Novas receitas

Receita de sanduíches de morango e creme Victoria

Receita de sanduíches de morango e creme Victoria

  • Receitas
  • Tipo de prato
  • Bolo
  • Pão de ló
  • Bolo de esponja de Victoria

Assim como um sanduíche clássico Victoria, mas feito com donuts! Você pode usar geléia de morango em vez ou além dos morangos.

4 pessoas fizeram isso

IngredientesServe: 4

  • 475ml de chantilly
  • 65g de açúcar de confeiteiro
  • 1 colher de chá de extrato de baunilha
  • 4 donuts simples, cortados ao meio horizontalmente
  • 600g de morangos, descascados e fatiados

MétodoPreparação: 15min ›Pronto em: 15min

  1. Bata o creme de leite, o açúcar e a baunilha em um copo resfriado ou tigela de metal com a batedeira até formar picos firmes.
  2. Coloque a metade inferior de um donut em um prato. Espalhe 4 colheres de sopa de chantilly sobre o donut, distribua 1/4 dos morangos fatiados sobre o chantilly e, em seguida, coloque outras 4 colheres de sopa de chantilly sobre os morangos. Cubra com a metade restante do donut. Repita com o restante dos donuts, creme e morangos.

Vídeo

Morangos e sanduíches donut de creme Victoria

Visualizado recentemente

Críticas e avaliaçõesAvaliação global média:(29)

Resenhas em inglês (25)

por Jillian

OH MEU DEUS! Eu vi isso e absolutamente tive que tentar! Este é definitivamente um toque delicioso no tradicional shortcake de morango. É tão fácil e uma ótima maneira de usar donuts com cobertura. Isso deixa você se perguntando por que você comeria um donut glaceado de outra forma! E embora não seja para contar calorias - não há problema em se deliciar de vez em quando (pelo menos você pode dizer que comeu uma porção de frutas LOL). Eu reguei isso com um pouco de calda de chocolate para levá-los por cima, mas eles são fabulosos como são - todos adoraram. Esta receita rápida e fácil é um goleiro definitivo. Obrigada garota voraz! (meu marido também agradece!) - 03 de setembro de 2014

por Esmee Williams

Seriamente?! Essa ideia é genial !!!! Tão longo bolo esponjoso ... olá, surpreendentemente deliciosa rosquinha glaceada ... rosquinha fofa doce encontra morangos suculentos e creme chantilly cremoso ... tudo em uma porção de tamanho único. Definitivamente, estou fazendo isso de novo para o Dia dos Pais. O que papai não sentiria como um milhão de dólares depois de devorar um (ou dois, ou três ...) destes? -05 junho de 2014

por Alyssa

Tenho que admitir que estava cético no início. Eu tentei isso com donuts de bolo e ficou muito bom. Usei não vidrado e vidrado pensando que o vidrado poderia ser demais, mas não era. O envidraçado é definitivamente o caminho a percorrer. Fica perfeito com a acidez dos morangos. Fiz algumas outras alterações também. Salpico meus morangos com açúcar e deixo 'marinar' na geladeira por algumas horas para ficarem gostosos e suculentos. Eu também fiz meu chantilly no meu isi em vez de bater em uma tigela. Eu adicionei mais algumas colheres de chá de baunilha para dar um sabor extra delicioso. -23 de julho de 2014


Receita de sanduíches de morango e creme Victoria Donut - Receitas

9 comentários:

Ooo estes parecem deliciosos! Ótima ideia para Wimbledon :)

Kat muito decadente (e gostoso!)

Pequenos pedaços perfeitos de beleza. Estou apenas esperando poder comê-los sem ter que assistir a nenhum tênis.

Mas é claro, Phil, apenas uma sugestão de serviço: D

Muito doce (trocadilho intencional!). Fixando isto

Certamente para os gulosos Kellie!

Yum! perfeito para a temporada de Wimbledon :)

Essas trufas parecem deliciosas. Obrigado por compartilhar a receita conosco.

Acabei de fazer isso. Delicioso

Obrigado por deixar seus comentários. Eu amo seus comentários e realmente aprecio isso.


Tashcakes!

Basicamente, isso não é tão diferente de uma esponja Victoria padrão do pântano. A diferença é que também contém frutas frescas, em vez de apenas geléia e creme (ou geléia e creme de manteiga). Para um purista de esponja de Vicky, não é a mesma coisa. Mas para ser honesto. meio que é.

Já postei sobre isso algumas vezes neste blog, principalmente porque é o único bolo que meus pais pediram para aniversários e dia das mães / pais (e de fato, este foi para o dia dos pais este ano). Então, pensei em revisitar a receita novamente e filmar uma receita resumida para o YouTube.

Este é praticamente o único tipo de bolo em que uso medidas imperiais. A razão é que, para uma esponja básica, você usa um ovo a 60 gramas dos outros três ingredientes básicos (manteiga, açúcar e farinha). Você pode então aumentar a escala: por exemplo, esta receita usa três ovos e 180 gramas dos outros ingredientes básicos para fazer um bolo de duas camadas de 20 cm. Portanto, é muito fácil de ajustar para qualquer tamanho de bolo ou mesmo cupcakes.

Eu também gosto de usar chantilly em vez de chantilly puro: novamente, é apenas um nome chique para o original com um pouco de material extra adicionado (neste caso, um pouco de açúcar e baunilha é adicionado ao creme).

Ingredientes para a esponja:

6 onças de manteiga ligeiramente salgada, amolecida à temperatura ambiente
6 onças de açúcar refinado
3 ovos
6 onças de farinha com fermento
1 colher de chá de baunilha

Ingredientes para enchimento e cobertura:

geleia de morango
400ml de creme duplo
2 colheres de sopa de açúcar refinado
1/2 colher de chá de baunilha
Morangos fatiados
Flores comestíveis secas (opcional)

Método:

1. Pré-aqueça o forno a 180 ° C e # 176 ° C e forre duas formas para sanduíches de 20 cm com papel vegetal ou unte e enfarinha com farinha para que o bolo não grude.

2. Bata a manteiga e o açúcar até obter um creme claro e fofo.

3. Bata os ovos, seguidos da baunilha e da farinha: bata a farinha até incorporar bem, mas cuidado para não mexer demais: você quer mantê-la fofa e não bater todo o ar.

4. Divida uniformemente entre as duas formas e asse por cerca de 25 minutos ou até que um espeto saia limpo quando você espetar o bolo com ele, ou a superfície salte para trás se você cutucá-lo. Deixe os bolos esfriarem completamente.

5. Bata as natas com a baunilha e o açúcar até formar picos suaves e reserve.

6. Coloque uma das camadas de bolo em um prato de servir e espalhe generosamente com geleia. Coloque os morangos fatiados por cima e, em seguida, canalize ou espalhe metade do creme de leite. Coloque a outra camada de bolo por cima e despeje o restante do creme.


INGREDIENTES

6 pãezinhos bao médios-grandes, açúcar de confeiteiro descongelado

100ml de iogurte de morango espesso

Para fazer parfait de iogurte congelado, comece adicionando ovos, açúcar e baunilha em uma tigela à prova de calor e bata até incorporar. Coloque sobre uma panela com água fervente e bata constantemente até que esteja espesso, claro e amplie o volume dobrado, isso levará cerca de 5 minutos. Certifique-se de que o fundo da tigela de mistura não esteja tocando a água fervente. Retire do fogo quando terminar e deixe esfriar um pouco.

Enquanto isso, bata o creme até os picos macios. Misture suavemente com iogurte de morango e mistura de ovo de amp no creme gradualmente, adicionando 1/3 da mistura de iogurte e ovo de amp de cada vez.

Forre uma assadeira de 20x30x4cm (ou similar) com filme plástico.

Despeje a mistura de parfait na bandeja forrada, espalhe em uma camada uniforme, deve ter 2-3 cm de espessura. Dobre as bordas do filme plástico sobre a mistura delicadamente para cobrir. Coloque no freezer por 5-6 horas ou até congelar.

Antes de servir, pré-aqueça a fritadeira a 180 ° C.

Frite os pães de bao em 2-3 porções até dourar e ficar crocante. Coloque em uma bandeja forrada com papel toalha para escorrer e resfriar levemente.

Remova o parfait do freezer. Retire da lata usando as bordas do filme plástico. Corte em 6 quadrados de tamanhos iguais.

Para servir, coloque um pedaço de parfait de iogurte entre o pão bao frito. Polvilhe com açúcar de confeiteiro.


Eu sou Todd Wilbur, Hacker de comida crônica

Por 30 anos, tenho desconstruído os alimentos de marca mais icônicos da América para fazer as melhores receitas de clones originais para você usar em casa. Bem-vindo ao meu laboratório.

No início de 1985, o restaurateur Rich Komen sentiu que havia um nicho de especialidade em serviço de comida de conveniência esperando para ser preenchido. Sua ideia era criar um outlet eficiente que pudesse servir pãezinhos de canela feitos na hora em shoppings de todo o país. Komen e sua equipe levaram nove meses para desenvolver uma receita de pãozinho de canela que ele sabia que os clientes considerariam "o pãozinho de canela mais fresco, mais pegajoso e de dar água na boca já provado". O conceito foi testado pela primeira vez no shopping Sea-Tac de Seattle no final daquele ano, com trabalhadores misturando, revisando, enrolando e assando os rolos à vista dos clientes. Agora, mais de 626 pontos de venda depois, Cinnabon se tornou a padaria de pão de canela de crescimento mais rápido no mundo.

A primeira loja de pretzel da Auntie Anne foi inaugurada em 1988 no coração da região dos pretzel - um mercado de fazendeiros Amish da Pensilvânia. Mais de 500 lojas depois, Auntie Anne's é uma das receitas secretas de clones mais solicitadas, especialmente na internet. Muitas das receitas de pretzel macios da tia Anne imitadoras divulgadas na web exigem farinha de pão, e algumas usam mel como adoçante. Mas, estudando o kit caseiro de fazer pretzel da Tia Anne no laboratório subterrâneo secreto, descobri uma solução melhor para recriar as delícias do shopping do que qualquer receita de clone por aí. Para obter uma massa de melhor qualidade, você só precisa de farinha de trigo. E o açúcar de confeiteiro funciona muito bem para adoçar perfeitamente a massa. Agora você só precisa decidir se quer fazer os pretzels salgados mais tradicionais ou os doces com cobertura de açúcar e canela. Decisões decisões.

Saca o processador de alimentos e acende a grelha porque você precisará dessas ferramentas essenciais para clonar um dos melhores molhos para restaurantes do mercado. A chave para recriar o sabor do negócio real é assar no fogo os tomates e os jalapenos e adicionar um pouco de fumaça líquida com sabor de algaroba. A rede de restaurantes usa uma grelha de algaroba, então essas etapas são cruciais para obter o mesmo sabor de fumaça da versão popular do restaurante. Chevys usa pimenta chipotle, que são jalapenos vermelhos defumados. Mas, a menos que você cultive seus próprios jalapenos, pode ser difícil encontrar a variedade vermelha mais madura no supermercado local. Para esta receita, o pimentão jalapeño verde vai funcionar bem se você não conseguir encontrar os vermelhos. Ajuste o número de jalapenos que você usa com base no tamanho das pimentas disponíveis: se você tiver grandes jalapenos, precisará de apenas 6 e cerca de 10 se seus pimentões forem pequenos.

Confira minhas receitas de pudim de Chevy, chili con queso e muito mais aqui.

Fatos Nutricionais
Tamanho da porção - 2 colheres de sopa
Porções totais - 16
Calorias por porção - 10
Gordura por porção - 0g

Descrição do Menu: "Bife picante, desfiado, refogado com nosso próprio chipotle adobo, cominho, cravo, alho e orégano."

O prato mexicano original barbacoa era tradicionalmente preparada cozinhando quase qualquer tipo de carne de cabra, peixe, frango ou bochecha de vaca, para citar apenas alguns, em uma cova coberta com folhas em fogo baixo por muitas horas, até ficar macia. Quando o prato chegou aos Estados Unidos via Texas, a palavra se transformou em "churrasco" e a preparação mudou para incorporar técnicas de superfície, como fumar e grelhar. A boa notícia é que podemos recriar a carne barbacoa que Chipotle tornou popular em seus burritos gigantescos sem cavar nenhum buraco em nosso quintal ou rastrear uma fonte local de rostos de vaca frescos. Depois de refogar cerca de 13 quilos de carne assada, eu finalmente descobri o clone perfeito com um molho de adobo de sabor semelhante que enche seu assado com sabor enquanto cozinha lentamente para uma iguaria tenra em seu fogão por 5 a 6 horas. Parte do segredo do ótimo molho de adobo é torrar sementes inteiras de cominho e cravo e moê-los em um moedor de café (meça os temperos depois de moê-los). Como o processo de refogar é muito demorado, comece bem cedo e prepare-se para um grande jantar, porque também incluí aqui clones para o pico de gallo da Chipotle, feijão e o delicioso arroz de coentro e lima para completar seus burritos. Você pode adicionar o queijo de sua preferência, além de guacamole e creme de leite para uma versão clone super deluxe.

Esta receita super simples de salsa de pimentão pode ser feita em uma pitada com uma lata de tomates em cubos, alguns jalapeños enlatados, suco de limão fresco, cebola, temperos e um processador de alimentos ou liquidificador. Além disso, você pode facilmente dobrar a receita enviando uma lata maior de 28 onças de tomates em cubos e simplesmente dobrando a quantidade de todos os outros ingredientes. Use este molho versátil como um molho para chips de tortilla ou coloque-o em qualquer prato que precise de ajuda de sabor - de ovos a saladas de taco e wraps a peixe. Você pode ajustar o nível de calor da receita de salsa do pimentão de acordo com seu gosto ajustando a quantidade de jalapeños enlatados na mistura.

Agora, o que há para o jantar? Confira alguns pratos imitadores de seus restaurantes favoritos aqui.

Este clone ultrassecreto do aperitivo de queijo desta rede de comida mexicana de 107 unidades é perfeito para preparar suas festas festivas. Esta receita fará o suficiente da mistura de queijo picante para uma boa festa. O pimentão Anaheim tem um tempero suave, então vamos jogar uma galinha-jalapeno lá para um chute extra. Se você não conseguir encontrar uma pimenta Anaheim, use qualquer pimenta verde suave que estiver disponível, contanto que você obtenha cerca de 1/2 xícara de pimenta em cubos na mistura.

Encontre mais receitas de mergulho famosas aqui.

Todo o processo de preparação desta sopa que Islands serve em "tigelas sem fundo" leva até 3 horas, mas não se deixe desencorajar. A maior parte desse tempo é gasta esperando o frango assar (até 90 minutos - embora você possa economizar tempo usando um frango pré-cozido, veja Petiscos) e deixando a sopa ferver (1 hora). O trabalho real envolvido é mínimo - a maior parte do tempo é gasto cortando os ingredientes vegetais. Esta receita produz uma sopa com um sabor e uma textura incríveis, já que você fará caldo de galinha fresco com a carcaça do frango assado. Quanto à guarnição de tiras de tortilha frita que cobre a sopa, você pode ir do jeito mais difícil ou mais fácil nessa etapa. A maneira mais difícil faz a melhor receita de sopa de tortilla Islands e não é realmente tão difícil: simplesmente fatie tortilhas de milho em tiras, frite as tiras bem rápido e, em seguida, misture as tiras fritas com uma mistura de temperos personalizada. A maneira mais fácil é pegar um saco do novo Doritos com sabor de habanero, que por acaso é semelhante em picante às tiras usadas no restaurante. Simplesmente esmigalhe alguns desses chips por cima de sua tigela de sopa e mergulhe.

No início dos anos 90, o Boston Chicken estava arrasando. O estoque da rede de substitutos de refeição doméstica estava disparando e as filas estavam cheias de clientes famintos esperando para cravar os dentes em uma porção do delicioso frango assado da rede. A rede com frango foi tão bem-sucedida que a empresa rapidamente decidiu que era hora de apresentar outras opções de entradas, a primeira delas era um delicioso bolo de carne de lombo moído coberto com molho barbecue. Mas oferecer as outras entradas apresentava um dilema à empresa: o que fazer com o nome. Os figurões decidiram que era hora de mudar o nome para Boston Market, para refletir um menu mais amplo. Isso significou substituir as placas em centenas de unidades e reformular as campanhas de marketing. Essa mudança de nome, somada à rápida expansão da rede e ao crescimento de outros conceitos semelhantes de refeições caseiras, fez a empresa entrar em parafuso. Em 1988, o ganso do Boston Market estava cozido e a empresa pediu concordata. Logo o McDonald's entrou em cena para comprar a empresa, com a ideia de fechar muitas das lojas para sempre, e colocar a Golden Arches no resto. Mas esse plano foi abandonado quando, depois de vender muitos dos mercados de baixo desempenho de Boston, a rede começou a voar novamente. Um ano após a aquisição, o Boston Market era lucrativo e as refeições com sabor caseiro ainda são servidas em mais de 700 restaurantes do Boston Market em todo o país.

Que tal alguns daqueles acompanhamentos famosos do Boston Market para acompanhar sua receita de bolo de carne imitando? Clonei todos os melhores aqui.

Esta deliciosa oferta de outono chega congelada em cada loja Starbucks e é descongelada pouco antes de abrir pela manhã. Os muffins de queijo cremoso de abóbora eram especialmente populares no outono de 2008. De acordo com meu gerente local da Starbucks, um memorando enviado a todas as lojas alertava sobre a escassez do produto e que o estoque na maioria dos estados seria esgotado antes do feriado chegar. Isso foi informação suficiente para me fazer trabalhar rapidamente em uma receita de hack, e aqui está. Primeiro, adoce um pouco de cream cheese e coloque de volta na geladeira para firmar. É muito mais fácil colocar o topo dos muffins quando está frio. As sementes de abóbora que são polvilhadas em cima de cada bolinho são cristalizadas em uma frigideira grande com açúcar mascavo e canela. Forre uma forma de muffin para 12 xícaras com forminhas de papel, adicione a massa do muffin e um pouco de cream cheese, cubra com as sementes de abóboras cristalizadas e leve ao forno. Em breve, você terá uma dúzia de clones frescos dos incríveis muffins e estará sempre preparado para a próxima escassez de muffins de cream cheese de abóbora.

Veja se eu clonado mais de seus favoritos do Starbucks aqui.

O nome deste molho à base de tomate desmente o seu sabor. Não há nem mesmo um toque picante aqui que alguém possa associar com "chili". Em vez disso, você obtém um molho agridoce que tem mais sabor do que o ketchup e mais pedaços. E quais são esses pedaços? De acordo com o rótulo, são cebolas desidratadas, então é exatamente isso que usaremos nesta fórmula. Certifique-se de obter o tipo que diz cebolas "picadas" secas, porque cebolas "picadas" secas são muito grandes. A receita é simples, pois basta combinar tudo em uma panela e cozinhe até ficar pronto. E se você descer até os Petiscos no final desta receita, mostrarei uma maneira super fácil de transformar esse clone picante em uma bela cópia carbono do Molho Coquetel de Frutos do Mar Heinz.

Fonte: Receitas secretas desbloqueadas por Todd Wilbur.

Descrição do Menu: "Nossa torta de cream cheese que derrete na boca com uma cobertura picante de limão."

Aqui está uma ótima torta de duas camadas com cobertura de limão cobrindo um recheio cremoso de cheesecake. São duas ótimas tortas em uma sobremesa. Esta criação tem vendido muito para Marie Callender, e eu não ouvi nada além de elogios de todos que a experimentaram. Faça a crosta a partir do zero como os profissionais usando esta receita de torta de cream cheese de limão da Marie Callender aqui, ou escolha o caminho mais fácil com uma crosta de cracker de graham pré-fabricada encontrada no corredor de cozimento. De qualquer forma, é o paraíso da torta.

São as batatas fritas mais famosas do mundo, responsáveis ​​por um terço de todas as vendas de batatas fritas nos Estados Unidos, e muitos dizem que são as melhores. Essas tiras de batata frita são tão populares que o Burger King até mudou sua própria receita para competir melhor com a fórmula secreta do Mickey D's. Um quarto de todas as refeições servidas hoje em restaurantes americanos vêm com batatas fritas, um fato que emociona os donos de restaurantes, já que as batatas fritas são o item mais lucrativo do cardápio na indústria alimentícia. Etapas de preparação adequadas foram desenvolvidas pelo McDonald's para minimizar o tempo de preparação na loja, enquanto produz uma fritada que é macia por dentro e crocante por fora. Esse clone requer um processo de fritura em duas etapas para replicar as mesmas qualidades: as batatas fritas são fritas, congeladas e fritas mais uma vez antes de servir. Certifique-se de usar um fatiador para cortar as batatas fritas para obter uma espessura consistente (1/4 de polegada é perfeito) e para obter um resultado de cozimento que as tornará como a coisa real. Quanto ao boato de que você deve molhar as batatas fritas em água com açúcar para ajudá-las a dourar, também achei que não era necessário. Se as batatas estiverem bem desenvolvidas, elas contêm açúcar suficiente para fazer um bom clone com ótima cor.

Agora, que tal um Big Mac ou Quarter Pounder para acompanhar essas batatas fritas? Clique aqui para obter uma lista de todas as minhas receitas imitadoras do McDonald's.

O processo automatizado para a criação de donuts Krispy Kreme, desenvolvido na década de 1950, levou muitos anos para a empresa ser aperfeiçoado. Quando você dirige em sua loja Krispy Kreme local entre 5:00 e 11:00 todos os dias (ambos da manhã e da tarde) e vê a placa "Hot Donuts Now" acesa, dentro da loja máquinas de aço inoxidável feitas sob medida estão rodando. A massa de donut é extrudada em pequenos formatos de donut que sobem e descem por meio de uma cabine com temperatura e umidade controlada para ativar a levedura. Isso cria a quantidade perfeita de ar na massa que resultará em um produto final macio e macio. Quando os donuts estão perfeitamente estufados, eles são gentilmente despejados em um fosso de gordura vegetal quente, onde flutuam de um lado até dourar, e então a máquina os vira para cozinhar do outro lado. Quando os donuts terminam de fritar, eles sobem por uma esteira rolante de malha e passam por uma fita de cobertura de açúcar branco. Se você tiver a sorte de provar um desses donuts assim que ele aparecer na vitrine, você terá um verdadeiro deleite - o círculo quente de guloseimas doces e pastosas praticamente derrete na boca. É esse processo secreto que ajudou a Krispy Kreme a se tornar a rede de donuts de crescimento mais rápido do país.

Como você pode imaginar, o ingrediente principal em um donut Krispy Kreme é a farinha de trigo, mas também há um pouco de glúten, farinha de soja, farinha de cevada maltada e amido alimentar modificado com gema de ovo, leite magro, aromatizante e fermento. Suspeito que uma farinha com baixo teor de glúten, como a farinha para bolo, provavelmente seja usada na mistura original para tornar os donuts macios e, em seguida, o fabricante adiciona o glúten adicional para dar aos donuts a estrutura perfeita para fermentar. Testei muitas combinações de farinha de bolo e glúten de trigo, mas descobri que a melhor textura resultou da farinha de bolo combinada com farinha multiuso. Também tentei adicionar um pouco de farinha de soja à mistura, mas a soja deu um sabor estranho à massa e não beneficiou em nada a textura da massa. Excluí a farinha de cevada maltada e o amido alimentar modificado da receita original de donut glaceado da Krispy Kreme, uma vez que esses são ingredientes difíceis de encontrar. Essas exclusões não parecem ter importância, porque o verdadeiro segredo para fazer esses donuts terem a aparência e o sabor do original reside principalmente no manuseio cuidadoso da massa.

A massa da receita de donut vitrificada original da Krispy Kreme ficará muito pegajosa quando misturada pela primeira vez, e você deve ter cuidado para não misturá-la demais ou poderá acumular alguns fios de glúten duros, e isso resultará em donuts em borracha. Você nem precisa tocar na massa até que ela termine com o primeiro estágio de levedação. Depois que a massa crescer por 30 a 45 minutos, ela ficará mais fácil de manusear, mas você ainda precisará enfarinhar as mãos. Além disso, certifique-se de enfarinhar generosamente a superfície em que está trabalhando ao estender a massa para o corte. Quando cada forma de donut for cortada da massa, coloque-a sobre um pequeno quadrado de papel manteiga que tenha sido polvilhado levemente com farinha. Usar papel manteiga permitirá que você transporte facilmente os donuts (depois que eles crescem) da assadeira para a gordura quente sem esvaziar a massa. Contanto que você não os frite por muito tempo - 1 minuto de cada lado deve ser suficiente - você terá donuts caseiros tenros que irão satisfazer até os maiores fanáticos por Krispy Kreme.

Os chefs talentosos do Benihana cozinham alimentos em churrasqueiras hibachi com talento e carisma, tratando a preparação como um pequeno show de palco. Eles fazem malabarismos com saleiros e pimenteiros, cortam a comida com a velocidade da luz e jogam camarões e cogumelos perfeitamente em pratos de servir ou em seu chapéu alto de chef.

Um dos acompanhamentos que todos parecem adorar é o arroz frito. No Benihana, este prato é preparado por chefs com arroz pré-cozido em churrasqueiras hibachi abertas, e é pedido à la cart para complementar qualquer prato Benihana, incluindo bife de Hibachi e frango. Gosto quando o arroz é jogado na grelha quente de hibachi e parece ganhar vida ao chiar e dançar como um punhado de feijões saltitantes. Ok, então eu me divirto facilmente.

Esta receita de arroz frito japonês Benihana vai bem com praticamente qualquer entrada japonesa e pode ser parcialmente preparada com antecedência e mantida na geladeira até que o resto da refeição esteja quase pronto.

Descrição do Menu: "Demora meio dia para fazer esta combinação perfeita de cebola, aipo, cenoura e alho."

Antes que um chef habilidoso apareça ao lado da mesa para realizar sua prestidigitação culinária na churrasqueira quente hibachi em Benihana, você é tratado com uma saborosa tigela de sopa à base de caldo de galinha com cebolas fritas, cogumelos fatiados e cebolinhas flutuando alegremente em cima. O menu do restaurante afirma que esta sopa leva meio dia para fazer, mas podemos cloná-la em uma fração desse tempo usando caldo de galinha enlatado (eu uso a marca Swanson). Esta sopa funciona muito bem como um prelúdio para seus pratos asiáticos favoritos ou outros clones de Benihana, já que é muito leve e não vai encher ninguém antes do prato principal. Incluí aqui uma técnica simples para fazer cebolas fritas empanadas a partir do zero (para o clone mais preciso), mas você pode pular essa etapa substituindo as cebolas fritas enlatadas da França, vendidas na maioria dos mercados.

($ 23,88 anualmente) *
Economize $ 12 em comparação ao mês

Inclui oito (8) receitas de 79 ¢ à sua escolha todos os meses!

Outras cadeias de alimentos mexicanos, como Chi-Chi's e El Torito, chamam-no de "Bolo de Milho Doce". Mas, no Chevys, o tipo de pudim cheio de milho que é servido com a maioria das entradas é conhecido como "Tomalito". Aquela masa harina ali contida na farinha de milho é usada para fazer tamales, e pode ser encontrada no seu supermercado junto com a fubá e a farinha, ou onde estocam os demais itens mexicanos / espanhóis. Tudo o mais aqui é básico. Enquanto outras receitas de bolo de milho podem exigir milho enlatado ou milho em lata, o mandamento de Chevys "sem latas na cozinha" exige que usemos milho congelado para um clone adequado. Você também pode usar milho que foi cortado da espiga.

Descrição do Menu: "(Nosso aperitivo mais popular.) Queijos parmesão, cheddar e Monterey Jack, coentro, cebola, endro fresco e purê de batata levemente empanado e crocante frito coberto com cebolinha recém-cortada. Servido com molho de ervas com ervas."

Este campeão de vendas é um acompanhamento versátil e alternativo ao purê de batata, mas também se destaca como aperitivo. Com coentro, cebolinha e três queijos diferentes, o sabor é a bomba. Quando você adiciona um empanado crocante e um pouco de molho com ervas regado por cima, fica claro por que este é o aperitivo mais popular no enorme menu Claim Jumper. Experimente colocar uma pitada ou duas de pimenta caiena no molho com ervas para um impulso extra picante.

O texano David Pace vendia 58 variedades diferentes de compotas, geleias e molhos nos fundos de sua loja de bebidas na década de 1940, quando apresentou uma receita de um molho espesso e apimentado à base de tomate que apelidou de "Picante". Quando as vendas do novo molho de David dispararam, ele concentrou todos os seus esforços na comercialização de seu produto totalmente natural e sem conservantes, e projetou o famoso frasco em formato de ampulheta (para evitar que tombasse). Agora, a marca de molho picante mexicana número um da América, a Pace Foods, deixa claro que ainda usa apenas pimentões jalapeno frescos nos molhos, em vez dos jalapenos salgados e menos saborosos - como aquelas fatias de nacho enlatado. Todos os anos, todos os jalapenos frescos usados ​​pela empresa pesam cerca de 30 milhões de libras, e o país engole cerca de 120 milhões de libras de molhos picantes. Aqui está uma receita simples para fazer uma cópia para cozinha do molho Pace Picante de nível médio, que foi a primeira variedade criada por David. As versões suave e quente foram adicionadas em 1981, e você encontrará clones para elas na parte inferior da receita em Tidbits.

Dê uma olhada em todos os outros molhos famosos que você pode fazer em casa aqui.

Gerry Shreiber, que abandonou a faculdade, não estava feliz com o negócio de metalurgia que operava por cerca de sete anos com um amigo, então os dois decidiram se vender. A participação de Shreiber foi de cerca de US $ 60.000, mas ele precisava de um novo emprego. Um dia, ele entrou em uma loja de colchões d'água na Filadélfia e puxou conversa com um homem que mencionou seu investimento em uma empresa problemática de pretzels macios chamada J & amp J soft Pretzels. Shreiber convenceu o homem a deixá-lo visitar a fábrica decadente e, em 1971, comprou a empresa por US $ 72.000. Na época, a J & amp J tinha pelo menos dez concorrentes no negócio de pretzel macio, mas ao longo dos anos Shreiber planejou uma estratégia que eliminaria essa competição e ajudaria sua empresa a crescer - ele comprou a maioria deles.

Hoje, os J & amp J Super Pretzels são incontestáveis ​​no mercado de pretzels gelados e atualmente constituem cerca de 70% dos pretzels macios que são vendidos nos shoppings, lojas de conveniência, parques de diversões, estádios e cinemas do país.

Descrição do Menu: "Nossa famosa torta de abóbora tem a quantidade certa de tempero."

Os vinhos da Marie Callender's deixaram uma impressão além das raízes da costa oeste da rede, com pratos caseiros embalados e acompanhamentos disponíveis em seções de congelados de supermercados em todo o país. A fabricação de tortas é onde a corrente se destaca. Uma fatia fresca de uma torta de Marie Callender é o mais perto que você vai chegar do paraíso caseiro deste lado da janela da varanda da vovó. Este clone é uma seleção óbvia, já que o restaurante vende mais tortas de abóbora do que qualquer outro, mesmo nos meses fora dos feriados. Este clone é uma oportunidade perfeita para aprimorar receitas de torta de abóbora nojentas (como aquelas encontradas em latas de abóbora enlatada, por exemplo) de várias maneiras. Por um lado, não há necessidade de usar leite evaporado em lata, quando o leite integral fresco e as natas são muito melhores. E três ovos, contra dois encontrados em muitas receitas, irão adicionar riqueza e firmeza ao recheio cozido. Depois de misturar o recheio, vamos deixá-lo descansar um pouco enquanto esperamos o pré-aquecimento do forno. Dessa forma, ela pode chegar mais perto da temperatura ambiente e o recheio da torta assará de maneira mais uniforme. A receita do clone incluída aqui para a crosta usa uma combinação gelada de manteiga e gordura vegetal para a mistura perfeita de sabor e flocos.

Se você está procurando algo para agradar tanto os amantes de abóbora quanto de nozes, experimente o meu clone de cheesecake de abóbora com noz-pecã da Cheesecake Factory.

Atualização 12/10/17: Fiz algumas alterações para melhorar esta receita. Aumentei a abóbora para 19 onças (ou 2 1/2 xícaras) para preencher melhor a crosta. Pegue uma lata grande de abóbora. Além disso, tirei a gema da crosta para obter um produto final mais escamoso e macio. Além disso, por causa do recheio adicional, aumentei o tempo de cozimento em 10 minutos para 60 a 70 minutos. Se você perceber que a crosta está ficando muito escura no topo, use um protetor de crosta de torta ou molde um pouco de papel alumínio ao redor da crosta para evitar que dourar demais.

Popeyes Famous Fried Chicken and Biscuits se tornou a terceira maior rede de frango de serviço rápido do mundo nos vinte e dois anos desde que sua primeira loja foi inaugurada em Nova Orleans em 1972. (KFC tem o slot número um, seguido por Church's Chicken ) Desde então, a rede cresceu para 813 unidades, muitas delas no exterior, na Alemanha, Japão, Jamaica, Honduras, Guam e Coréia.

Pimenta de Caiena e pimenta branca trazem o calor a este frango frito crocante.

Gostou desta receita? Ponha as mãos na minha receita secreta de Popeyes Chicken Sandwich e outros pratos Popeyes aqui.

Descrição do Menu: "Bife picante, desfiado, refogado com nosso próprio chipotle adobo, cominho, cravo, alho e orégano."

O prato mexicano original barbacoa era tradicionalmente preparada cozinhando quase qualquer tipo de carne de cabra, peixe, frango ou bochecha de vaca, para citar apenas alguns, em uma cova coberta com folhas em fogo baixo por muitas horas, até ficar macia. Quando o prato chegou aos Estados Unidos via Texas, a palavra se transformou em "churrasco" e a preparação mudou para incorporar técnicas de superfície, como fumar e grelhar. A boa notícia é que podemos recriar a carne barbacoa que Chipotle tornou popular em seus burritos gigantescos sem cavar nenhum buraco em nosso quintal ou rastrear uma fonte local de rostos de vaca frescos. Depois de refogar cerca de 13 quilos de carne assada, eu finalmente descobri a receita perfeita do Chipotle Mexican Grill barbacoa burrito com um molho de adobo de sabor semelhante que enche seu assado com sabor enquanto cozinha lentamente até se tornar uma iguaria tenra em seu fogão após 5 a 6 horas. Parte do segredo do ótimo molho de adobo é torrar sementes inteiras de cominho e cravo e moê-los em um moedor de café (meça os temperos depois de moê-los). Como o processo de refogar é muito demorado, comece bem cedo e prepare-se para um grande jantar, porque também incluí aqui clones para o pico de gallo da Chipotle, feijão e o delicioso arroz de coentro e lima para completar seus burritos. Você pode adicionar o queijo de sua preferência, além de guacamole e creme de leite para uma versão clone super deluxe. Se você preferir burritos de frango, siga para a minha receita clone de Frango Adobo Grelhado Qdoba.

Seria necessário um pouco de suco de limão verdadeiro para dar a esse clone de pão úmido o toque de limão perfeito do original. Com muito líquido acabamos com uma massa fina e, finalmente, um pão de limão assado que não tem a qualidade densa e saborosa do café original. Portanto, para evitar a produção de uma massa muito líquida, devemos recorrer ao extrato de limão. Acabou com o extrato de baunilha no corredor de cozimento. Este aroma de limão concentrado funciona bem junto com suco de limão real para nos dar o sabor de limão perfeitamente intenso de que precisamos para uma receita de bolo de pão de limão matadora da Starbucks. O extrato de limão também funciona como um encanto para dar sabor à cobertura que vai completar sua comida falsa.

Recrie mais de suas bebidas e guloseimas Starbucks favoritas aqui.

Peito de frango fatiado, alface romana, pico de gallo, tiras de tortilha e queijo cotija compõem a Salada César do El Pollo Loco, mas é a fantástica receita cremosa de molho de coentro que leva os raves. Basta combinar esses ingredientes básicos em um liquidificador e em breve você terá mais de uma xícara do delicioso molho clonado e pronto para despejar sobre qualquer uma das suas criações de saladas caseiras.

Você também pode fazer Frango Grelhado à Chama El Pollo Loco, feijão, arroz espanhol e muito mais. Encontre minhas receitas imitadoras aqui.

A Jerrico, Inc., empresa controladora da Long John Silver's Seafood Shoppes, teve seu início em 1929 como uma barraca de hambúrguer com seis bancos chamada White Tavern Shoppe. Jerrico foi iniciado por um homem chamado Jerome Lederer, que viu as treze unidades de Long John Silver diminuírem na sombra da Segunda Guerra Mundial para apenas três unidades. Então, com determinação, ele começou a reconstruir. Em 1946, Jerome lançou um novo restaurante chamado Jerry's e foi um sucesso estrondoso, com crescimento em todo o país. Em seguida, ele arriscou-se no que seria seu empreendimento de maior sucesso em 1969, com a inauguração do primeiro Long John Silver's Fish 'n' Chips. O nome foi inspirado na Ilha do Tesouro de Robert Louis Stevenson. Em 1991, havia 1.450 Long John Silver Seafood Shoppes em 37 estados, Canadá e Cingapura, com vendas anuais de mais de US $ 781 milhões. Isso significa que a empresa detém cerca de 65% dos negócios de frutos do mar de serviço rápido de US $ 1,2 bilhão.

Descrição do Menu: "Pão Grelhado Coberto com Tomate Fresco Picado, Cebola Vermelha, Alho, Manjericão e Azeite de Oliva."

Em 1972, Oscar e Evelyn Overton se mudaram de Detroit para Los Angeles para construir uma padaria atacadista que venderia cheesecakes e outras sobremesas de alta qualidade para restaurantes locais. Os negócios foram um grande sucesso, mas alguns restaurantes recusaram os preços altos que a padaria cobrava por suas sobremesas. Então, em 1978, o filho do casal, David, decidiu abrir um restaurante próprio - o primeiro restaurante Cheesecake Factory - na elegante Beverly Hills. The restaurant was an immediate success and soon David started an expansion of the concept. Sure, the current total of 20 restaurants doesn't seem like a lot, but his handful of stores earns the chain more than $100 million in business each year. That's more than some chains with four times the number of outlets rake in.

Bruschetta is one of the top-selling appetizers at the restaurant chain. Bruschetta is toasted bread flavored with garlic and olive oil, broiled until crispy, and then arranged around a pile of tomato-basil salad in vinaigrette. This salad is scooped onto the bruschetta, and then you open wide. This version makes five slices just like the dish served at the restaurant, but the recipe can be easily doubled.

You've got a hankerin' for pancakes or biscuits, but the recipe calls for Bisquick, and you're plum out. Não se preocupe. Now you can make a clone of the popular baking mix at home with just four simple ingredients. Store-bought Bisquick includes shortening, salt, flour, and leavening, so that's exactly what we need to duplicate it perfectly at home. This recipe makes about 6 cups of the stuff, which, just like the real thing, you can keep sealed up in a container in your pantry until it's flapjack time. When that time comes, just add milk and eggs for pancakes or waffles, or only milk if it's biscuits you want. You'll find all those recipes below in the "Tidbits."

Descrição do Menu: "This succulent 10 oz. steak is jazzed up with Cajun spices and served with sauteed onions, mushrooms, garlic mashed potatoes and garlic toast."

This Cajun-style dish is named after the famous street in the French Quarter in New Orleans, so you won't need any booze for this recipe unless it's for you to drink while you're making it. Plan to make this dish 12 to 24 hours in advance, so the steaks have time to soak up the goodness. This marinating time will also give the meat tenderizer a chance to do its thing, but don't go longer than 24 hours or the protein fibers may become so tender that they turn mushy. I used McCormick brand tenderizer, which uses bromelian, a pineapple extract, to tenderize the meat. Lawry's (Adolph's) meat tenderizer, uses papain from papayas, to tenderize the proteins, but this brand also brings other spices into the mix and will alter the flavor of your finished product. Both of these tenderizers contain a lot of salt so we won't need to include salt in the marinade formula.

Try my copycat recipe for Applebee's almond rice pilaf as great side-dish.

Descrição do Menu: "Peito de frango à milanesa com molho picante de asas. Servido com molho de queijo bleu fresco."

Este clone recria o sabor picante das asas de frango tradicionais do Buffalo, mas os ossos e a pele são deixados para trás no Buffalo. Isso porque essas "asas" são, na verdade, nuggets fatiados de filés de peito de frango, depois empanados e fritos, e sufocados com o mesmo tipo de molho picante usado nas asas tradicionais. Se você gosta do sabor das asas de búfalo, mas gostaria de usar um garfo, seus sonhos picantes se tornaram realidade. Sirva com um pouco de aipo e molho de queijo bleu ao lado para mergulhar.

Experimente mais receitas imitadoras do meu pimentão aqui.

While most restaurant chains attempt to keep their menus simple so as not to tax the kitchen, the Cheesecake Factory's menu contains more than 200 items on a 17-page menu. And at the end of the meal there are 40 cheesecakes to choose from for dessert, including the delicious Pumpkin Cheesecake hacked here for you.

Use an 8-inch springform pan for this recipe. If you don't have one, you should get one. They're indispensable for thick, gourmet cheesecake and several other scrumptious desserts. If you don't want to use a springform pan, this recipe will also work with two 9-inch pie plates. You'll just end up with two smaller cheesecakes.

Find more of your favorites from Cheesecake Factory here.

Descrição do Menu: "Our famous Original cheesecake recipe! Creamy and light, baked in a graham cracker crust. Our most popular cheesecake!"

Oscar and Evelyn Overton's wholesale cheesecake company was successful quickly after it first started selling creamy cheesecakes like this clone to restaurant chains in the early 1970's. When some restaurants balked at the prices the company was charging for high-end desserts, Oscar and Evelyn's son David decided it was time to open his own restaurant, offering a wide variety of quality meal choices in huge portions, and, of course, the famous cheesecakes for dessert. Today the chain has over 87 stores across the country, and consistently ranks number one on the list of highest grossing single stores for a U.S. restaurant chain.

Baking your cheesecakes in a water bath is part of the secret to producing beautiful cheesecakes at home with a texture similar to those sold in the restaurant. The water surrounds your cheesecake to keep it moist as it cooks, and the moisture helps prevent ugly cracking. You'll start the oven very hot for just a short time, then crank it down to finish. I also suggest lining your cheesecake pan with parchment paper to help get the thing out of the pan when it's done without a hassle.

This recipe is so easy, even a 2-year old can make it. Confira o vídeo.

More amazing Cheesecake Factory copycat recipes here.

Descrição do Menu: "Our award-winning Baby Back Ribs are slow-roasted, then basted with Jim Beam Bourbon BBQ Sauce and finished on our Mesquite grill."

When your crew bites into these baby backs they'll savor meat so tender and juicy that it slides right off the bone. The slow braising cooks the ribs to perfection, while the quick grilling adds the finishing char and smoky flavor. But the most important component to any decent rack of ribs is a sauce that's filled with flavor, and this version of Roadhouse Grill's award-wining sauce is good stuff. I ordered the ribs naked (without sauce) so that I could see if there was any detectable rub added before cooking and I didn't find anything other than salt and a lot of coarse black pepper. So that's the way I designed the recipe, and it works.

Now, how about a copycat Roadhouse Grill Roadhouse Rita to wash down those ribs.

Panera Bread's Baked Spinach and Artichoke Egg Souffle reminds me of a breakfast Hot Pocket, if a Hot Pocket tasted really good. With eggs, cheese, spinach, and artichoke hearts baked into a buttery crust, this super-cool presentation will earn you big bonus points from your crew in the a.m. And the best part about this copycat Panera spinach souffle recipe is you won't stress out over making the dough from scratch since you use premade Pillsbury Crescent Dough that comes in a tube. Just be sure when you unroll the dough that you don't separate it into triangles. Instead, pinch the dough together along the diagonal perforations to make four squares. After the dough is rolled out, line four buttered ramekins with each square, fill each ramekin with the secret egg mixture, and bake.

Find more of your favorite recipes from Panera Bread here.

Descrição do Menu: "A delicious combination of ham and turkey, plus Swiss and American cheeses on wheat bread. Lightly battered and fried until golden. Dusted with powdered sugar and served with red raspberry preserves for dipping."

It sounds crazy, but it tastes great: a triple-decker ham, turkey, and cheese sandwich is dipped in a tempura-style batter fried to a golden brown then served with a dusting of powdered sugar and a side of raspberry preserves. For over ten years tons of cloning requests for this one have stacked up at TSR Central, so it was time for a road trip. There are no Bennigan's in Las Vegas, and since the Bennigan's chain made this sandwich famous, I headed out to the nearest Bennigan's in San Diego. Back home, with an ice chest full of original Monte Cristo sandwiches well-preserved and ready to work with, I was able to come up with this simple clone for a delicious sandwich that is crispy on the outside, and hot, but not greasy, on the inside (the batter prevents the shortening from penetrating). This recipe makes one sandwich, which may be enough for two. If you want to make more, you'll most likely have to make more batter so that any additional sandwiches get a real good dunking. Recently, Bennigan's restaurants across the country have been closing, but with this secret formula you can still experience the taste of the chain's signature sandwich.

Cópia exclusiva assinada. Melhores receitas imitadoras da América! Economize dinheiro e surpreenda seus amigos com cópias carbono culinárias totalmente novas do Rei da Receita do Clone!

Por mais de 30 anos, Todd Wilbur foi obcecado por alimentos famosos de engenharia reversa. Usando ingredientes todos os dias para replicar pratos de restaurante de assinatura em casa, Todd compartilha suas descobertas deliciosas com leitores em todos os lugares.

Agora, suas papilas gustativas superinvestidoras estão de volta ao trabalho na terceira edição de seu mega-best-seller Receitas secretas de restaurantes série, com 150 novas receitas sensacionais que desbloqueiam as deliciosas fórmulas para recriar seus pratos favoritos das cadeias de restaurantes mais populares da América. Os projetos ultrassecretos de Todd e as instruções simples passo a passo garantem grande sucesso até mesmo para cozinheiros novatos. E ao preparar esses pratos incríveis e saborosos em casa, você estará pagando até 75 por cento menos do que comer fora!

Descubra como fazer suas próprias versões caseiras de: Pizza Hut Pan Pizza, T.G.I. Fritas com feijão verde crocante de Friday's, Buca di Beppo Chicken Limone, Serendipity 3 Frrrozen Hot Chocolate, P.F. Chang's Kung Pao Chicken, Max & amp Erma's Tortilla Soup, Cracker Barrel Double Chocolate Fudge Bolo de Coca-Cola, Olive Garden Breadsticks, Cheesecake Factory Bolo de Creme de Banana Fresca, Carrabba's Chicken Bryan, Famosos Dave's Corn Muffins, Outback Chocolate Thunder from Down Under, T.G.I. Jack Daniel's Glazed Ribs, de sexta-feira, e muito, muito mais.

Simples. Infalível. Fácil de preparar. E tão delicioso que você vai jurar que é autêntico!


Afternoon tea recipes

Throw your own afternoon tea party with our selection of teatime treats, from delicate scones, cakes and patisserie to savoury pies and scotch eggs.

Classic scones with jam & clotted cream

You can have a batch of scones on the table in 20 minutes with Jane Hornby's storecupboard recipe, perfect for unexpected guests

Lemon drizzle slices

A classic British cake from the Bake Off judge, Paul Hollywood's lemon drizzle is a simple traybake, made extra special with feather icing

Butterfly cupcakes

These pretty cupcakes are perfect for a special occasion. The flavoured syrup help the cakes stay moist, so you can make them a day ahead and decorate the next day

Angel cake

Treat guests to this colourful angel cake with decorative fondant icing. It will go down well with a cuppa for afternoon tea

Afternoon tea sandwiches

Keep the whole family happy this summer with a delicious spread of sandwiches, perfect for an afternoon tea or buffet

Eclairs

A classic eclair recipe of light choux pastry filled with rich crème pâtissière. Make the basic buns, then fill with on-trend flavours and colourful glazes for a stunning afternoon tea treat

Classic cheese scones

Indulge in some cheese scones for afternoon tea or as part of a picnic. They're also great served alongside soups and you can freeze them for later use


Black Cocoa Peanut Sandwich Cookies

These cookies are so ridiculously simple and so delicious. The cookie element is based around my melting moment recipe, a melt in the mouth, incredibly tender cookie. I use black cocoa but you can also use a regular dutched cocoa powder if thats what you have on hand. The balls of cookie dough are rolled in salted peanuts and pressed into flat discs and then baked. The filling is a simple white chocolate ganache mixed with peanut butter. Its the sort of cookie you want mid morning with a strong cup of coffee.

Before we get to the recipe lets talk about cocoa powder for a second. Cocoa powder comes from the cocoa pods and specifically the beans inside those pods, so far so obvious. The beans are fermented and then dried. Generally they are then roasted (unless the product is destined to be used for ‘raw’ chocolate or cocoa powder but I wont be talking about that process here). The beans are then cracked open and the nibs are ground into what is called cocoa liquor and then, using a hydraulic press, the liquor is pressed under great pressure to extract most of the cocoa butter leaving behind a product known as a cocoa cake. This cake is dried once again and then ground into cocoa powder.

Why then is there such a variety in cocoa powders, what is the difference between natural, dutched and black? Natural is the cocoa powder made as above with no additional processing, it is a light almost dusty brown colour and is bright and acidic in flavour. Dutched cocoa goes through an alkalisation process which lessens the acidity and makes a deeper richer tasting cocoa powder with a darker colour. In the UK and Europe this is traditionally the main type of cocoa powder available although natural and raw cocoa have become more popular over the last few years. Black cocoa, with its characteristic charcoal black colour, is a variation of dutched cocoa powder, the process of alkalisation taken to its limit to make an intensely dark and slightly bitter cocoa powder, if you’ve ever eaten an oreo you’ve had black cocoa. I like black cocoa for its colour and its flavour but its not suitable for everything, the flavour isn’t a pronounced chocolate flavour its much more roasted than that so if you want classic chocolate flavours I would a traditional dutched powder.

Whenever I use black cocoa I am always asked where to buy it as in the UK it is a relatively unknown product, at least until recently. I would always bring some home from the US when there on holiday or for work, King Arthur Baking sell my go-to version. Someone imports that brand into the UK but it is criminally expensive so I am thankful that a few new brands have sprung up to make it easier, and cheaper, to buy. Van Houten was the first brand more widely available, selling on Amazon, but I am yet to test this brand out. When I buy the cocoa myself I get it from De Zaan, a commercial cocoa powder producer that have recently started selling in a more direct to customer facing way. You can find there cocoa powder on Amazon and on from HB ingredients.

Before we get to the recipe a brief note on peanut butter. When baking with peanut butter you need to be careful about what style you use. Generally you want to be using a commercial peanut butter and this is for the simple reason that it is less likely to split creating odd textures in the finished recipes. By all means you can use a natural peanut butter but be aware the result might not look like you envisioned or like the images of the recipe.

Black Cocoa Peanut Melting Moments with Peanut Butter Ganache
Makes 15 Sandwich Cookies

Cocoa Melting Moments
250g unsalted butter, room temperature
1/2 colher de chá de extrato de baunilha
200g de farinha simples
60g black cocoa powder
85g icing sugar
30g de farinha de milho
175g salted peanuts, roughly chopped

Peanut Butter Ganache
100ml de creme duplo
125g white chocolate
75g smooth peanut butter

Preheat the oven to 160ºC (140ºC Fan) and line a couple baking sheets with parchment paper.

For the cookies place the butter into a large bowl and use an electric mixer to beat until soft and creamy. Add the vanilla and beat briefly to combine. In a separate bowl whisk together the flour, cocoa, icing sugar and cornflour. Add the flour mixture to thee butter mixture and mix on slow speed just until a dough is formed.

Divide the dough into 20g portions and roll them into balls. Roll the balls in the chopped peanuts, your not looking to fully coat the balls just get a decent amount of peanuts on each cookie. Place the balls onto parchment lined baking trays leaving a little space between each cookie. Using a glass or measuring cup press each ball into a flat disc. Spraying the glass with a little oil can help prevent them sticking.

Bake the cookies in the preheated oven for about 20-25 minutes or until the edges are set and dry.

Remove the trays from the oven and allow the cookies to cool fully.

To make the ganache place the chocolate and cream into a small saucepan and place over low heat. Stir constantly, making sure to scrape the bottom of the pan to prevent anything from scorching, until the chocolate has melted. Pour the ganache into a small bowl and stir to make sure everything is combined. Set aside for 10 minutes before adding the peanut butter and using a small whisk to combine into the ganache. The ganache needs to be a little cool before adding the peanut butter as the heat can make the mixture split. Refrigerate the ganache until thickened enough to hold its shape but still spreadable, 60-90 minutes. Pipe or spread a small amount of ganache onto half of the cookies and sandwich together with a second cookie. Refrigerate for 30 minutes or until the ganache has fully set.


Strawberries and cream Victoria doughnut sandwiches recipe - Recipes

it may have been the individual brownie pan I have, which is like a cupcake pan, but the holes are square. You can get these quite easily nowadays – and definitely online, if you can’t get hold of them. They are good for so much more than brownies.

To make the sponge, I took a tip from Dame Mary Berry and used a baking spread, starting with 'St' and ending with 'Ork', instead of butter. It gives a good old-fashioned taste to the bake, like I used to have when I was a kid. Margarine and other non-butter spreads were used a lot in baking years ago. No one ever used vanilla extract in their Vicky sponge as far as I can remember!

Mini Victoria Sandwiches


Individual Victoria Sponges
in little sandwich shapes

Cozinha: Sobremesa Categoria: Bolo Yields: 12 cakes
Tempo de preparação: 10 Mins Hora de cozinhar: 12 Mins Tempo total: 22 Mins

  • 100 grams baking spread
  • 100 grams caster sugar
  • 2 ovos médios
  • 100 grams self-raising flour
  • 100 grams unsalted butter, softened
  • 150 grams icing sugar
  • ½ teaspoon vanilla extract
  • 100 grams strawberry jam
  1. Pré-aqueça o forno a 180C. Grease and flour a 12 square hole baking tin.
  2. In a bowl, add the spread, caster sugar, eggs and flour. Beat until a smooth cake batter consistency is achieved.
  3. Divide the batter equally between the squares. Bake in the oven for 12 minutes, or until golden brown and a toothpick comes out clean from the centre.
  4. Allow to cool for 5 minutes before removing from the tin. Deixe esfriar completamente.
  5. Make the buttercream by beating the butter and icing sugar together until smooth and add the vanilla, mixing in.
  6. Split the cooled cake in half horizontally and spread, or pipe, on the buttercream and jam.
  7. Sandwich together and dust with some extra icing sugar.

I'm entering these mini victoria sandwiches into this month's Treat Petite, hosted by Kat, The Baking Explorer. The theme is Picnic Treats and these would be the perfect sweet treat to enjoy during a picnic.


Going Gluten Free

As you can see from the photographs there is no real visual difference between the gluten free and regular Strawberry Whipped Cream Giant Doughnut. Only the size of the strawberries! The ones in the photo above were huge, which made them easier to pipe. Whereas the smaller ones were more tricky. If possible choose longer strawberries as they look more effective with the piping on. That said, I’d definitely choose flavour over size any day. The strawberries above may have been big, but they were also utterly delicious!

How do I tell if they are going to taste good? I smell them. If the punnet smells of warm summer strawberries they will taste delicious, however, if you can barely detect that delicious strawberry smell, move on as they will be bland.

Both of these giant doughnuts were made to go with afternoon tea and they were a huge hit. So, whether you are on a restricted diet or not, you can make this Strawberry Whipped Cream Giant Doughnut and feast!


Conteúdo

The earliest known recipe for sponge cake (or biscuit bread) from Gervase Markham's The English Huswife (1615) is prepared by mixing flour and sugar into eggs, then seasoning with anise and coriander seeds. [5] 19th century descriptions of avral vary from place to place but it sometimes described as "sponge biscuits" or a "crisp sponge" with a light dusting of sugar ". [6] Traditional American sponge recipes diverged from earlier methods of preparation, adding ingredients like vinegar, baking powder, hot water or milk. [7] The basic recipe is also used for madeleines, ladyfingers, and trifles, as well as some versions of strawberry shortcake. [8]

Although sponge cake is usually made without butter, its flavor is often enhanced with buttercream, pastry cream or other types of fillings and frostings. [9] Sponge soaks up flavors from fresh fruits, fillings and custard sauces. [7] Sponge cake covered in boiled icing was very popular in American cuisine during the 1920s and 1930s. The delicate texture of sponge and angel food cakes, and the difficulty of their preparation, meant these cakes were more expensive than daily staple pies. At the historic Frances Virginia Tea Room in Atlanta sponge cake with lemon filling and boiled icing was served, while New York City's Crumperie served not only crumpets but toasted sponge cake as well. [10] [7]

The basic whisked sponge cake does not contain any fat. It is made by whisking egg whites and caster sugar and gently folding in flour. [8] The process of whisking egg whites incorporates air bubbles to create a foam by agitating the protein albumen to create a partially coagulated membrane, making the egg whites stiffer and increasing their volume. [11] This type of cake, also called foam cake, depends on aeration of eggs and heat to rise. [9] Some types of sponge are baked in ungreased pans to improve the cake's rise by allowing the batter to adhere and climb the sides of the pan. [7] To maintain the moisture of the cake it is sometimes made with potato flour. [12]

Variations on the basic sponge sometimes add butter or egg yolks to make the cake more moist. For Genoise cake flour and melted butter are added to the egg mixture for a moister cake. [8] The "biscuit" sponge from early American cuisine is made by beating egg yolks with sugar, then alternately folding in whisked egg whites and flour. Anne Willan says both types of sponge cake are represented in French cuisine. According to Willan "sponge may have some butter added, but not much or it will not rise". [7] Cream of tartar or baking soda are recommended by some turn of the century cookbooks to make Swiss rolls more pliable and easier to roll. [13]

For some cakes, like the Victoria Sponge, fat and sugar are creamed before eggs and flour are incorporated into the batter, similar to pound cake. [8] [14] In British English layer cakes like the Victoria Sponge are called "sandwich sponge". [6] This type of buttery cake was not possible without baking powder, which was discovered by English food manufacturer Alfred Bird in 1843, allowing the sponge to rise higher. [15] [16]

Asian Edit

In the Philippines, sponge cakes and chiffon cakes were introduced during the Spanish period. They are known collectively as mamón. They are typically baked as cupcakes (torta), as loaves (taisan), or as cake rolls (pianono) Traditionally they are simply served with just butter (or margarine) and white sugar. Variantes de mamón also use unique ingredients, the most common being purple yam and pandan leaves which result in the ube cake and the buko pandan cake. [17] [18] [19] Crispy cookie-like versions are known as mamón tostado e broas. [20] [21] [22]

Steamed sponge cake like the ma lai gao are commonly found in Malaysia. Chinese almond sponge is steamed and topped with boiled icing, chocolate, vegetables or fresh fruit. Korean sponge called saeng is usually made with rice flour and topped with whipped topping and fruit. Some Vietnamese varieties may have fresh herbs like mint, lemon grass or basil added to the batter, and be topped with caramelized tropical fruit. Milk and jaggery are added to sponge cake in India which is served with the creamy Sri Lankan specialty "avocado crazy". [3] Western style sponge cakes topped with whipped cream and strawberries are popular in Japan where sponge is also used as a base for cheesecakes. [5]

Angel food cake Edit

Angel food cake is a 19th-century American cake that contains no egg yolks or butter. The cake is leavened using only egg whites and baking powder. [5] This recipe can be traced to 18th century American cookbooks. The delicate cake is baked in an ungreased pan and cooled upside down. [7]

Chiffon cake Edit

Chiffon cake is a light and moist cake made with vegetable oil. It is similar to angel food cake and was commonly served with grapefruit at the Brown Derby in Hollywood during the 1930s. [6]

Génoise cake Edit

The Génoise cake evolved from pan de spagna. The addition of butter by French pastry cooks created a cake texture that more resembled pound cake than traditional sponge cake. Techniques were developed to make the cake lighter, including beating the eggs over heat, or beating the egg yolks and whites separately. [23]

Joconde cake Edit

A relative of the Génoise, the Joconde sponge cake (or Biscuit Joconde) is a thin sponge cake made with ground almonds. [24] [14] It can be used as a layer in a layer cake (for example an Opera cake), or for decorative purposes as Joconde imprime. [24] [25]

Pão-de-Ló Edit

This sponge variation from Portuguese cuisine is flavoured with lemon or orange peel. It is served plain, and day old cake may be incorporated into other desserts like puddings. o pão-de-Ló de Alfeizerão is lightly baked to a pudding like consistency and flavored with brandy. Anecdotal legends about the cakes origin associate it with a secret recipe passed down by nuns to the village of Alfeizerão. The manufacture for commercial markets began during the Portuguese Revolution of 1910. [26] The Pão-de-Ló evolved from the old French pain de lof, which in turn was a Dutch borrowing from loef. [27] All variants loef, lof, refer to a nautical sail or cloth's side where the wind blows. [28] The French adopted the Italian Genovês version of the cake and called it génoise. In Italy the cake was known as pan di spagna. Also in France and Portugal the same equivalent terms were used around the 16th century, respectively pain d’Espagne e pão de Hespanha/pão de Castella. Introduced to Japan by Portuguese traders in the 16th century, the Japanese variations on the cake are known as castella, kasutera ou simplesmente frigideira. [6] [29]

Plava Edit

Plava is a sponge cake that is found in Jewish cuisine and usually eaten during Pesach. The batter is leavened with egg whites and frequently includes flavorings like lemon zest or almond essence. [30]

Swiss roll Edit

A swiss roll is a thin sponge cake that is spread with a layer of filling and rolled. [14]

Tipsy cake Edit

Isabella Beeton included a recipe for her version of Tipsy Cake in Mrs Beeton's Book of Household Management where the cake was baked in a decorative mold before it was soaked in sherry and brandy with custard poured over, or broken into smaller pieces and topped with whipped cream like trifle. [31]

Trifle Edit

The earliest known form of trifle was a simple thickened cream flavored with sugar, rosewater and ginger but recipes for egg-thickened custard poured over sponge fingers, almond macaroons and sack-soaked ratafia biscuits are known from the mid-18th century. In 1747 Hannah Glasse adds syllabub and currant jelly over the custard. Similar recipes are known for the same time with the sponge soaked in sherry, wine or fruit juice. Eliza Acton's recipe for "Duke's Custard" was made from custard poured over brandied cherries rolled in sugar with sponge fingers (or macaroons) and pink whipped cream. Wyvern complained that trifle "should be made to time-honored standards, and not debased into a horror of stale cake, mean jam, canned fruits, packet jelly and packet custard." [31]

Victoria sponge Edit

The Victoria sponge, also known as the Victoria sandwich cake, was named after Queen Victoria, who was known to enjoy the small cakes with her afternoon tea. The version Queen Victoria ate would have been filled with jam alone, but modern versions often include cream. [32] The top of the cake is not iced or decorated apart from a dusting of caster sugar. The recipe evolved from the classic pound cake made with equal proportions of flour, fat, sugar and eggs. The invention of baking powder in 1843 by English food manufacturer Alfred Bird allowed the cake to rise higher than was previously possible. [32] [16] Cookery author Felicity Cloake writes that this invention "was celebrated with a patriotic cake"—the Victoria sponge. [32] According to Alysa Levene of Oxford Brookes University the term "sponge" is used "erroneously" for the Victoria Sandwich cake:

The pound cake became popular in Britain in the eighteenth century as cake moved away from its heavy, fruity incarnations toward something lighter and more golden, eventually becoming the iconic Victoria sandwich cake (also known – erroneously – as a Victoria sponge) [33]

A Victoria sponge is made using one of two methods. [15] The traditional method involves creaming caster sugar with fat (usually butter), mixing thoroughly with beaten egg, then folding flour and raising agent into the mixture. The modern method, using an electric mixer or food processor, involves simply whisking all the ingredients together until creamy. [34] [8] [35] Additionally, the modern method typically uses an extra raising agent, and some recipes call for an extra-soft butter or margarine. [15] This basic "cake" mixture has been made into a wide variety of treats and puddings, including cupcakes, chocolate cake, and Eve's pudding. [34] [35] [8]

At Passover Edit

Since sponge cakes are not leavened with yeast, they are popular dessert choices for the Passover feast. [36] Typically, Passover sponges are made with matzo meal, shredded coconut, [37] matzo flour, potato flour, or nut flour (almond, hazelnut etc.) since raw wheat products may not be used. [38] No raising agent may be used due to the strict prohibition of even the appearance of a leavening effect. Therefore, the beating of egg whites in the mix to achieve the aeration is an essential characteristic of any Passover sponge recipe. Many families have at least one recipe they pass down through generations, and matzo meal-based cake mixes are available commercially. Several brands are easily found in kosher stores, especially before Passover. Typical flavorings include almonds, apples, dark chocolate, lemon, pecans, and poppy seeds. Apple or orange juice is the liquid ingredient. Milk is avoided, because it cannot be included in a dessert to be served after a meat based meal. The sponge, or a heavier variant in the form of an almond pudding, may be included as an element of the dessert in the Passover meal during the Seder service, when it is often combined in serving with a fruit compote. [39] [40]

On Christmas Edit

The Yule log is a Christmas dessert made from a sheet of sponge cake spread with filling and rolled up. It is topped with chocolate to give the appearance of bark. Decorative elements like mushrooms made of meringue, spun-sugar spiderwebs or crushed pistachios can be added to enhance the cake's finished appearance. [6]

Pandan cake is a sponge cake of Southeast Asian origin. The cake-making technique was brought into Asia through European trade or colonisation.


Assista o vídeo: Pączki z bitą śmietaną i truskawkami (Janeiro 2022).