicado de comida, estava um jesuíta. Ele estendia os braços, quase em pose de crucificação, e olhava para um ponto ligeiramente acima das cabeças da audiência. Não havia frescuras, nenhum "negócio" com adereços. Depois de alguns minutos, as cortinas fechavam e - exceto o inevitável bis - era isso. Foi uma fórmula vitoriosa, mas que, infelizmente, não pôde ser transferida para o rádio, onde tantas estrelas do teatro de variedades encontraram fama e fortuna.

Ao longo dos anos de sua maior popularidade, aproximadamente na década de 1925 a 1935, o jesuíta mundialmente famoso e salpicado de comida conseguiu, milagrosamente, preservar seu anonimato. Ainda não sabemos ao certo quem ele era. Sabemos, apesar dos rumores em contrário, que ele era um indivíduo único e particular, e não uma série de jesuítas diferentes. Essa acusação foi levantada pela primeira vez em uma história de jornal obscena. No Daily Voodoo Dolly do dia 6 de setembro de 1929, um hack nomeado apenas como "Our Seaside Resort Reporter" afirmou que o jesuíta original e mundialmente famoso com salpicos de comida havia morrido em um acidente (piquenique, raio) e substituído por pelo menos sete outros jesuítas, que se revezavam para aparecer no final dos cais, respingados de comida. Essa confusão de absurdos foi totalmente demolida pelo repórter investigativo de teatro de variedades John Pilge, um homem que conhecia bem as suas cebolas.

Mas mesmo Pilge não era perfeito, e parece que ele foi a fonte de um equívoco comum sobre a natureza das atuações do jesuíta. Freqüentemente repetida por aspirantes a historiadores idiotas do teatro de variedades à beira-mar, esta é a ideia de que o jesuíta estava no palco, inicialmente imaculado em sua batina, e que foi salpicado de comida por membros da platéia jogando-lhe ovos, frutas, pedaços de carne, sopa, ketchup e nauseam. Então, deixe-me ser bem claro - não há um resquício de evidência de que isso tenha acontecido. Mais do que isso, ele desmente um mal-entendido fundamental de todo o ponto do ato, e a razão de ser tão popular, a saber, que o jesuíta simplesmente ficou ali, imóvel, braços estendidos, vagamente sagrado, mundialmente famoso e salpicada de comida.

Havia uma arte nessas performances que perdemos de vista em nossa era moderna de pap 'n' twaddle. Seria um erro pensar que o jesuíta nada mais era do que um comedor bagunceiro com os modos à mesa de Kafka, que simplesmente permitia que várias manchas e respingos se acumulassem em sua batina. Qualquer um poderia conseguir isso, com persistência, determinação, hábitos alimentares descuidados e evitando lavar roupa. Na verdade, durante algum tempo houve um ato rival conhecido como a mundialmente famosa freira suja de bacon e ovo. Apesar de ser uma mulher de boas maneiras e ótima higiene pessoal, ela foi enfeitiçada pela atração do final do píer e se dedicou a permitir que grande parte de seu café da manhã frito caísse sobre seu hábito. Foi um esforço de vontade não mandá-lo direto para a lavanderia, mas ela cerrou os dentes, orou e subiu ao palco. Por si só, o seu foi um ato bastante encantador, pois ela se ajoelhou em uma atitude de devoção, segurando seu rosário, exibindo suas manchas de gema de ovo e gordura de bacon. Mas ela era vista, com justificativa, como uma imitadora, e o público não a tratava com ternura. Mais tarde, ela alcançou certo sucesso com um ato completamente diferente, envolvendo coadores de chá, cabides e macacos performáticos.

A genialidade do jesuíta mundialmente famoso e salpicado de comida, por outro lado, foi que os salpicos ocorreram, nos bastidores, imediatamente antes de cada apresentação. Ele removia sua batina, colocava-a no chão e começava a respingar nela qualquer alimento que aparecesse. Ele atirava ovos ou frutas nele do outro lado da sala, regava com sopa, caldo, restos e molhos e regava com pão e migalhas de biscoito. Embora não haja nenhuma evidência de que Jackson Pollock tenha testemunhado esses preparativos, parece inconcebível para mim que ele pudesse ter chegado à sua técnica de pintura de ação sem primeiro ter assistido ao mundialmente famoso jesuíta salpicado de comida.

Embora haja um consenso de que ele era, além de qualquer dúvida razoável, um jesuíta e salpicado de comida, vários comentaristas modernos se perguntaram sobre aquela parte "mundialmente famosa". Visto que ele nunca se apresentou fora dos balneários de seu próprio país, eles perguntam: há alguma verdade na afirmação de que ele era famoso em todo o mundo? Lembre-se de que estávamos nos anos entre guerras, quando as comunicações eram tecnologicamente primitivas em comparação com a nossa própria era. Como um aficionado por teatro de variedades em terras longínquas ouviria contar sobre o que acontecia no final de um cais precário em um resort à beira-mar fora da temporada em nossa terra abençoada? É uma questão pertinente. Mas ignora o papel decisivo desempenhado por seu gerente na carreira mundialmente famosa de jesuítas salpicados de comida.

O "coronel" Tom Emersonlakeandparker era um velhaco, um patife e um empresário de gênio. Foi ele quem primeiro viu o potencial daquela batina preta imaculada, viu-a como uma lousa em branco sobre a qual a comida poderia ser espalhada e depois exibida, como em um tableau vivant, a um público que o adorava. Tudo o que precisava fazer, ele percebeu, era encontrar o jesuíta perfeito, primeiro para fazer o respingo de comida, depois ficar parado com os braços estendidos por cerca de dez minutos em um palco à beira-mar. Segundo todos os relatos, ele procurou por mais de seis anos antes de encontrar seu homem - um homem cujo nome ainda permanece um segredo. Nas primeiras aparições, anunciado como o jesuíta salpicado de comida, o número foi um fracasso. Mas ao invés de abandonar sua escolha de Jesuíta, o que ele poderia facilmente ter feito, o "Coronel" em vez disso adicionou "Famoso Mundial" ao seu nome artístico. Foi um golpe de gênio. Multidões se aglomeraram para ver uma figura que já era - eles pensavam - uma lenda. Eles não ficaram desapontados, como quem poderia ficar? Certamente, no mundo saturado de entretenimento de hoje, deixamos de registrar o quão empobrecidos somos. Na era da televisão multicanal, do YouTube e de uma população com a atenção de um mosquito, deveríamos estar clamando, aos milhões, por uma variedade de atos tão enriquecedores espiritualmente quanto o jesuíta mundialmente famoso e salpicado de comida. Talvez um jovem jesuíta iniciante com um desejo ardente de entreter as massas esteja lendo isto. Ele saberá o que fazer.

Postado originalmente em 2012.

SER UM VERDADEIRO CONTA DA DESCOBERTA DO TÚMULO DE ANAXAGROTAX

Minha referência a Tuesday Weld outro dia levou um leitor a solicitar o repoteamento [sic] desta peça de sete longos anos atrás.

Saiba que no décimo quarto dia do mês de março do último ano das salmouras, MR THUBB, o Exmo. A secretária do capítulo Pointy Town do Tuesday Weld Fan Club, contratou um charabanc para fins de uma excursão às partes remotas da referida cidade, para fazer um piquenique e trocar cartões de colecionador de Tuesday Weld, seus contemporâneos e seus pares.

Que o motorista do charabanc era um homem de semblante terrível e má reputação. Que foi dito que ele tinha membros fantasmas, além de seus membros dados, e que embora estes não pudessem ser percebidos pelo olho humano na luz do dia comum, eles estavam, no entanto, presentes, e pode-se dizer que o condutor tem a forma de uma aranha gigantesca foi ele visto inteiro.

Que o custo do aluguel do charabanc e do motorista foi coberto pela assinatura do fundo de excursões e piqueniques do Tuesday Weld Fan Club, administrado pelo Exmo. Tesoureiro MR BRIMSTONE. Que MR THUBB e MR BRIMSTONE estavam em conflito por causa de imponderáveis ​​e mistérios insondáveis ​​conhecidos por ninguém, mas eles e suas esposas e o falecido bedel, MR FLAIL, morreu de uma febre no mês de fevereiro passado. Que a relíquia de MR FLAIL foi confinada a um hospício onde ela tricotou, em uma frenzy, em todas as suas horas de vigília.

Que o motorista charabanc, de nome BINNS, tendo combinado uma rota para o local do piquenique com MR THUBB, desviou seu veículo para as colinas, de onde sua intenção era entregar todos os membros excursionistas do Tuesday Weld Fan Club nas garras de o Grunty Man, que morava em um covil nas ditas colinas. Que o BINNS não ganharia nenhuma vantagem pecuniária com essa traição, já que seu único propósito era a maldade e a má-fé. Que os balbucios dos excursionistas dentro do charabanc os excitavam a tal ponto que ninguém percebeu a divergência.

Tanta geada e gelo estavam nas estradas naquele mês de março, pois era uma estação amarga. Que não havia areia nem recursos de pessoas cívicas de Pointy Town para espalhá-la nas estradas, se houvesse, pois eles estavam em disputa a respeito de seu estipêndio e seguravam faixas em uma multidão fora do salão cívico e tinham banheiras que eles bateram com força principal. Apesar de seu grande mérito como motorista do charabanc, o BINNS fez o veículo derrapar skaw-skoo para fora do caminho indicado e mergulhar em uma vala a cerca de seis quilômetros enquanto o corvo passa voando pelo Bypass em Blister Lane. Isso se BINNS tivesse seguido a rota acordada com MR THUBB tal acidente nunca teria ocorrido.

Que os senhores e senhoras do Terça-feira Weld Fan Club se comportaram com decência e autoconfiança. Que aqueles que foram arremessados ​​do charabanc ajudaram aqueles que permaneceram em seus destroços retorcidos a escapar. Que se reuniram na vala e beberam com a devida delicadeza de frascos de sopa bem quente. Que o Exmo. A secretária de correspondência, SRA. GLEETY, distribuiu a todos os famosos e confiáveis ​​pós cerebrais do Dr. Gillespie para o alívio de distúrbios dos nervos e tegumentos. Essas lágrimas de emoção foram derramadas quando foi visto que MR THUBB e MR BRIMSTONE estavam colocando de lado suas diferenças em face da calamidade e apertando as mãos um do outro com paciência viril.

Que um tempo considerável se passou antes que fosse notado que o motorista charabanc BINNS não estava presente com os outros na vala. Dito isso, o BINNS saiu correndo na primeira oportunidade. Que sua fuga ganhou muita vantagem pelo fato de seus saltos visíveis estarem acompanhados por qualquer número de saltos fantasmas. Que a direção da fuga de BINNS foi para as colinas, onde ele se jogou à mercê do Homem Grunty com lamentações terríveis de que ele havia falhado em sua tarefa designada. That the Grunty Man was a stranger to mercy and grunted loud and awful grunts and dragged BINNS into the depths of his lair. That not hide nor hair of BINNS was ever seen again on this spinning earth.

That the composure of the members of the Tuesday Weld Fan Club was a magnificent thing and a pride unto Pointy Town. That when wounds were bandaged and shattered bones set with splints, they clambered forth each and every one from the ditch to make the journey home on foot. That night fell and they lost their way yet did not once screech in terror nor complain of chill. That they kept their spirits up by calling one to another the titles of feature films in which Tuesday Weld had appeared, to which another would respond by calling out the name of the character she had played in said feature film, so that MR BRIMSTONE might call Rally 'Round The Flag, Boys! and MRS GLEETY call Comfort Goodpasture, or MR THUBB call The Private Lives Of Adam And Eve and the Hon. Picnics Secretary MRS BLEARS call in return Vangie Harper.

That such jollies were brought cruelly to a close when it happened in the darkness that MR THUBB collided with an enormous block of masonry and was knocked insensible. That MRS GLEETY had exhausted her supply of Dr Gillespie's Powders but was able to revive MR THUBB with a draught of arquebusade-water from a canister within her handbag. That it was resolved to remain in the lee of the enormous block of masonry pending the break of dawn, for it provided some shelter from a wild wind which now was roaring. That to pass the time until dawn, the excursionists hummed tunes made famous by Dudley Moore and Pinchas Zukerman, respectively the second and third husbands of Tuesday Weld.

That when dawn came and examination was made of the masonry it was found to be covered in greatly mysterious inscriptions in an alphabet unknown to even the most erudite member of the Tuesday Weld Fan Club. That this was by common acclaim MR SHAMBEKO who was the author of many learned books, among them being a history of Pointy Town, a topographical description of the area around the Blister Lane Bypass, and a shot-by-shot analysis of the feature film I'll Take Sweden, in which Tuesday Weld appeared as the character JoJo Holcomb. That in scraping clumps of mud from the masonry the better to view the inscriptions, it became apparent that much of the block remained submerged below the ground. That MRS GLEETY produced from her handbag a number of gardening trowels which she carried on the aborted excursion in case within the vicinity of the picnic spot had grown such plants as campions and hellebore and lupins for the digging up and transplanting to her garden behind the house on Turpentine Boulevard in Pointy Town. That those of the party not yet faint with exhaustion set to with a will a-trowelling away the mud to reveal as much of the enormous block of masonry as their efforts might allow.

That thus was discovery made of the ancient tomb of Anaxagrotax. That MR SHAMBEKO thereafter wrote an account of the discovery and embarked upon an extensive lecture tour of many countries. That MR SHAMBEKO never failed to acknowledge the inadvertent part played by the evil spidery charabanc driver BINNS. That it remains unknown who or what Anaxagrotax was or in what era he lived if ever he lived at all. That his tomb now gleaming is surrounded by a fence to deter souvenir hunters, and that propped against the tomb, in a plain wooden frame coated with protection against the elements is a publicity photograph of Tuesday Weld, taken circa 1963 during production of the feature film Soldier In The Rain, in which she appeared as the character Bobby Jo Pepperdine. That it is apt that a soldier stands guard in a sentry box beside the tomb of Anaxagrotax, and that it is raining, and that there is no roof upon the box, so the rain falls directly upon the soldier, whose badge declares his name as Private Pepperdine.

I was at a loose end, staring out of the window looking at crows, and my mind turned to Ali Baba and his Forty Thieves. With a start, I realised how little I knew about them. As luck would have it, the very next day at a rummage sale I picked up a copy of a privately-printed pamphlet by Knud Padde, described on the title page as a Lecturer in Arabian Thievery Studies at the University of Ack-on-the-Vug, or possibly the University of Vug-on-the-Ack. Here is his list of the Forty Thieves, together with "preliminary notes" on each thief.

Corky--a hireling thief, a chump, a talc-powdered wastrel.

Mutcho--greasy, vindictive, base.

Ibster--looms terrible in dreams, licks ice cream cones.

Guff--the boffin of the gang, and sniper, and Tippi Hedren's penpal,

Spoors--great galumphing fool, Oppidan, thimble-fumbler.

Geraldo--of monstrous girth, of lively demeanour, of hand-stitched tunics.

Carsten--polishes off raisins, swigs tap water, goes shod in clogs.

Fang--inhabits palatial apartments with his wolf and his minuets.

Sudbury--exists on a higher plane, thumps things, distressed.

Oswin--suffers fools gladly, hung out to dry.

Bantock--dustpan and brush man, Hotspur, clackety rhythm.

Mort--hedger, was a water-bailiff, albino.

Hardcastle--fevered brow, distorted spine, curly ringlets.

Aptod--when first he flew he blundered into branches of dark trees.

Shopworn--lacks the common touch, hoist by petards, a darling.

Urbane--urbane yet ditzy, polka-dotted, ruminant.

Dobbin--pumped gas back in Montana, unbridled savagery, lacks depth.

Inky--several contradictory reports, buff-coloured envelope, chalk dust.

Anglepoise--Jesuit upbringing, weather station, tarred with broad brush.

Snapper--bolt upright, sprained ankles, Maoist.

Boomer--booming voice, bloody nose, best before dusk.

Chepstow--owls nest in his hair, he plays the piccolo, he eats mashed potato.

Zigzoo--champs at bits, stinks of Jarlsberger, often with conifers.

Delmore--lurid, spiteful, mechanical.

Esher--flabby, subject to fits, member of Tuesday Weld Fan Club.

Jetboy--likely to be found upon rotating things in park playgrounds.

Casement--proudly lumpen, secretly engaged to a flapper, podcaster.

Uck--abnormal alignment of head upon neck, neck grubby, hair unwashed.

Fig--a stone's throw from the sea, green about the gills, hot to trot.

Straubenzee--sings the songs his mother taught him in that Darmstadt nursery.

Fogbound--clatters to and fro, goes haywire, made of cement.

Wailywaily--hidden behind shutters, brilliantine in his hair, indiscreet.

Burgess--over by the ice rink, underneath the arches, powered by batteries.

Pepinstow--thunderous hooves, brilliant plumage, exquisite table manners.

Dixon--marimba, clutching at straws, gin slings and blood oranges.

Quangocrat--double helpings of sausage-shaped dough snacks.

This is a slightly revised version of a piece which originally appeared in 2011.


The Jarlsberger - Recipes

May 16, 2008
For a listing of other previous Retail Watch stories, please see our Retail Watch Archive.

By Kate Sander and Amelia Buragas

STAMFORD, Conn. — This spring marks many exciting marketing changes for Jarlsberg, which has the distinction of being both a brand and a type of cheese.

The trademarked cheese is a semi-soft, part skim cheese with a distinctive mellow and nutty flavor. It was developed in Norway when Professor Ole M. Ystgaard from the Agricultural University of Norway started to do research in 1956 on how to make a soft, medium-fat cheese with holes. The new cheese was named after Count Wedel Jarlsberg, the owner of an estate by the Oslo fjord, where an earlier version of this cheese had been made between 1815 and 1832. The Jarlsberg estate can trace its history back to the Vikings and the last Count of Jarlsberg approved the name before Jarlsberg was introduced in the 1960s.

Jarlsberg, traditionally imported from Norway, has expanded distribution through the addition of production facilities to keep up with the consumer demand. The production of Jarlsberg is developed under the strict guidelines of Tine B.A./Norwegian Dairies. It it is popular for entertaining, eating alone as a snack or incorporated into many different type of meals.

It is this variety of uses that Norseland Inc., which markets Jarlsberg in the United States, is hoping to capitalize on this year with a number of innovations.

In February, the company began rolling out new Fresh-Pak packaging for its slices, replacing the company’s traditional shingle packs. The rigid packaging is described as being convenient with an easy-to-open lid. The freshness seal preserves the quality and integrity of the cheese, says Dorthe Schechter, marketing manager, noting the cheese remains moist and fresh throughout the shelf-life. The rigid package also preserves the cheese so the slices are neat and do not break or bend in the package. The slices are easy to separate so a paper interleaf is not needed between the cheese slices.

“When you open it, you immediately get the beautiful aroma of the cheese,” Schechter says. “The product doesn’t change, and it preserves the flavor, taste, aroma and texture.”

In addition to freshness and consumer convenience, the new rigid packaging also provides more options at the retail level, Schechter notes. The sturdy package, which reduces peg hole tears, is more easily merchandised and can be displayed in a cheese case or on a peg. It’s also stackable.

This type of new packaging is being rolled out by a number of companies currently, and Norseland officials say they are pleased that Jarlsberg is among the first.

“We’re excited to be at the forefront of this major package trend,” says John Sullivan, president and CEO, Norseland. “After careful research, development and testing, we couldn’t be more pleased with the result: a state-of-the art, convenient packaging concept for our popular Jarlsberg specialty brand that satisfies the needs of retailers and consumers. We’re proud to introduce this kind of innovation, which enhances — rather than compromises — product integrity and quality.”

Norseland is using the tagline, “Fresh to the last slice” to promote the new packaging, and also has added a small green leaf to its packaging to denote the fresh quality.

The packaging conversion started with Jarlsberg, and Jarlsberg Lite slices are being transitioned to the new rigid packaging as well.

The new convenience packaging comes just in time for summer and one of Jarlsberg’s biggest ever summer promotions.

“All barbecues are not created equal,” will promote Jarlsberg during the Fourth of July holiday, and Norseland has teamed up with Weber Grill Creations and Fujifilm to create a nationwide campaign. The companies are working together to showcase how their products can combine to create a memorable event.

The marketing program will include a full-page FSI in newspapers nationwide June 29. The FSI will include sweepstakes information, a 55-cents-off Jarlsberg coupon and recipes developed by chef Jim Coleman, host of the television show, “Flavors of America.”

Coleman also is utilizing Jarlsberg in a cooking program that will be aired this summer and repeated over the next 12 to 24 months on the Comcast cable network and PBS, Schechter says. The shows, airing on cable and PBS, will begin appearing in June.

The barbecue sweepstakes and displays also will be in more than 10,000 stores for the summer holiday. Cheeseburgers made with Jarlsberg aren’t just being called cheeseburgers either they have their own name: “Jarlsbergers.”

At point of sale, there will be recipes utilizing Jarlsberg and helium balloons with photographs of the company’s signature Jarlsberger.

The company also is partnering with retailers who will do secondary placements of Jarlsberg in the meat department.

Schechter believes the campaign will create greater awareness of Jarlsberg, not just as a sliced cheese but as a cheese that is available in other forms, including wedges.

Norseland, which is owned by Norwegian company Tine B.A./Norwegian Dairies, also will be using the barbecue theme in its booth at the International-Deli-Bakery Association’s (IDDBA) show in New Orleans early next month. There, show attendees will be treated to a burger menu and burger samples created by Chef Coleman and featuring Jarlsberg and other cheeses Norseland represents, including Woolwich, Boursin, Garcia Baquero and Old Amsterdam.

In addition to marketing the Jarlsberg brand, Norseland has developed a number of strategic alliances in order to offer a greater portfolio of premium brands at value prices in the United States.

This year, Norseland is beginning to offer a new line of goat cheese spreads called Chevrai through its partnership with Woolwich Dairy Inc.

Sullivan says Woolwich continues to bring innovation and excitement to the specialty goat cheese category with this spreadable form of cheese.

Norseland also will be introducing new varieties of the Boursin brand, including a Garlic & Roasted Pepper Boursin and will be bringing back popular Boursin Apple, Cranberry and Cinnamon as a Holiday flavor. The Garlic & Roasted Pepper flavor is more of an everyday product, while the Apple, Cranberry & Cinnamon Boursin cheese is being offered as a limited edition flavor.

In addition to promoting these cheeses at IDDBA and other trade shows, Norseland will be running a “garden party” campaign focusing on the use of Boursin in outdoor entertaining beginning in June.

Norseland also recently announced deals with Spain’s Lacteas Garcia Baquero and Holland’s Westland Kaasexport BV. As a result, Norseland will handle the sales, marketing and distribution of Garcia Baquero and Old Amsterdam brands of premium imported cheeses.

“Both Norseland and the partner benefit from the strategic alliances that we have in the United States,” Sullivan says, noting that Norseland offers its partners logistical efficiencies as well as ready-made partnerships with retailers, in-store programs and brokers.

Sullivan is excited by what the future holds for the company, saying the alliances the company has created over the years are strong strategic fits for its portfolio because the company specifically works with companies that are leaders in their home market from both a quality and a position standpoint.

In addition, he notes that by partnering with Norseland and the Jarlsberg brand, companies benefit from increased visibility.

“In 2008, we are tracking to have the largest year in our history in terms of branded sales,” he adds.

Sullivan notes that like the rest of the industry, Norseland is working to offset increased input costs and a softening domestic economy.

However, he expects Norseland and its Jarlsberg brand to emerge from any economic downturn stronger than ever.

“Our research shows that consumers rely on brands during times of economic uncertainty,” Sullivan says. “Jarlsberg has always been a brand that has come out even stronger at the end.”


The Jarlsberger - Recipes

February 10, 2012
For a listing of previous Retail Watch stories, please see our Retail Watch Archive.

By Kate Sander

STAMFORD, Conn. — Jarlsberg has been exported to the United States for more than 45 years and is America’s top-selling brand of specialty cheese. But its longevity and market penetration do not preclude innovation.

One of the few cheeses to have the distinction of being both a brand and a type of cheese, Jarlsberg — with its mild, nutty unique taste unlike any other domestic or imported cheese — can boost a regular hamburger to a “Jarlsberger” — a use annually promoted by Norseland Inc., the exclusive importer and sales and marketing agent for the Norwegian cheese in the United States as well as an importer of several other specialty cheese brands.

Consumers and retailers can get pretty creative with their Jarlsberg. Jarlsbergers can take on all different kinds of forms, and Norseland has developed numerous recipes to get consumers’ creative juices flowing.

But the creativity doesn’t stop with burgers. Another popular use of the cheese has been a dip, often made by delis in the Midwest. To add convenience for retailers and make this use of the cheese available nationally, Norseland launched a new Jarlsberg dip nationwide in September.

The dip, made with 50 percent cheese, combines Jarlsberg shreds with mayonnaise and red onion in an 8-ounce microwaveable container, according to Deanna Finegan, marketing manager, Norseland Inc. The dip can be served hot or cold, and its uses are versatile — it can be used as a topping on burgers or potatoes or as a snack with crackers.

“Right now, there’s a trend toward dips, healthier dips, and snacking, and this product coincides with that,” Finegan says.

“The initial results have been strong with good feedback from the marketplace,” she adds, noting that the company also is looking at developing flavored varieties of the dip as well.

“We’re doing a
lot with Facebook.
There are lots of
ways to engage
consumers with
Facebook that
work with our
marketing efforts.
And there’s been a huge
increase in Twitter.
We’re very interactive
with consumers
on a daily basis.”

Deanna Finegan
NORSELAND INC.

Jarlsberg’s roots date back to the early 1800s when Norwegian cheesemakers attempted to produce a domestic version of Emmenthaler cheese from Switzerland. As is often the case when cheesemakers replicate a cheese, their efforts produced a slightly different product. Further innovation came in the 1950s when the University of Agriculture in Norway conducted developmental research on a semi-soft, part-skim cheese with eye formation. Professor Ole M. Ystgaard is credited with developing the bacteria cultures and manufacturing techniques used to process the cheese. The new cheese was named after Count Vadel Jarlsberg, whose estate was on the Oslo Fjord near where it was manufactured.

Norseland Inc., owned by TINE BA, is responsible for the importation and marketing of the brand and also oversees production of the cheese in the United States. As the cheese gained in popularity in the late 1990s, it began bumping up against import quotas, so the company began contracting commercial U.S. production of Jarlsberg in 2000. In addition to Jarlsberg and Jarlsberg dip, there is also Jarlsberg Lite, a 50 percent reduced-fat cheese with 30 percent fewer calories than regular Jarlsberg.

Norseland keeps the momentum growing with a number of promotions. A cross-promotion sandwich-making campaign, for example, will be launched this summer with Jarlsberg and Mezzetta brand peppers, Flatout flat bread and Foods Should Taste Good chips to promote sandwiches and meals using those products. The campaign includes a recipe contest for consumers that runs Memorial Day through Labor Day, with the grand prize winner receiving $25,000. The promotion will include in-store displays, point-of-sale materials and on-pack instantly redeemable coupons. In addition, the cross-promotion will include a Celebrity Chef Sandwich Charity Challenge. Chefs will submit a sandwich recipe and consumers will vote, with the top chef winning a $10,000 donation to the charity of their choice.

Norseland also will continue to grow its promotion of Jarlsbergers with this year’s summer promotion theme “Throw a Jarlsberger in Paradise Party.”

To engage consumers in all of these efforts, Jarlsberg utilizes social media including Facebook and Twitter.

“We’re doing a lot with Facebook. There are lots of ways to engage consumers with Facebook that work with our marketing efforts,” Finegan says. “And there’s been a huge increase in Twitter. We’re very interactive with consumers on a daily basis.”

Jarlsberg also has its own dedicated website, www.jarlsbergusa.com, which Norseland has updated with trendy pictures of the cheese.

The company also utilizes more localized advertising including radio ads in the New York metro area leading up to the Super Bowl. This coming week, Jarlsberg Lite will be a co-sponsor of Elle magazine’s Style 360 New York Fashion Week.

Finegan says the company believes in tailor-making regional promotions, both within stores and outside them, as a way to promote the brand and meet the needs of a variety of audiences. This includes incorporating all of the various aspects of promotions that are at its disposal.

“For example, some retailers don’t allow point-of-sale materials, but we can do a lot of digitally integrated promotions online,” she says. “There’s been a huge shift with a lot of consumers participating in social media, and we can reinforce that.”

• Innovating with other brands

“(Tapas de Queso)
is a wonderful item.
It can be used
for snacking but
isn’t limited to that.
It’s very versatile.
We’re very excited
about the response
we’re getting.”

Strong promotions are what Norseland excels at, and the company utilizes a variety of tools for the other brands it represents as well.

While Jarlsberg is Norseland’s flagship brand, the company also markets several other well-known brands including Ilchester, Woolwich Dairy, García Baquero, Old Amsterdam, Gabriella Suprema and Snøfrisk.

There have been exciting new developments in the English Ilchester brand, which the company purchased a few years ago, says Ruth Flore, who manages multiple brands for Norseland. For starters, there is a new packaging format that is replacing the full wheels of fruited and herb blended cheeses. Now in split/half wheels, the colorful products — such as Wensleydale with Cranberries, White Stilton with Lemon, and Double Gloucester with Onion & Chive —feature an easy-peel opening and are vacuum-packed for excellent display potential. New sampling/demo kits have been developed, Flore adds. The traditional or territorials (including Red Leicester, Cheshire, Double Gloucester, Cheddar Wensleydate and Stilton) remain in full wheel format and exact weight cheeses are available in parchment.

Flore says two exciting cheeses the company is featuring are Applewood Smoked Cheddar, a golden-amber, dense semi-hard cheese with a unique, delicate essence, and Beer Cheese, in which an extra strong ale and a secret blend of spices are added to a mature Somerset Cheddar for a smooth texture and piquant flavor.

Flore also notes that the company cycles different cheeses for retailers at different times with Wensleydale Date & Honey, Plum Pudding and Cheddar with Sticky Toffee proving popular during the holidays.

Another product gaining attention in the marketplace is Tapas de Queso, a Spanish cheese plate introduced by García Baquero.

“It’s a wonderful item. It can be used for snacking but isn’t limited to that. It’s very versatile,” Flore says, noting the package is perfect for building a cheeseboard.

The easy-to-peel 5.2-ounce package includes 12 slices of Spanish cheeses, four each of García Baquero Tipsy Goat, a wine-bathed pasteurized goat’s milk cheese, García Baquero Iberico, a mild and firm blended sheep, goat and cow’s milk cheese with a complex flavor, and Gran Maestre Manchego, a 3-month aged sheep’s milk cheese.

“We’re very excited about the response we’re getting,” Flore says, noting the cheeses are produced in a state-of-the-art facility in Spain and pair well with most Spanish foods and wines.

This year, the company also will be introducing Cinco Lanzas, a 16-month aged mixed milk cheese made from a culture that García Baquero has specifically developed.

“It’s a hard cheese with a complex flavor profile and a very smooth finish,” Flore says, adding that she believes it will prove to be quite popular in specialty shops in the United States.

Manchego and Iberico are the cheeses that most people in the United States identify as Spanish cheeses, but this new “beautiful” cheese is significantly different from these two and yet fits well with them, Flore says.

“We tested the waters at the Winter Fancy Food Show, and we had lots of positive feedback from key retailers,” she says, adding that the company is now finalizing the label and getting ready to bring the cheese to market. The cheese, sold in 3-kilogram wheels, will be sold in a wood box.
The market continues to grow for the Woolwich brand cheeses as well, Flore says. The company recently has launched 5.3-ounce cups of its spreadable Crème Chêvre in three flavors: Plain & Simple, Big Kick Herb & Garlic and Inevitable Vegetable.

“Beyond using as a great dip or spread, they’re great for cooking and come in resealable cups,” Flore says.

Old Amsterdam also is working on a couple of new packaging concepts, and the brand remains one of the best, consistent aged Goudas in the marketplace.


Assista o vídeo: David Bowie- Space Oddity Original Video 1969 (Outubro 2021).