Novas receitas

The Food Almanac: quarta-feira, 15 de janeiro de 2014

The Food Almanac: quarta-feira, 15 de janeiro de 2014

Anais de desastres alimentares
Hoje em 1919, um enorme tanque de melaço estourou e inundou o centro de Boston com mais de dois milhões de galões do material pegajoso. Provou que o melaço em janeiro não é tão lento. Ele se movia a mais de trinta milhas por hora e, antes de parar, havia destruído várias casas e outros edifícios. Vinte e uma pessoas morreram afogadas no melaço. As pessoas não fariam pão de gengibre ou panquecas por anos depois, aposto.

Invenções Alimentares
Hoje, em 1889, Daniel Johnson patenteou um mesa giratória para refeitórios em navios. As pessoas sentadas em tal mesa poderiam virá-la para receber a comida em que estivessem interessadas, em vez de exigir que um garçom o fizesse. Esse conceito pode ser visto em ação em vários restaurantes no Mississippi, principalmente o Dinner Bell em McComb.

William Prout nasceu hoje em 1785. Seu trabalho se concentrou no química dos alimentos e do sistema digestivo. Ele descobriu que o estômago faz seu trabalho com ácido clorídrico. Ele também foi o homem que observou que a maioria dos alimentos pode ser classificada como carboidratos, proteínas ou gorduras. Ele ficaria orgulhoso dos rótulos nutricionais nas embalagens dos alimentos - aqueles que estamos começando a considerar mais importantes do que questões como sabor e se realmente precisamos comer essas coisas em primeiro lugar.

Sabor de Hoje
Seu Dia Nacional do Curry. Na América, o curry é um dos conceitos alimentares mais incompreendidos. Um curry não tem necessariamente (e provavelmente não tem) o sabor de curry em pó, com seus poderosos sabores de cominho e açafrão. A palavra “curry” teve origem na língua tâmil, como o nome de um prato cozido com molho apimentado. Isso admite uma enorme variedade de pratos, com tamanha difusão de sabores que a palavra “curry” se torna tão genérica quanto “guisado” ou “sopa”. Um bom restaurante indiano terá dezenas de pratos que eles chamam de caril, cada um com seus próprios ingredientes e sabores distintos.

Certos ingredientes aparecem em muitos caril. Mas a mistura real de especiarias para cada prato de curry é única. Alguns dos componentes mais comuns são coentro, cardamomo, pimenta do reino, cominho, açafrão, mostarda, canela e feno-grego. Pimenta de Caiena e outras pimentas vermelhas agora também são ingredientes comuns do curry. Por fim, há a folha de curry, membro da mesma família de árvores que inclui as frutas cítricas. Todos estes são torrados e moídos com a mesma consistência para que se misturem bem.

O curry é encontrado em muitas cozinhas asiáticas. Os molhos tailandeses têm sua própria variedade de sabores, nenhum dos quais tem muito em comum com os molhos indianos. O caril que você encontra nos restaurantes chineses tem outra gama de diferenças distintas. Existem até caril americanos. Estes, curiosamente, são os que mais usam curry em pó.

Aqueles que amam curry sabem que é viciante. Não apenas porque gostamos do sabor. Há evidências científicas de que as especiarias no curry são literalmente viciantes. É um vício muito benigno, no entanto. Todos os temperos do curry parecem ser bons para você. Eles certamente têm um gosto bom.

Dicionário Comestível
ragu, Italiano, n.–O molho de carne original para massas, desenvolvido em Bolonha, e tão amplamente difundido que uma marca nacional de molho de espaguete engarrafado leva o nome dele. O ragu original era feito de carne finamente picada (geralmente de vaca, mas às vezes de porco - cozida lentamente por muitas horas com cebola, aipo e outros ingredientes que o cozinheiro tinha à mão. Todos os ingredientes amoleciam até obter uma consistência de molho, até mesmo a carne. No início, o tomate não fazia parte da receita, pois é anterior à chegada do tomate do Novo Mundo. Agora, um ragu quase sempre contém bastante tomate, cozido até ficar doce. Oxford Companion to Food, o ragu era um molho para lasanha antes de ser usado no ravióli e no espaguete. Há alguma controvérsia sobre se a palavra veio de uma palavra francesa pronunciada de forma semelhante ragu, ou o contrário.

O velho sábio da cozinha Sez:
A melhor ferramenta para moer especiarias é um moinho de café. Compre um separado daquele que você usa para moer os grãos de café. O sabor de cardamomo e pimenta não vai estragar um ao outro, mas nenhum deles é aceitável no café.

Gourmet Gazetteer
Alcachofra, Minnesota fica na parte centro-oeste do estado, nas pradarias onde os Dakotas e Minnesota se unem no vale do Rio Vermelho do Norte. Os vastos campos agrícolas são inequivocamente dedicados ao milho, não às alcachofras. Eles estão cheios de lagos de todos os tamanhos, os restos de uma boa raspagem glacial durante a última Idade do Gelo. Apenas duas casas de fazenda compartilham a interseção das estradas municipais 8 e 25, ambas em linha reta e se encontrando em ângulos retos entre si. O lugar mais próximo para comer e se divertir é o Alberta Bar and Grill, a quatorze quilômetros de distância, na cidade de mesmo nome.

Regra de jantar hábil nº 62:
Nenhum prato tem o mesmo sabor em dois restaurantes diferentes. Se um restaurante fecha, você terá que se acostumar com a forma como ele prepara sua comida e aprender a gostar do melhor do que é servido em outros lugares.

Anais da culinária popular
Hoje em 1990, A Campbell's produziu a vigésima bilionésima lata de sopa de tomate, seu produto original. A sopa de tomate em lata é mais útil como aditivo do que sozinha. Por exemplo, quando adicionado ao caldo de carne junto com tomates em lata esmagados, faz uma sopa melhor do que apenas os tomates inteiros.

Comer pela América
Hoje em 1777, Vermont declarou sua independência não apenas de seus colonizadores britânicos, mas também de Nova York, que a controlava com o nome de New Connecticut. O produto alimentício mais famoso de Vermont é o xarope de bordo, mas sua principal especialidade são os laticínios, notadamente o queijo Cheddar de Vermont.

Assustadores de comida
Capitão Beefheart (nome real: Don Glen Vliet), um dos mais distantes músicos de rock e blues do final dos anos 1960 e 1970, nasceu hoje em 1941. Primeiro profissional de beisebol Grover Lowdermilk pisou no Big Diamond hoje em 1885.

Palavras para comer
“Os dramaturgos são como os homens que jantam há um mês em um restaurante indiano. Depois de comer curry noite após noite, eles negam a existência de aspargos. ”-Peter Ustinov.


The Food Almanac: quarta-feira, 15 de janeiro de 2014 - receitas

Acho que você pretendia incorporar este vídeo:

O da postagem é de 2008.

Desculpe, mas acabei de verificar e o vídeo correto está incorporado. Você deve ter um bug do navegador ou algo assim. Obrigado!

Chefe João? É este brie que vejo em cima do hambúrguer? Brie? BRIE. Oh, por favor, me diga que é o brie. Oh Chef, você me deixou com tanta fome!

Desde que encontrei seu blog sobre comida, estou totalmente viciado! Adoro! E estou passando para todos! Apenas duas coisas que eu poderia desejar são atualizações mais frequentes e sua opinião sobre algo selvagem como javali selvagem, myeahbIm sério lol. Melhor da Suécia! X

por favor qual é a temperatura interna? Faça novamente em uma churrasqueira a gás.

Provavelmente 140 internos. Aproveitar!

Obrigado por isso, geralmente tenho que visitar Toronto ou implorar à minha lanchonete local para cozinhá-lo em médio, o que, infelizmente, nem sempre sai do jeito que eu quero.

Questão simples. Você prefere o método de fogão ou grelha para isso? Eu acho que o fogão daria mais consistência ao cozinhar, mas a grelha dá aquele sabor agradável de fumaça.

Você poderia postar suas coberturas e tipo de quebra. Eu amo esse vídeo, suas criações são fantásticas. Obrigado.

Você tem preferência quanto ao teor de gordura da carne moída para hambúrguer? Suponho que você queira uma boa quantidade de gordura aí.

Eu gosto de 15-20% como a maioria

Estou um pouco confuso. Na Alemanha, aprendi que os americanos gostam de carne para hambúrgueres de uma forma simples, sem especiarias como sal e pimenta. Mesmo assim, foi assim que eu sempre fiz meus próprios hambúrgueres. Vá em frente, Chef John! A comida americana é melhor do que sua reputação. Eu amo esses clássicos americanos!

& quotÉ potencialmente perigoso comer um hambúrguer rosa? Claro, mas atravessar a rua também. & Quot

eu amo isso! isso é tão hilário e verdadeiro. e, sim, adoro hambúrgueres cor de rosa.

Interessante ... o que Andre disse. Eu sou do subcontinente indiano, portanto, muita comida aqui na América é bastante simples em comparação com os nossos em que quase todos você encontrará, cebola, alho, gengibre, cominho, sal, pimenta em pó, muito óleo , etc. Você pode até comprar alguns sacos que vêm com todos os temperos misturados para um determinado prato. Mas eu gosto da comida americana, embora talvez um pouco alterada.

Parece incrível Chef John. Acho que fazer referência à ficção popular é apropriado aqui & quotQue é um hambúrguer saboroso! & Quot

Chef John, o hambúrguer já não está temperado antes de ser transformado em hambúrgueres?

Isso parece ótimo! Só uma pergunta: Cirurgia de foguete? Mesmo? :)

Falando em hambúrgueres perfeitamente suculentos, eles só devem ser colocados no tipo certo de pão.
Eu odeio pães de hambúrguer que são tão macios que se transformam em uma bagunça encharcada no momento em que fazem contato com os sucos de um hambúrguer devidamente cozido, ou tão & quotrústicos & quot que você gasta tempo suficiente tentando mastigá-los que seu maxilar começa a se cansar antes você termina. Adoraria uma receita de pãezinhos que ficasse no meio.

Anon, um pão de hambúrguer deve SEMPRE ser torrado e levemente untado com manteiga ou maionese em ambos os lados, IMHO.

Anon, um pão de hambúrguer deve SEMPRE ser torrado e levemente untado com manteiga ou maionese em ambos os lados, IMHO.

Eu adoro a maneira como você usa suas palavras em seu blog e nos vídeos, é muito especial, convidativo e simplesmente divertido :)

Chef John, o método do calor que sobe pelas laterais também funciona para o churrasco ou apenas para uma frigideira?

sim, mas não tão exato, mas ainda assim um bom guia.

Onde estão todas as brincadeiras sobre o bem e o malpassado (do jeito que eu gosto)?

btw - Foi um dia lento para o evento inaugural - notado mais tarde.

Hambúrguer lindo, Chef John! As cebolas caramelizadas e o queijo grosso são dignos de babar. (Ou talvez aquele vizinho chato, Pavlov, esteja tocando seus sinos de novo.)

Você acabou de me deixar com tanta fome por um hambúrguer suculento. Maldito seja, Chef John, maldito seja!

Ame seus vídeos, Chef John!
Você é um Chef INCRÍVEL !!
Estou na Coréia, não consigo facilmente ter esse tipo de recepções de vídeo gostosas.
Muito obrigado! E você poderia fazer mais sobremesa?
Merci!

posso perguntar por que 27 de julho?
aliás, é meu aniversário, seria um presente incrível!
amo seu blog Chef! não pare de postar!

27 de julho já passou há muito tempo. Quando você vai postar o vídeo do hambúrguer que prometeu? Você esqueceu?

BTW - Eu amo cozinhar agora por causa de você e deste videoblog.

Obrigado por todo o seu trabalho árduo.

Eu fiz! Obrigado! http://foodwishes.blogspot.com/2011/07/my-great-northwest-cheeseburger.html

Você não me orientou errado Chef John! Usei sua técnica exata para fazer meu hambúrguer hoje à noite e ficou perfeito! Obrigado pelos ótimos vídeos.

Olá Chef John!
Eu sei que este é um post antigo, mas gostaria de saber se você tinha um método de cozinhar um hambúrguer bem passado no fogão sem queimá-lo?

Eu adoraria comê-lo como meio, mas por motivos de saúde, não posso comer carne crua.

Basta usar fogo mais baixo. Eventualmente, a carne vai cozinhar bem. Aliás, carne média não é rara e NÃO representa perigo para ninguém. Mesmo med. a carne rosa atingiu a temperatura de 140+ e tudo o que é potencialmente perigoso é morto. Não sei por que as pessoas ainda não sabem disso. É a ciência! :)

Chefe João,
que combinação de carne você usa em seus hambúrgueres?
como você sempre consegue essa quantidade de gordura? (15% -20%)
Obrigada.

HiChef John, como você está ??
Tenho a mesma dúvida do Paulo.
Que combinação de carne você usa em seus hambúrgueres?
como você sempre consegue essa quantidade de gordura? (15% -20%)
Obrigada.

Eu sempre uso a proporção 85/15 de carne para gordura. O açougueiro vende assim!

Eu amo um bife mal passado, mas um hambúrguer sempre cozinho bem passado. Em primeiro lugar, não compre hambúrguer, compre carne moída ou lombo. A carne do hambúrguer pode ter ingredientes desagradáveis, enquanto o mandril ou o lombo devem ser exatamente isso. Na verdade, é melhor moer o seu próprio, se puder.

Olá, chef, não vejo a receita deste hambúrguer. Perdi alguma coisa? Obrigado.


The Food Almanac: quarta-feira, 15 de janeiro de 2014 - receitas

Adaptado de "The Barbecue Bible" por Steven Raichlen
Vencedor, Assunto Único

15 de abril de 1999
Web postado às: 18:24 EDT (2224 GMT)

PHOENIX (CNN) - O primeiro livro de receitas inglês do principal chef de confeitaria da França Pierre Herm & eacute, feito em colaboração com a autora e colunista da Bon App & eacutetit Dorie Greenspan, levou a melhor homenagem no Julie Child Cookbook Awards realizado na quarta-feira em Phoenix.

Os prêmios, em reconhecimento aos melhores livros sobre alimentação de 1998, foram apresentados pela revista Food & amp Wine na conferência anual da International Association of Culinary Professionals (IACP). O público foi formado por mais de 1.200 profissionais da área de alimentos.

Greenspan escreveu o texto de "Sobremesas de Pierre Herm & eacute" e adaptou as receitas do chef, de biscoitos simples a bolos de casamento complicados, para a cozinheira doméstica americana.

O livro de Greenspan e Herm & eacute também foi indicado para o prestigioso prêmio James Beard Crust & amp Crumb, a ser apresentado em uma cerimônia a ser realizada em 3 de maio em Nova York.

Os prêmios Julia Child's também foram dados aos melhores livros em 11 categorias, incluindo: pão americano, outros cozimentos e doces chefs e restaurantes primeiro livro de referência alimentar / técnica geral de saúde e dieta especial internacional literária comida escrita tema único vinho, cerveja ou destilados e design .

O prêmio na categoria americana foi para as escritoras de livros de receitas de primeira viagem, Ellen Blonder e Annabell Low, por seu "Cada grão de arroz: um gostinho de nossa infância chinesa na América".

A equipe da sobrinha e da tia elaborou um autêntico livro de receitas chinês que também inclui as lembranças pessoais dos autores sobre a família e a comida ao lado de pinturas em aquarela detalhadas.

O julgamento foi feito por 33 redatores de alimentos e bebidas, independentes um do outro e do IACP. Qualquer livro de receitas publicado em inglês durante 1998 era elegível para nomeação. Mais de 450 livros foram inscritos no concurso por editoras dos Estados Unidos, Canadá, Inglaterra e Austrália.


Folha de dicas para uma temporada de surpresas

ALEGRE Aarón Sánchez começou sua carreira no Lower East Side, ele retorna para se concentrar nos pratos que aprendeu em casa. (Depois caiu): 146 Orchard Street (Rivington Street).

ALMANAQUE Galen Zamarra fechou o Mas (La Grillade) há algumas semanas em resposta às reclamações dos vizinhos sobre a fumaça de lenha nas churrasqueiras. Com algumas mudanças cosméticas, ele está transformando-o neste restaurante hiper-sazonal inspirado nos diários que fazia sobre produtos enquanto trabalhava na Bouley. (Início de novembro): 28 Seventh Avenue South (Morton Street).

AMADA Jose Garces, um Iron Chef com restaurantes na Filadélfia, abrirá um grande posto avançado em Nova York no centro. (Janeiro): 250 Vesey Street (West Street).

AVES e BOLHAS de amp O primeiro restaurante de Sarah Simmons, que fundou o programa City Grit de jantares e eventos gastronômicos, confirma sua afirmação de que não há melhor sorvete com frango frito do que champanhe. Ponha à prova e peça espumantes com frango e outras expressões do sul. (Terça): 100B Forsyth Street (Grand Street).

BOTEQUIM A homenagem de Marco Moreira ao Brasil, seu país natal, servirá leitão e feijoada em uma cozinha aberta. (10 de setembro): 132 Fourth Avenue (East 13th Street).

EMPRESA DE CARNE BOWERY John McDonald da Lure Fishbar e seus parceiros exploram vários cortes de carne em seu moderno cardápio de churrascaria, que inclui frutos do mar, coelho e opções vegetarianas. (Final de setembro): 9 East First Street (Bowery).

CHEFS CLUB BY FOOD & amp WINE As escolhas da revista Food & amp Wine para o "melhor novo chef" se revezarão para cozinhar neste restaurante de 120 lugares, projetado por David Rockwell, no Puck Building. O primeiro será Lachlan Mackinnon-Patterson de Frasca em Boulder, Colorado. Gabriel Rucker de Le Pigeon em Portland, Oregon. Linton Hopkins do Restaurant Eugene em Atlanta e Erik Anderson, ex-Catbird Seat em Nashville. (Outubro): 275 Mulberry Street (East Houston Street).

CHEZ JEF O que era um pop-up estourou permanentemente, com pratos de bistrô francês de Mathieu Palombino, da rede de pizzarias Motorino. (Novembro): 241 Bowery (Stanton Street).

DOCES SUJOS Sessenta assentos parecerão palacianos em comparação com o armário de vassouras que era o local vegetariano popular original de Amanda Cohen. E pela primeira vez, você pode reservar uma mesa. (Novembro): 86 Allen Street (Broome Street).

SUJO FRANCÊS Os clássicos franceses recebem uma nova tradução de Rich Torrisi e parceiros. (Quinta-feira): Ludlow Hotel, 180 Ludlow Street (East Houston Street).

ATELARIA EL COLMADO Seamus Mullen, o chef e proprietário da Tertulia, oferece tapas, vinho e um açougue de varejo com comida preparada. (Outubro): 53 Little West 12th Street (Washington Street).

EMPELLóN AL PASTOR Focado? Talvez obcecado seja uma descrição melhor para esta adição ao império Empellón de Alex Stupak. Insistindo que os projetos mais simples são os trampolins para a grandeza, Stupak está fazendo tortilhas e enchendo-as com carne de porco assada em um espeto vertical. Ele vai dobrar suas regras o suficiente para servir outros tipos de tacos, mas o principal evento é o pastor com coentro, cebola e abacaxi. (22 de setembro): 132 St. Marks Place (Avenida A).

GG'S Nesta remodelação de Goat Town, Nicholas Morgenstern - mais conhecido por seus sorvetes inovadores - contratou Bobby Hellen do Cannibal para produzir pratos substanciais. (18 de setembro): 511 East Fifth Street (Avenida B).

FINAL FELIZ Foi um bar que fechou, felizmente ou não. Com novos proprietários, tornou-se um restaurante, mas mantém o nome. Francis Gabarrus, que já trabalhou com Joël Robuchon e Thomas Keller, irá preparar comida caseira francesa. (Outubro): 302 Broome Street (Forsyth Street).

INDÚSTRIA DE COZINHA A tarifa casual chega a um ambiente industrial a poucos quarteirões do South Street Seaport, sob a Franklin D. Roosevelt Drive. (Novembro): 70 South Street (Pine Street).

KING BEE Os empresários de bebidas Eben Klemm e Ken Jackson, ex-Herbsaint em Nova Orleans, contrataram o chef Jeremie Tomczak, que estava no Aquavit, para criar um menu acadêmico (poutine, com certeza) para combinar com uma carta de vinhos eclética e com baixo teor de álcool coquetéis. (Final de setembro): 424 East Ninth Street (First Avenue).

LE DISTRICT Um vasto mercado francês com restaurantes e cafés será transferido para Brookfield Place, antigo World Financial Center. (Novembro): 250 Vesey Street (West Street).

LITTLE PARK Acabado de abrir o Bar Primi, Andrew Carmellini tem tempo para decidir o que vai servir no espaço que abrigava o Plein Sud. (Novembro): The Smyth, 85 West Broadway (Chambers Street).

GRUPO PRINCIPAL DE ALIMENTOS O grupo de restaurantes dono do Torrisi Italian Specialties e do Carbone ainda não tem nome para este projeto próximo ao High Line, ao lado da nova casa do Whitney Museum of American Art. Será servida comida litorânea italiana em um espaço projetado por Renzo Piano, que também idealizou o prédio do museu. (15 de outubro): 820 Washington Street (Gansevoort Street).

MAMAN Este café, salão e padaria são obra de Armand Arnal, cujo restaurante na Provença, La Chassagnette, tem uma estrela Michelin. Ele é acompanhado por Benjamin Sormonte, sócio do grupo que inclui o Experimental Cocktail Club, e Elisa Marshall, uma padeira. (Outubro): 239 Center Street (Grand Street).

MOMOFUKU KO A construção mal começou, mas o que é certo sobre os novos aposentos do carro-chefe de David Chang é que eles serão maiores e o chef será Sean Gray. (Depois caiu): 8 Lugar Extra (East First Street).

TIGRE DO NORTE Tomando liberdade com a culinária chinesa, Erika Chou e Doron Wong, da Yunnan Kitchen, estão abrindo uma loja no Hudson Eats food hall em Brookfield Place. (Outubro): 250 Vesey Street (West Street).

PIER A HARBOR HOUSE Uma extensa instalação de 28.000 pés quadrados em um edifício histórico de 1886 na orla do Battery Park foi um esforço de dois anos da equipe Poulakakos (Harry's Cafe and Steak). No térreo, haverá espaço para 600 pessoas, bares e mesas do chef na cozinha do andar de cima, onde há salas de jantar privativas. (Novembro): Parque da bateria (local da bateria).

ROSIE'S Vicki Freeman e Marc Meyer, da Cookshop, vão para o México. (Novembro): 29 East Second Street (Segunda Avenida).

ROSSOPOMODORO Massas e pizzas napolitanas em forno de pedra vulcânica serão servidas nesta filial com 100 lugares de uma rede italiana que administra a pizzaria em Eataly. (Final de outubro): Avenida Greenwich 118 (Rua Horatio).

SHUKO Depois de um teste bem-sucedido com um lugar pop-up nos Hamptons, Nick Kim e Jimmy Lau, ex-Neta, estarão prontos com um menu japonês criativo. (Outubro): 47 East 12th Street (Broadway).

STANTON STREET KITCHEN Pratos grandes e pequenos mais um menu de degustação de Erik Blauberg, ex-clube “21”, acompanham mais de 100 cervejas. (Setembro): 178 Stanton Street (Clinton Street).

TIJUANA PICNIC O México encontra o Mekong em um duplex, com pratos como sopa de tortilla com bolinhos de porco chineses e empanadas recheadas com pato e foie gras de cinco especiarias. O chef é Alex Lopez, que estava em Kittichai. (15 de setembro): 151 Essex Street (Stanton Street).

LOJA DE ESTOFADOS: COMIDA E VINHO Kurt Gutenbrunner de Wallsé fechou seu bar de vinhos, a Upholstery Store, este ano. Agora foi ampliado e refeito no estilo geométrico do American Bar de Viena, projetado em 1908 pelo arquiteto Adolf Loos. (Setembro): 713 Washington Street (West 11th Street).

VIA CAROTA Cada mulher criou um pequeno restaurante extremamente popular no Village. Agora Jody Williams de Buvette e Rita Sodi de I Sodi irão colaborar em um terceiro, servindo comida italiana e batizada com o nome de uma rua na cidade natal de Sodi na Toscana. (Final de setembro): 51 Grove Street (Bleecker Street).

O que cozinhar neste fim de semana

Sam Sifton tem sugestões de menu para o fim de semana. Existem milhares de ideias para o que cozinhar esperando por você no New York Times Cooking.

    • O molho ranchero de Gabrielle Hamilton é ótimo para huevos rancheros, ou escalde camarão ou peixe-espada em cubos nele.
    • Se você está planejando grelhar, considere espetos de frango grelhado com estragão e iogurte. Também esta salada de berinjela grelhada.
    • Ou que tal uma simples festa de cachorro-quente, com coberturas e condimentos em abundância?
    • Esses são bons dias para fazer uma simples torta de morango, o torta de mirtilo do Chez Panisse ou o pudim de pão de damasco.
    • Se você quiser cogumelos, experimente este frango assado na frigideira chocantemente bom com molho de creme do chef Angie Mar.

    RUA BRANCA Não demorou muito para que Floyd Cardoz, que deixou o North End Grill este ano, encontrasse uma nova cozinha. Com seus sócios, Dan Abrams, Dave Zinczenko e Christine Cole, ele preparará pratos americanos com toques globais. (Setembro): 221 West Broadway (White Street).

    Até 60th Street

    ALDO SOHM WINE BAR Os murais de Sandro Chia se foram, e este espaço de pé-direito alto, antigo bar Palio, foi transformado em uma zona de conforto discreta, destacando as 250 seleções de vinho do Sr. Sohm, o sommelier decorado do Le Bernardin, dono do bar . “Queríamos um toque casual como cenário para produtos de alta qualidade”, disse o Sr. Sohm. “É a sensação de entrar no meu apartamento.” O menu limitado de Eric Ripert oferece panini, queijos, charcutaria, coxinhas de frango e costelas no espeto, mas sem frutos do mar: 151 West 51st Street.

    BACCARAT Charles Masson, o gerente de longa data que deixou La Grenouille este ano em meio a uma rixa familiar, pousará no restaurante sem nome deste hotel. Shea Gallante, ex-Cru e Ciano, cuidará da cozinha. (Janeiro): 20 West 53rd Street.

    BROOKLYN FARE MANHATTAN Esta ramificação da Chef’s Table at Brooklyn Fare, o balcão da cozinha simples que tem três estrelas Michelin por suas degustações elaboradas, será um pouco diferente do original, com um balcão mais espaçoso, algumas mesas e um menu mais curto. César Ramirez, o chef, estará presente duas vezes por semana Samuel Clonts, seu tenente, estará presente no dia a dia. (Setembro): 431 West 37th Street.

    BURGER & amp LOBSTER O gigantesco posto avançado de uma rede de Londres servirá. você adivinhou. (Início de novembro): 39 West 19th Street.

    CHARLIE PALMER STEAK O peripatético Palmer expande suas propriedades em Midtown e oferece cortes incomuns de carne bovina. (Meio de setembro): 3 East 54th Street.

    COSME O chef Enrique Olvera deve adicionar peso à cena mexicana de Nova York. (Meio de setembro): 35 East 21st Street.

    FLORIAN O primeiro lugar novo em anos de Shelly Fireman, que criou a Trattoria Dell’Arte e o Cafe Fiorello, apresentará antepastos e as próprias esculturas do Sr. Fireman no antigo espaço do Park Avalon. (Outubro): 225 Park Avenue South (East 18th Street).

    KANG HO DONG BAEKJEONG Esta rede de churrascos coreana de destaque, ungida pelo escritor de culinária de Los Angeles Jonathan Gold, abriu uma loja no ano passado em Flushing, Queens. Agora vem este grande ramo perto de Koreatown. (Setembro): 319 Fifth Avenue (East 32nd Street).

    THE KNICKERBOCKER HOTEL Charlie Palmer vai abrir três restaurantes neste espaço refeito: Jake’s @ the Knick, St. Cloud e Charlie Palmer no Knick. (Outono): 6 Times Square (West 42nd Street).

    LIMANI Haverá sashimi no menu grego desta versão de um restaurante em Roslyn, N.Y. Um bar cru também. (Outubro): 45 Rockefeller Plaza (West 50th Street).

    A MESA PEQUENA DE BETERRABA Este produto derivado do serviço rápido do chef Franklin Becker é mais formal, mas ainda sem glúten. (Final de outubro): 333 Park Avenue South (East 25th Street).

    MARTA Nick Anderer, o chef do Maialino, e Terry Coughlin, seu gerente, criaram esta pizzaria em estilo romano com o apoio de Danny Meyer, que deixou funcionários valiosos assumirem um segundo projeto. As pizzas de dois fornos a lenha terão um metro de comprimento e uma crosta fina. (Setembro): Martha Washington Hotel, 29 East 29th Street.

    GEORGE MENDES O chef e proprietário da Aldea afirma que a comida será portuguesa, como a sua herança, mas rústica. Ele ainda não o nomeou. (Final de 2014): Avenida das Américas 835 (West 29th Street).

    Imagem

    MULINO A VINO Davide Scabin, que tem duas estrelas Michelin pelo seu Combal.Zero perto de Torino, Itália, lembra que em 1990, aos 25 anos, ele deveria assumir a cozinha do San Domenico de Tony May em Nova York. Um problema familiar o impediu. Mas agora ele está aqui, "humilde", disse ele, embora tenha notado que "um grande chef da Itália está faltando em Nova York". (Não diga isso para Cesare Casella.) Seu restaurante, no porão de um prédio de apartamentos modesto no distrito de frigoríficos, consiste em um bar de mármore brilhante com uma cozinha aberta, uma coleção de mesas tosquiadas em uma parede de tijolos espaço e um labirinto de pequenas salas. Os clientes serão convidados a escolher o vinho antes de pedir a comida, que inclui pratos tradicionais com um toque inusitado, como dobrar a vitela sobre um recheio de tonnato sem maionese, ou macarrão com uma mistura de molhos amatriciana e carbonara. (Quarta-feira): 337 West 14th Street.

    1 HOTÉIS Esta nova rede está inaugurando seu primeiro hotel, com cozinha Jonathan Waxman. (Janeiro): Avenida das Américas 1414 (West 58th Street).

    THE PALM COURT Durante anos, enquanto o hotel Plaza mudava de mãos e administração, seu famoso Palm Court estava perdido. Agora está com uma nova folhagem, com uma reforma impressionante que inclui palmeiras altas, mesas espelhadas e uma reprodução do tapete original de 1907. Pela primeira vez, tem um bar (afinal, Eloise faria hoje 65 anos). Geoffrey Zakarian, o diretor de culinária do hotel, planeja o café da manhã, os pratos da hora do chá a partir do meio-dia e lanches mais tarde. Ele também está trabalhando na reabertura do histórico Oak Room. (Meio de setembro): West 59th Street e Central Park South.

    PARK AVENUE OUTUMN Originalmente o Park Avenue Cafe, em 2007 começou a mudar seu cardápio e decoração a cada estação, então perdeu seu aluguel após 22 anos. Seus criadores, Michael e Alan Stillman, estão reabrindo-o no que era seu restaurante General Assembly. AvroKo está novamente projetando o espaço e as mudanças sazonais continuarão. (Meio de setembro): 360 Park Avenue South (East 26th Street).

    A BARRA DE POLO Ao lado da nova loja principal de Ralph Lauren, que tem seu próprio café, este restaurante e bar da marca Lauren promete ser mais do que um acessório, bem adaptado e repleto de detalhes vintage refinados. (Novembro): 1 East 55th Street.

    SALA DE ARCO-ÍRIS O salão de jantar de referência no 65º andar do lendário “30 Rock” está aceitando reservas para o brunch de domingo e os jantares de segunda-feira com entretenimento, incluindo dança na pista giratória que também abrirá nos feriados. No mesmo andar fica o SixtyFive, um lounge de coquetéis com terraço ao ar livre que serve petiscos de bar no final da tarde. O chef executivo, da Inglaterra, é Jonathan Wright. (6 de outubro): 30 Rockefeller Plaza (West 50th Street).

    SACHI ASIAN BISTRO Para este empreendimento pan-asiático criativo, Andy Yang de Rhong-Tiam e Pichet Ong de mais restaurantes do que você pode contar foram contratados pelo Amber Group, que possui vários estabelecimentos de fusão japonesa. (Segunda-feira): 713 Second Avenue (East 38th Street).

    ESTADO GRILL E BAR O Empire State Building encontra outra maneira de celebrar suas raízes: uma churrascaria da fazenda para a mesa enfatizando os produtos de Nova York. (Outubro): 350 Fifth Avenue (West 33rd Street).

    UMA TEMAKARIA Não é por acaso que a comida de Chris Jaeckle no All’onda é informada por uma sensibilidade japonesa que ele trabalhou uma vez em Morimoto. Agora, ele também servirá pãezinhos feitos na hora para levar ou jantar no local. (Outubro): 64 Seventh Avenue (West 14th Street).

    UPLAND Manzanilla deu lugar a este projeto de Stephen Starr e Justin Smillie, ex-Il Buco Alimentari e Vineria. A culinária californiana é o foco do chef de Upland, próximo a Los Angeles. (Outubro): 345 Park Avenue South (East 26th Street).

    ZUMA O popular izakaya londrino, com lojas em todo o mundo, tem dois andares e serve sushi, grelhados robata e outros alimentos cozidos. (Final de novembro): 261 Madison Avenue (East 38th Street).

    Acima da 60th Street

    AVERY FISHER HALL O espaço que foi o Arpeggio, fonte de sala de concertos para um conveniente prato de massa, terá um novo restaurante, ainda sem nome. O menu diversificado, incluindo um empadão de frango, é de Ed Brown, da Ed’s Chowder House. (12 de setembro): 10 Lincoln Center Plaza (West 65th Street).

    BOQUERIA A fórmula de barra de tapas espanhola de sucesso de Yann de Rochefort deve se estabelecer no Upper East Side em breve para os clientes desfrutarem de lugares ao ar livre. (Meio de setembro): 1460 Second Avenue (East 76th Street).

    KAPPO MASA O negociante de arte Larry Gagosian está instalando este restaurante no que era uma loja de roupas ao lado de sua galeria, seu amigo Masa Takayama, o chef japonês poderoso, fará a comida. Arte contemporânea nas paredes e culinária japonesa moderna e descontraída, como a do Bar Masa de Takayama, são a ideia. E sim, omakase se você insiste, por $ 300. (Meio de setembro): 976 Madison Avenue (East 76th Street).

    LINCOLN SQUARE STEAK Maria Loi fechou Loi, o espaço se tornará uma churrascaria simples projetada por Glen Coben, com Bruno Selimaj, dono do Club A Steakhouse, no controle. (Início de novembro): 208 West 70th Street.

    PARM Este ramo será maior do que o original NoLIta e o modelo para futuros Parms em Brookfield Place, Williamsburg e Park Slope. (1 ° de novembro): 235 Columbus Avenue (West 70th Street).

    O CAMLIN Mandy Oser e a chef Amorette Casaus of Ardesia abrem um segundo wine bar. (24 de setembro): 175 Kent Avenue (North Third Street), Williamsburg.

    GANSO YAKI Este irmão de Ganso, a casa de ramen próxima de Harris Salat, se especializará em yakitori e comida de rua japonesa, cujo chef é Tadashi Ono. (Outubro): 515 Atlantic Avenue (Third Avenue), Boerum Hill.

    MP TAVERNA Michael Psilakis servirá comida grega em seu quarto restaurante com este nome. Uma cervejaria será adicionada. (Novembro): 470 Driggs Avenue (North 10th Street), Williamsburg.

    ALMA DE ALMA A interpretação de Chaz Brown tem dim sum e pratos de macarrão serão servidos para comer no local ou levar para fora. (Novembro): 343 Gold Street (Myrtle Avenue), Downtown Brooklyn.

    CAFÉ DE MAGNÓLIA AMARELA O Patina Group se juntou ao chef do Brooklyn, Robert Newton, para este café diurno no Jardim Botânico do Brooklyn. Imagine as ervas que ele usará. (Outubro): 990 Washington Avenue (Eastern Parkway), Prospect Heights.

    MU RAMEN The American fascination, and fiddling, with ramen has given us Ivan Orkin and now Joshua Smookler, whose background is in the dining rooms and kitchens of rarefied places like Per Se. With his wife, Heidy, he ran a popular pop-up behind a bagel shop in Long Island City this year. They are now opening a stylishly austere restaurant to showcase their noodle bowls and creative appetizers like chicken wings stuffed with foie gras. (Early October): 1209 Jackson Avenue (48th Avenue), Long Island City.

    TACUBA With six restaurants under his belt, the Mexican chef Julian Medina, best known for Toloache, is opening this cantina with a deep list of agave-based spirits. (Sept. 15): 35-01 36th Street, Astoria.

    Farther Out

    CAMPAGNA Michael White’s Altamarea Group is putting the finishing touches on its makeover of the restaurant in Richard Gere’s Bedford Post Inn, with PJ Calapa of Ai Fiori and Costata in the kitchen. (Mid-October): 954 Old Post Road, Bedford, N.Y.

    JOCKEY HOLLOW BAR & KITCHEN Chris Cannon’s ambitious project has transformed a house into an array of dining spaces: an oyster bar, a cocktail lounge, a rathskeller and a dining room with an Italian accent. (September): 110 South Street, Morristown, N.J.

    TALDE Dale Talde, the Brooklyn chef, will serve his Asian specialties, along with dim sum and robata grills. The same address will house an Italian market and restaurant, Carrino Provisions, by Mr. Talde and his partners. (Fall): 8 Erie Street, Jersey City.


    Assista o vídeo: События - повний випуск за 15:00 (Dezembro 2021).